F1 - Red Bull estranhou 'negociação' de direção de prova: "Foi como estar em uma feira"

Comissão do GP da Arábia Saudita ofertou diferentes possibilidades de 'punição' a Verstappen após movimento na primeira relargada

F1 - Red Bull estranhou 'negociação' de direção de prova: "Foi como estar em uma feira"
Carregar reprodutor de áudio

O chefe da Red BullChristian Horner, disse que a oferta do chefe de provas de Fórmula 1, Michael Masi, de mudar as posições do grid no GP da Arábia Saudita foi como algo vindo do "souk" (tradicional mercado ou feira semanal de países árabes e do norte da África). Antes do segundo reinício, Masi falou com o diretor esportivo da equipe, Jonathan Wheatley, e perguntou se eles queriam mover Max Verstappen para baixo na ordem do grid.

Isso aconteceu porque o holandês havia tomado a liderança de Lewis Hamilton após o primeiro recomeço apenas correndo para fora da pista e ganhando uma vantagem cortando caminho pouco antes da prova ser interrompida.

Leia também:

Masi fez uma oferta para Wheatley devolver efetivamente o lugar a Hamilton no grid. Se não aceitassem, os comissários poderiam dar uma penalidade a Verstappen mais tarde. A conversa foi transmitida na transmissão e foi uma surpresa tanto para os times quanto para os fãs.

Questionado sobre sua reação a esse momento, Horner disse: "Foi um pouco como estar no souk, o que era incomum. Eu não tinha visto isso antes."

Christian Horner, Team Principal, Red Bull Racing

Christian Horner, Team Principal, Red Bull Racing

Photo by: Charles Coates / Motorsport Images

Não foi apenas a Red Bull que ficou surpresa com a oferta, o diretor executivo da Alpine, Marcin Budkowski, cujo piloto Esteban Ocon acabou se beneficiando da decisão ao largar da pole, também achou a situação incomum.

"Houve uma discussão surreal entre Michael e Jonathan, que foi como estar no mercado local com um pouco de negociação por posição versus penalidade", disse ele ao Motorsport.com. "Nós ficamos com a pole, mas era estranho. Durante a corrida você teria uma discussão onde é aconselhado a devolver um lugar, se não o fizesse, poderia ir para os comissários e haver uma penalidade."

"Acho que não é muito diferente, mas foi empolgante ter isso durante a bandeira vermelha - e um pouco surreal", acrescentou.

O chefe da Mercedes, Toto Wolff, avaliou que os eventos em torno da troca por posições no grid precisam ser analisados.

"Foi uma situação nova para nós também", comentou. "Perdemos a posição com esta manobra realmente muito difícil nas primeiras curvas. Então eles disseram para trocar as colocações, para que tivéssemos a da pista."

"Depois, há um reinício e, claro, não adianta muito se você perdê-la de novo imediatamente. Temos que olhar para isso. Acho que Michael Masi está muito ocupado na corrida com incidentes, mas do lado de fora, certamente podemos aprender com isso."

F1 2021: VERSTAPPEN e HAMILTON travam GUERRA na Arábia Saudita e chegam EMPATADOS para decisão | PÓDIO

Assine o canal do Motorsport.com no YouTube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like ('joinha') nos vídeos e ative as notificações, para sempre ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

Podcast #149: Frank Williams é o maior personagem da F1 fora das pistas?

 

SIGA NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

compartilhar
comentários
F1: Matemática do título em Abu Dhabi é simples, mas com alguns detalhes; confira
Artigo anterior

F1: Matemática do título em Abu Dhabi é simples, mas com alguns detalhes; confira

Próximo artigo

F1: Masi defende que negociação de mudança no grid para Verstappen foi completamente "normal"

F1: Masi defende que negociação de mudança no grid para Verstappen foi completamente "normal"
Carregar comentários