F1: Veja cinco motivos para acreditar que Raikkonen não estará no grid em 2021

Será que o campeão mundial de 2007 se aposenta no fim da atual temporada?

F1: Veja cinco motivos para acreditar que Raikkonen não estará no grid em 2021

Com o fim de agosto, o mercado de pilotos da Fórmula 1 deve ficar ainda mais agitado, com as equipes buscando confirmar suas duplas para a próxima temporada da categoria máxima do automobilismo mundial. Assim, é bastante provável que em breve se tenha uma definição sobre o futuro de Kimi Raikkonen, piloto finlandês que corre pela escuderia Alfa Romeo desde o começo de 2019.

Leia também:

O campeão mundial de 2007 está no último ano dos termos atuais de seu vínculo contratual com o time suíço, com o qual o piloto estreou na F1 em 2001, época em que a equipe ainda se chamava Sauber.

O 'Homem de Gelo' completará 41 anos em outubro e deve tomar logo uma decisão sobre seguir ou não na categoria. Entretanto, para tristeza de grande parte dos fãs da F1, Raikkonen tem vários motivos para deixar o grid.

O repórter Carlos Costa explica tais razões no vídeo abaixo, que também tem a participação de Felipe Motta. O editor-chefe do Motorsport.com acompanhou a carreira de Kimi de perto e inclusive visitou a casa do piloto na Finlândia. Confira o relato imperdível:

O que resta para Massa no automobilismo após sair de sua equipe na Fórmula E? Ouça

 

.

SIGA NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

compartilhar
comentários
Hamilton defende melhores pneus da Pirelli: "Estamos gerenciando demais e não é isso que os fãs querem"

Artigo anterior

Hamilton defende melhores pneus da Pirelli: "Estamos gerenciando demais e não é isso que os fãs querem"

Próximo artigo

Ferrari exige "clareza e transparência" sobre cópia na F1 em recurso contra Racing Point

Ferrari exige "clareza e transparência" sobre cópia na F1 em recurso contra Racing Point
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Pilotos Kimi Raikkonen
Equipes Ferrari , Team Lotus , Sauber , McLaren , Alfa Romeo
Autor Carlos Costa