Fórmula 1 GP do Azerbaijão

F1: Alpine tem condições de lutar pela segunda posição no Mundial, diz Szafnauer

Chefe da equipe diz que desafio do time francês é superar os rivais na guerra de desenvolvimento

Pierre Gasly, Alpine A523

O começo de 2023 na Fórmula 1 mostra que, enquanto a Red Bull está muito à frente das demais, Mercedes, Ferrari e Aston Martin parecem mais próximas na briga pelo segundo lugar. Mas para Otmar Szafnauer, sua equipe, a Alpine, também tem capacidade de entrar nessa disputa, sendo este o objetivo para o restante do ano.

Recentemente, a Alpine vem mostrando bom rendimento, apesar do fiasco da Austrália, com uma colisão entre Esteban Ocon e Pierre Gasly que levou ao abandono de ambos. Mesmo assim, em entrevista ao podcast F1 Nation, Szafnauer disse que Melbourne foi um bom indicativo do progresso do time francês.

Leia também:

"Estou feliz com algumas coisas. Analisamos nossa competitividade relativa e nos aproximamos de Ferrari e Mercedes. Perdemos um pouco em relação à Red Bull, e a equipe com mais ganho que estamos disputando, com sorte será a Aston Martin. Então fizemos um trabalho decente. Poderia ter sido melhor, mas é uma questão de otimização".

"Nossa corrida na Austrália foi decente, estando em quinto até próximo do fim. A boa notícia é que a competitividade na última prova foi melhor, o problema é que não pontuamos. Mas o mais importante é essa competitividade. Com ela, os pontos virão".

Szafnauer reforçou que a equipe precisa vencer a guerra de desenvolvimento que deve definir o ano.

"Não estamos onde gostaríamos ainda. Temos que superar nossos rivais no desenvolvimento. Nossa curva precisa ser mais íngreme, para recuperarmos esses três, quatro décimos que estamos devendo".

Pierre Gasly

Pierre Gasly

Photo by: Alpine

Szafnauer deixou claro que a Alpine acredita na chance de reduzir a diferença para o pessoal da frente, se colocando na briga para alcançar a Red Bull.

"Pra mim, se você está lutando pela quarta posição, está lutando pelo vice-campeonato. É uma briga próxima a tal ponto. Então temos que conseguir brigar com Mercedes, Aston e Ferrari, o grupo que está lutando por P2".

NOVA Sprint em Baku: qual o IMPACTO, horários com 2 qualis, como será e o que MUDA. Times afetado$!

Quer fazer parte de um seleto grupo de amantes de corridas, associado ao maior grupo de comunicação de esporte a motor do mundo? CLIQUE AQUI e confira o Clube de Membros do Motorsport.com no YouTube. Nele, você terá acesso a materiais inéditos e exclusivos, lives especiais, além de preferência de leitura de comentários durante nossos programas. Não perca, assine já!

Podcast #227 - Quem tem mais a ganhar e a perder após 'miniférias' da F1?

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

Faça parte da comunidade Motorsport

Join the conversation
Artigo anterior F1 - Leclerc 'abre jogo' sobre futuro: "Ainda não negociei com a Mercedes"
Próximo artigo F1 - Hamilton: "Eu e Alonso estamos com mais fome do que nunca"

Principais comentários

Ainda não há comentários. Seja o primeiro a comentar.

Cadastre-se gratuitamente

  • Tenha acesso rápido aos seus artigos favoritos

  • Gerencie alertas sobre as últimas notícias e pilotos favoritos

  • Faça sua voz ser ouvida com comentários em nossos artigos.

Motorsport prime

Descubra conteúdo premium
Assinar

Edição

Brasil