F1: Membro da Mercedes testa positivo para Covid-19 antes do GP de Eifel

Equipe alemã divulgou a informação nesta quinta mas não revelou identidade da pessoa

F1: Membro da Mercedes testa positivo para Covid-19 antes do GP de Eifel

A Mercedes confirmou nesta quinta que um membro de sua equipe de Fórmula 1 testou positivo para Covid-19 após exames feitos antes do GP de Eifel neste fim de semana.

Como parte da testagem regular, visando barrar a entrada de infectados pelo novo coronavírus no paddock nesta temporada, todos os envolvidos com o Mundial são obrigados a passar por testes a cada cinco dias.

Leia também:

Em um comunicado divulgado pela Mercedes na quinta, a equipe confirmou o resultado positivo de um membro.

"Podemos confirmar que um membro da equipe testou positivo", afirmou um porta-voz. "O caso está sendo lidado dentro dos protocolos da FIA, trabalhando em conjunto com a Federação".

"Pedimos a compreensão de todos e não iremos divulgar informações adicionais".

Com isso, a F1 volta a ter um caso positivo de um membro de equipe desde Sergio Pérez, antes do GP da Grã-Bretanha em julho. Desde que a F1 iniciou a sessão de testes no fim de junho, foram divulgados 26 casos positivos, mas a maioria ligado a envolvidos com a montagem do circuito. Neste mesmo período, a F1 realizou cerca de 50 mil testes

A próxima atualização da F1 e a FIA sobre números de testes e casos deve ser divulgado na sexta, como parte de sua atualização semanal.

Ao longo de 2020, a F1 está operando sob protocolos estritos para evitar a disseminação de Covid-19 no paddock, limitando o número de pessoas que podem estar nos eventos, restringindo também a movimentação dentro do paddock.

Há também restrições e orientações sobre o que os membros do paddock podem fazer quando estão longe da pista nos fins de semana de corrida e entre eventos. Os protocolos deram à FIA confiança de que a categoria já é capaz de correr onde quiser no futuro, dependendo apenas das limitações de cada país.

O membro da Mercedes que testou positivo deverá ficar isolado para evitar contaminar outros, enquanto a FIA deve rastrear outras pessoas ligadas ao paddock que tiveram contato com a pessoa.

Mercedes W11 (Temporada 2020)
Mercedes F1 W11 EQ Power+
Motor: Mercedes
Combustível: Petronas
Pneus: Pirelli

Pilotos:

44 - Lewis Hamilton

77 - Valtteri Bottas

Os detalhes da carta de Chase Carey sobre GP do Brasil e o que falta para o Rio ser confirmado na F1

PODCAST – A Fórmula 1 perde força com a saída da Honda?

 

compartilhar
comentários
F1: Haas diz que Ilott não está na lista de pilotos considerados para 2021

Artigo anterior

F1: Haas diz que Ilott não está na lista de pilotos considerados para 2021

Próximo artigo

Raikkonen diz que não liga para recorde de largadas e brinca com futuro pós-F1: "Obviamente não serei comentarista"

Raikkonen diz que não liga para recorde de largadas e brinca com futuro pós-F1: "Obviamente não serei comentarista"
Carregar comentários