F1: Aston Martin fecha com importante diretor da Ferrari, diz imprensa italiana

Enrico Cardille era alvo de interesse da equipe de Silverstone há algum tempo

Enrico Cardile, Head of Chassis, Ferrari, in the Team Principals Press Conference

Um diretor técnico de longa data da Ferrari, pode estar a caminho de outra equipe na Fórmula 1. Segundo informações vindas da imprensa italiana, Enrico Cardile teria assinado contrato para deixar a marca italiana, tendo a Aston Martin como destino.

No mês passado, foi relatado que a equipe de Silverstone estava de olho no diretor técnico da Ferrari, enquanto permanece a dúvida sobre qual equipe Adrian Newey, que deixou a Red Bull, assinará no futuro.

Leia também:

Cardile faz parte da Ferrari há muitos anos, tendo trabalhado com a marca desde 2002, antes de entrar para a divisão de GTs em 2005, onde esteve envolvido no projeto de vários carros de corrida. Mas seu envolvimento com o projeto da F1 começou apenas em 2016, primeiro como aerodinamicista.

Depois disso, ele subiu na hierarquia e, quando Mattia Binotto foi nomeado chefe da equipe, Cardile também recebeu um novo cargo, tornando-se diretor técnico, além de chefiar o departamento de chassis.

Com a chegada de Frederic Vasseur no ano passado, ele se tornou oficialmente o diretor técnico de carenagem e aerodinâmica, mas isso não deve durar muito mais. Segundo reportado pelo site italiano Formu1a.uno, divulgou que Cardile assinou contrato com a Aston e será substituído por Loic Serra, que trabalhou anteriormente na Mercedes.

Serra foi contratado pela Ferrari no ano passado, mas está atualmente em quarentena e assumirá oficialmente o lugar de Cardile em outubro, concentrando-se no carro de 2025 e nas regras de 2026. Com relação a outros cargos importantes, Diego Tondi permanecerá como chefe de aerodinâmica, com o foco ainda no carro de 2024.

Haviam rumores de que uma saída de Cardile implicaria em um acordo da Ferrrari com o lendário projetista Adrian Newey, porém, sabe-se que o britânico ainda não bateu o martelo sobre seu futuro.

É claro que não faltam ofertas, com a Aston Martin tentando tentá-lo com uma grande soma de dinheiro, assim como a Ferrari, e diz-se que Newey visitou recentemente a nova fábrica da equipe de Silverstone. A Williams também disse que gostaria de recontratar seu ex-campeão.

É claro que a saída de Cardile ainda não foi confirmada e deve ser tratada com cautela. 

Motorsport Business #13 – Como manter LEGADO de AYRTON SENNA com ANA SIMÕES, da Senna Brands

Faça parte do Clube de Membros do Motorsport.com no YouTube

Podcast #288 – A McLaren realmente chegou? Briatore arrumará Alpine com motores Mercedes?

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

Faça parte do nosso canal no WhatsApp: clique aqui e se junte a nós no aplicativo!

Faça parte da comunidade Motorsport

Join the conversation
Artigo anterior F1: Ricciardo é um "piloto de mídia social", declara Herbert
Próximo artigo F1: Verdadeira 'alma' da Ferrari será revelada na Áustria

Principais comentários

Cadastre-se gratuitamente

  • Tenha acesso rápido aos seus artigos favoritos

  • Gerencie alertas sobre as últimas notícias e pilotos favoritos

  • Faça sua voz ser ouvida com comentários em nossos artigos.

Motorsport prime

Descubra conteúdo premium
Assinar

Edição

Brasil Brasil