F1: Ricciardo terá que batalhar por segundo assento da RB; entenda

Australiano é o 12º colocado no campeonato de pilotos com 9 pontos conquistados

Daniel Ricciardo, Visa Cash App RB F1 Team, waves at the crowds ahead of the drivers parade

Enquanto Yuki Tsunoda e RB sabem que trabalharão juntos na temporada 2025 da Fórmula 1, o segundo assento da equipe continua sendo um ponto de interrogação. O time comandado por Laurent Mekies tem dois pilotos disponíveis para uma vaga e o atual dono dela, Daniel Ricciardo, precisará se mostrar merecedor de uma renovação. 

Leia também:

Em entrevista à Sky Sports, Christian Horner, chefe de equipe da Red Bull, deixou o futuro do australiano completamente em aberto: "Ele precisará trabalhar muito duro para manter o assento, se é o que ele deseja", declarou. 

A declaração de Horner vai de encontro com o que Helmut Marko, conselheiro do time, destacou após o GP do Canadá e o que o jornalista Joe Saward informa: a vaga está em aberto, Ricciardo ainda não está garantido e Lawson segue na disputa. 

Daniel Ricciardo retornou à família Red Bull na temporada passada depois de ser demitido da McLaren, aceitar o papel de reserva e entrar como substituto de Nyck de Vries. Nessa temporada, o australiano segue com dificuldades em encontrar ritmo com o atual carro da equipe e vem sendo superado por Tsunoda com frequência. 

No campeonato, Daniel Ricciardo é o 12º colocado, com 9 pontos, dez atrás do seu companheiro de equipe. 

Após 'caso' com CAMISA de Senna em tributo, Max OMITE PIQUET e põe Ayrton em top 5 da F1; LEWIS entra

Faça parte do Clube de Membros do Motorsport.com no YouTube

Podcast Motorsport.com: No melhor GP do ano, o que o Canadá revela sobre F1 2024?

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

Faça parte do nosso canal no WhatsApp: clique aqui e se junte a nós no aplicativo!

 

Faça parte da comunidade Motorsport

Join the conversation
Artigo anterior F1: Ocon pilotará pela Haas em 2025, crava jornalista britânico
Próximo artigo F1: Revista britânica crava Newey na Ferrari por três anos; contrato teria sido assinado antes do 'adeus' à Red Bull

Principais comentários

Cadastre-se gratuitamente

  • Tenha acesso rápido aos seus artigos favoritos

  • Gerencie alertas sobre as últimas notícias e pilotos favoritos

  • Faça sua voz ser ouvida com comentários em nossos artigos.

Motorsport prime

Descubra conteúdo premium
Assinar

Edição

Brasil Brasil