F1 - Ferrari: É "ingênuo" pensar que será fácil alcançar Red Bull e Mercedes

Equipe italiana acredita que rivais de 2021 seguirão com uma boa forma no próximo ano, apesar da revolução técnica na categoria

F1 - Ferrari: É "ingênuo" pensar que será fácil alcançar Red Bull e Mercedes
Carregar reprodutor de áudio

A temporada de 2022 marca o início de uma nova era para a Fórmula 1, muito aguardada por todos, já que as mudanças aerodinâmicas, o retorno do efeito solo e a introdução de novos pneus prometem tornar o grid mais nivelado. Mas a Ferrari acredita ser "muito ingênuo" pensar que será fácil alcançar Mercedes e Red Bull de cara com o novo regulamento.

As mudanças darão às equipes a oportunidade de darem passos adiante, com a Ferrari em particular buscando voltar à frente do grid após mais de dois anos sem vencer uma corrida. A importância dessa revolução fez com que a equipe abandonasse o desenvolvimento do carro de 2021 cedo para focar no novo modelo, apesar da luta apertada com a McLaren.

Leia também:

Mesmo com o encerramento cedo, a Ferrari bateu a McLaren e terminou em terceiro no Mundial de Construtores, 47,5 pontos à frente, com Charles Leclerc e Carlos Sainz fazendo cinco pódios e duas poles no ano.

No topo da classificação, Mercedes e Red Bull se envolveram em uma luta intensa pelos títulos que durou até o fim da temporada. Mas para o diretor esportivo da Ferrari, Laurent Mekis, disse que apesar do foco das rivais no carro de 2021, ele acredita que isso não impactará a perspectiva de 2022.

"Tenho certeza que eles tiveram desenvolvimento neste ano", disse. "Em ambos os casos, são organizações incríveis, é suficiente olhar para os resultados. Portanto, não subestimo por nenhum segundo suas capacidades para produzirem ótimos carros em 2022".

Charles Leclerc, Ferrari SF90 mule

Charles Leclerc, Ferrari SF90 mule

Photo by: Mark Sutton / Motorsport Images

"Sim, eles tiveram que passar mais tempo focados em 2021, mas se você olhar para os resultados que eles produziram nos últimos dez anos, seria bem ingênuo achar que será fácil reduzir a distância para eles".

"Porque, no final das contas, ainda temos que reduzir essa diferença. Mesmo nós, olhamos para os números dos carros de 2022 em comparação a onde estamos, e se comparamos à nossa diferença para eles, temos que reduzir essas duas diferenças. Então não ficaria muito preocupado se fosse eles".

A Ferrari já prometeu que o carro deste ano terá "muita inovação", incluindo uma unidade de potência que será "significativamente diferente" da usada em 2021. A equipe não disputa o título desde 2018, enquanto sua seca vem desde 2008, quando levou o Mundial de Construtores pela última vez.

GIAFFONE fala da SAÍDA DA F1 DA GLOBO PARA A BAND, comenta QUÍMICA com colegas e aborda CAOS de 2021

Assine o canal do Motorsport.com no YouTube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like ('joinha') nos vídeos e ative as notificações para ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

Podcast #155 - Piores da F1 2021: Quais pilotos/equipes decepcionaram? Masi é consenso?

 

SIGA NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

compartilhar
comentários
Novos carros da F1 de 2022 beneficiarão talento dos pilotos; entenda
Artigo anterior

Novos carros da F1 de 2022 beneficiarão talento dos pilotos; entenda

Próximo artigo

Raikkonen: "F1 nunca foi a coisa mais importante na minha vida"

Raikkonen: "F1 nunca foi a coisa mais importante na minha vida"
Carregar comentários