F1: Alfa Romeo explica decisão de gastar fichas em novo bico e modificações na dianteira do C41

Segundo o diretor técnico Jan Monchaux, a equipe optou por uma área que pudesse trazer o maior retorno de investimento

F1: Alfa Romeo explica decisão de gastar fichas em novo bico e modificações na dianteira do C41

A Alfa Romeo revelou nesta segunda-feira (22) o C41, carro da temporada 2021 da Fórmula 1. E em meio a um regulamento congelado por causa da pandemia, a equipe suíça optou por gastar suas fichas de desenvolvimento no design de um novo bico e outras partes ao redor da dianteira do modelo.

Após o evento desta segunda, a Alfa segue para a Espanha, onde o C41 irá para a pista pela primeira vez na próxima sexta, em um teste no circuito de Barcelona.

Leia também:

Todas as equipes tinham a permissão de usar duas fichas de desenvolvimento para resolver problemas específicos em seus carros para 2021. Enfrentando uma escolha difícil sobre onde focar seus recursos para 2021, o diretor técnico da Alfa Romeo, Jan Monchaux, revelou que a equipe optou investir suas fichas na parte dianteira do carro.

"Decidimos investir as fichas em um novo bico. Então a ele e a caixa de proteção são novos, e optamos por isso por questões de aerodinâmica. Obviamente trabalhamos massivamente na suspensão dianteira, a asa dianteira e nos tambores do freio. Mexemos também nas bargeboards e no defletor dianteiro".

"O último esforço foi no assoalho, difusor e nas partes que vocês não necessariamente veem entre os pneus traseiros, por conta do novo regulamento. Perdemos muita perforamance no assoalho, no difusor e no tambor traseiro".

"Colocamos todos nossos esforços para recuperar o downforce perdido, o que significa que, em retorno, tudo o que eu não listei foi mantido de 2020. O chassi é o mesmo, o câmbio não mudou. A maior parte da suspensão traseira também, por conta do regulamento".

"Por razões de retorno de investimento, decidimos manter alguns componentes extras como os radiadores e parte da carroceria, porque tínhamos pouco tempo e recursos, preferimos então concentrar nas áreas que poderiam nos dar o melhor retorno de investimento".

"Veremos em algumas semanas se tomamos as decisões corretas".

A Alfa Romeo entra em 2021 buscando sair da imagem da campanha ruim de 2020, onde não conseguiu ir além do nono lugar como melhor posição de chegada em uma corrida. A equipe manteve o oitavo lugar entre os construtores, mas o chefe Frédéric Vasseur preferiu não estabelecer metas em termos de pontos ou posições para este ano.

"Acho que o mais importante é sempre tentar melhorar", disse. "Colocar um objetivo pode ser uma limitação, mas nós queremos melhorar. Todos na equipe têm o mesmo motivo e, passo a passo, vamos voltar ao pelotão do meio".

"Sei que o caminho é longo, mas vamos trabalhar para isso, passo a passo".

Nova parceria com ThePlayer.com, a melhor opção para apostas e diversão no Brasil

Registre-se gratuitamente no ThePlayer.com e acompanhe tudo sobre Fórmula 1 e outros esportes! Você confere o melhor conteúdo sobre o mundo das apostas e fica por dentro das dicas que vão te render muita diversão e também promoções exclusivas. Venha com a gente!

BAND prepara estreia ÉPICA para Fórmula 1 com COBERTURA que pode chegar a SEIS horas

PODCAST - Como congelamento de motores impacta mercado da F1?

 

compartilhar
comentários
Chefe da AlphaTauri defende teto salarial de pilotos na F1: "Nunca deveria haver uma discussão sobre milhões"

Artigo anterior

Chefe da AlphaTauri defende teto salarial de pilotos na F1: "Nunca deveria haver uma discussão sobre milhões"

Próximo artigo

Austrália considera trocar datas dos GPs de F1 e MotoGP a partir de 2022

Austrália considera trocar datas dos GPs de F1 e MotoGP a partir de 2022
Carregar comentários