F1: Alpine apresenta carro de 2021, o primeiro da 'era pós-Renault'

Além da mudança de nome, equipe tem retorno de Alonso e novidades entre dirigentes

F1: Alpine apresenta carro de 2021, o primeiro da 'era pós-Renault'

Rebatizada após disputar a Fórmula 1 desde 2016 com o nome de Renault, a Alpine apresentou, nesta terça-feira, o A521, seu carro para disputa da temporada 2021 da categoria máxima do automobilismo mundial. Veja no vídeo abaixo:

 

A equipe segue com status de time oficial de fábrica do grupo automotivo francês e terá o retorno do bicampeão mundial Fernando Alonso, da Espanha, ao grid da elite do esporte a motor.

O editor recomenda:

O lançamento do novo modelo (veja mais fotos abaixo), cujo nome faz referência às siglas das máquinas da Renault na década de 1970, aconteceu em evento virtual na base da escuderia francesa em Enstone, no Reino Unido, nesta terça.

 

A mudança de nome de Renault para Alpine vem depois que o grupo optou por mudar a marca de sua equipe de fábrica na F1 como parte de uma reestruturação das empresas e ativos da montadora.

 

A divulgação do layout (fotos abaixo) vem após a Alpine apresentar, em janeiro, um design provisório incorporando as cores da bandeira da França, vermelho, branco e azul, a uma pintura de base preta. Tal esquema foi usado para testes privados em carros mais antigos.

Alpine A521

Alpine A521
1/5

Foto de: Alpine

Alpine A521

Alpine A521
2/5

Foto de: Alpine

Alpine A521

Alpine A521
3/5

Foto de: Alpine

Alpine A521

Alpine A521
4/5

Foto de: Alpine

Alpine A521

Alpine A521
5/5

Foto de: Alpine

Após ficar com o quarto lugar no campeonato de construtores em 2018, a Renault 'estagnou' no quinto posto nas últimas duas temporadas. Em 2020, porém, foram conquistados três pódios, os primeiros desde o retorno à F1 como time de fábrica em 2016.

Um deles foi conquistado com o piloto francês Esteban Ocon, que estreou pela escuderia no ano passado. Os outros dois foram registrados por Daniel Ricciardo, que deixou a equipe no fim de 2020 após dois anos com o time da França.

O australiano foi para a McLaren e será substituído por Alonso, que retorna à F1 após hiato de duas temporadas. No meio tempo, o piloto foi campeão mundial de endurance, vencedor das 24 Horas de Le Mans e das 24 Horas de Daytona, além de correr na Indy 500 e no Dakar.

O contrato do espanhol vai pelo menos até o fim de 2022 e marca sua terceira passagem pela equipe, com a qual correu entre 2003 e 2006 e depois entre 2008 e 2009. Alonso foi bicampeão justamente com a Renault, em 2005 e 2006.

Alpine A521 - Detalhe

Alpine A521 - Detalhe
1/10

Foto de: Alpine

Alpine A521 - Detalhe

Alpine A521 - Detalhe
2/10

Foto de: Alpine

Alpine A521 - Detalhe

Alpine A521 - Detalhe
3/10

Foto de: Alpine

Alpine A521 - Detalhe

Alpine A521 - Detalhe
4/10

Foto de: Alpine

Alpine A521 - Detalhe

Alpine A521 - Detalhe
5/10

Foto de: Alpine

Alpine A521 - Detalhe

Alpine A521 - Detalhe
6/10

Foto de: Alpine

Alpine A521 - Detalhe

Alpine A521 - Detalhe
7/10

Foto de: Alpine

Alpine A521 - Detalhe

Alpine A521 - Detalhe
8/10

Foto de: Alpine

Alpine A521 - Detalhe

Alpine A521 - Detalhe
9/10

Foto de: Alpine

Alpine A521

Alpine A521
10/10

Foto de: Alpine

O piloto, porém, foi a grande ausência do lançamento do A521, já que está se recuperando de um acidente sofrido na Suíça, enquanto andava de bicicleta. Ele machucou a mandíbula, mas já está bem e deve correr normalmente na pré-temporada.

De todo modo, Alonso mandou uma mensagem via comunicado oficial: "Estou extremamente feliz de voltar à F1 depois de dois anos. Estou muito motivado para esse novo capítulo com a Alpine e claro que é muito especial voltar ao time com que conquistei tanta coisa no passado. O espírito é forte nas duas fábricas, de Enstone e Viry-Châtillon, e estamos ansiosos para o que está por vir."

 

Ocon também se mostrou entusiasmado: "Estou muito empolgado por representar a Alpine. Acho que é ótimo ver as mudanças no time e novas cores são sempre empolgantes. Já fiz minha primeira prova como piloto Alpine no Rally de Monte Carlo, o que foi um jeito empolgante de começar o ano. Tenho que dizer que amo as novas cores e ter a bandeira francesa no carro me deixa orgulhoso. É ótimo, é empolgante e acho que teremos uma grande temporada pela frente".

 

Além de Alonso, outra grande novidade é a chegada do dirigente italiano Davide Brivio, que comandou o título da Suzuki na MotoGP em 2020. Ele será diretor de corridas e deve liderar a escuderia ao lado do polonês Marcin Budkowski.

O rearranjo também tem como destaque a saída de Cyril Abiteboul da chefia de equipe. O francês era o comandante do time desde 2016, mas não ocupa mais o cargo. Já o piloto reserva anunciado foi o russo Daniil Kvyat, titular da AlphaTauri em 2020.

De todo modo, agora a expectativa é ver o Alpine A521 em sua primeira aparição prolongada em pista no início dos testes de pré-temporada no Bahrein, que acontecem de 12 a 14 de março.

ALPINE 2021: Conheça o carro AZUL que marca a volta de ALONSO à F1 e as novidades da antiga RENAULT

Parceria com ThePlayer.com, a melhor opção para apostas e diversão no Brasil

Registre-se gratuitamente no ThePlayer.com e acompanhe tudo sobre Fórmula 1 e outros esportes! Você confere o melhor conteúdo sobre o mundo das apostas e fica por dentro das dicas que vão te render muita diversão e também promoções exclusivas. Venha com a gente!

PODCAST: Corridas aos sábados e tetos: revolução imposta pela Liberty pode tirar DNA da F1?

 

.

compartilhar
comentários
VÍDEO: Assista ao lançamento do carro da Alpine para a F1 2021

Artigo anterior

VÍDEO: Assista ao lançamento do carro da Alpine para a F1 2021

Próximo artigo

F1: Kvyat é anunciado como piloto reserva da Alpine

F1: Kvyat é anunciado como piloto reserva da Alpine
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Equipes Alpine
Autor Luke Smith