Fórmula 1
R
GP de Portugal
30 abr
Próximo evento em
17 dias
06 mai
Próximo evento em
23 dias
20 mai
Próximo evento em
37 dias
R
GP do Azerbaijão
03 jun
Próximo evento em
51 dias
10 jun
Próximo evento em
58 dias
24 jun
Próximo evento em
72 dias
R
GP da Áustria
01 jul
Próximo evento em
79 dias
29 jul
Próximo evento em
107 dias
R
GP da Bélgica
26 ago
Próximo evento em
135 dias
02 set
Próximo evento em
142 dias
09 set
Próximo evento em
149 dias
23 set
Próximo evento em
163 dias
R
GP de Singapura
30 set
Próximo evento em
170 dias
07 out
Próximo evento em
177 dias
21 out
Próximo evento em
191 dias
28 out
Próximo evento em
198 dias
R
GP de Abu Dhabi
12 dez
Próximo evento em
243 dias

F1: Sainz acredita que "será complicado" bater Leclerc em seu primeiro ano na Ferrari

Novo piloto da Ferrari na F1, o espanhol acredita que o foco neste primeiro ano é ajudar a equipe a voltar ao topo do grid

F1: Sainz acredita que "será complicado" bater Leclerc em seu primeiro ano na Ferrari

A dinâmica da nova dupla da Ferrari, formada por Charles Leclerc e Carlos Sainz, é uma das grandes dúvidas sobre a temporada 2021 da Fórmula 1. E o espanhol respondeu sobre essas dúvidas, admitindo para si próprio que isso não parece ser uma possibilidade concreta em seu primeiro ano com a Ferrari.

"Não", disse rindo quando Leclerc o perguntou se achava que poderia batê-lo em 2021. "Para mim, será complicado bater você neste ano. Eu ainda preciso conhecer a equipe e o carro, mas tentarei o meu melhor. Se há um ano bom para trabalharmos juntos acredito que seja esse".

Leia também:

"O importante é fazer a Ferrari dar passos adiante e quando lutaremos por títulos ou coisas mais importantes nos preocuparemos um com o outro".

Posteriormente, no evento de lançamento da Ferrari, Sainz teve que lidar com perguntas da imprensa internacional, que insistiu na possível rivalidade que ele possa ter com o monegasco.

"É importante encontrar o equilíbrio entre a competitividade com seu companheiro e fazer o que é importante para a equipe. Temos uma boa relação e acredito que vamos nos dar bem. Nunca tive problemas com um companheiro de equipe e não tenho porque ter isso com Charles".

O espanhol chega à Ferrari em um ano importante, em que a equipe busca se recuperar do desastroso 2020.

"Não posso falar sobre isso antes do Bahrein. No teste vamos ver. Acompanhei de perto o progresso nos últimos meses e os dados são esperançosos, mas não sabemos como estão os outros. De qualquer jeito, sou otimista e veremos onde estamos. Não vou focar no rendimento, até porque preciso me adaptar à equipe".

Essa adaptação será progressiva e ele não sabe em qual momento da temporada começaremos a ver o melhor Sainz, ainda mais com a pré-temporada reduzida, tendo apenas um dia e meio com o carro.

"Minha intenção é estar 100% desde a primeira corrida, mas sei que isso é difícil. É preciso experiência, avançar a cada final de semana. É uma questão de ter experiência com as corridas. Os testes ajudam, mas as provas são mais importantes".

Parceria com ThePlayer.com, a melhor opção para apostas e diversão no Brasil

Registre-se gratuitamente no ThePlayer.com e acompanhe tudo sobre Fórmula 1 e outros esportes! Você confere o melhor conteúdo sobre o mundo das apostas e fica por dentro das dicas que vão te render muita diversão e também promoções exclusivas. Venha com a gente!

CONHEÇA o homem INFLUENTE que esteve por trás da chegada da F1 na BAND

PODCAST: Corridas aos sábados e tetos: revolução imposta pela Liberty pode tirar DNA da F1?

 

.

compartilhar
comentários
F1: Ferrari explica apoio à "promissora" proposta de corridas sprint

Artigo anterior

F1: Ferrari explica apoio à "promissora" proposta de corridas sprint

Próximo artigo

F1: Haas aceita "riscos" de abandonar desenvolvimento do carro de 2021

F1: Haas aceita "riscos" de abandonar desenvolvimento do carro de 2021
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Pilotos Carlos Sainz Jr.
Equipes Scuderia Ferrari
Autor Jacobo Vega