F1: Verstappen diz que ida ao hospital após batida de Silverstone foi ponto mais baixo de 2021

Holandês disse também que furo do pneu no final do GP do Azerbaijão também entra na lista de pontos baixos do ano do título

F1: Verstappen diz que ida ao hospital após batida de Silverstone foi ponto mais baixo de 2021
Carregar reprodutor de áudio

Analisando sua temporada na Fórmula 1, Max Verstappen afirmou que o ponto mais baixo de seu 2021 foi no GP da Grã-Bretanha, quando foi parar no hospital após a batida com Lewis Hamilton em Silverstone.

O holandês conquistou o título no último domingo de forma dramática, passando o rival da Mercedes em uma relargada que gerou muita polêmica nos dias seguintes. Isso pôs um fim a uma disputa intensa entre Verstappen e Hamilton, marcada por diversos incidentes ao longo do ano.

Leia também:

Um dos momentos de maior tensão na luta roda a roda entre eles veio em Silverstone, quando Hamilton e Verstappen tiveram um toque na Copse na primeira volta do GP, resultando em uma forte batida do holandês na barreira de proteção.

Falando sobre os altos e baixos do campeonato após a conquista do título, Verstappen disse que a ida ao hospital após seu acidente foi o ponto baixo do ano.

"Sentar no hospital aquela noite, fazendo exames, definitivamente foi o ponto mais baixo, porque você não quer estar ali".

Max Verstappen, Red Bull Racing RB16B is loaded onto a truck after his crash

Max Verstappen, Red Bull Racing RB16B is loaded onto a truck after his crash

Photo by: Sutton Images

Verstappen também elegeu o estouro do pneu em Baku, que lhe custou uma vitória quase certa como "nada legal", mas acrescentou: "No final, acho que são momentos que te tornam um piloto melhor".

O holandês terminou o ano com 10 vitórias e outros oito pódios. Com exceção de uma corrida, todos os GPs que ele terminou foi primeiro ou segundo, ficando em nono apenas na Hungria, quando teve danos depois do strike na curva 1.

Questionado sobre os pontos altos da temporada, Verstappen disse que era difícil de escolher porque haviam vários.

"Mônaco foi legal, vencer após as dificuldades que já tive lá, por mim mesmo e momentos de azar. Duas vitórias na Áustria, vencer em casa em Zandvoort e claro, agora esse final louco em Abu Dhabi claro que será um ponto positivo".

2021 marcou a primeira vez em que Verstappen esteve na luta pelo título da F1, não tendo nos anos anteriores um carro para bater de frente com Hamilton e a Mercedes. Ele disse que ele e a equipe gostaram muito da batalha direta com os rivais.

"Tivemos nossos momentos, mas acho que isso faz parte de uma batalha pelo título. Agora que a temporada acabou, acho que podemos relaxar um pouco. Foi tenso. A competição, cada corrida estávamos levando o outro ao limite, com os carros também, e acho que isso foi muito legal".

MERCEDES tinha razão no PROTESTO? Giaffone analisa POLÊMICA na F1, FUTURO de Masi e MUDANÇAS em 2022

Assine o canal do Motorsport.com no YouTube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like ('joinha') nos vídeos e ative as notificações, para sempre ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

Podcast #152: Qual tamanho do título de Verstappen após derrotar Hamilton?

 

SIGA NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

compartilhar
comentários
ANÁLISE: O que as equipes aprenderam com o teste da F1 com os novos pneus de 18 polegadas?
Artigo anterior

ANÁLISE: O que as equipes aprenderam com o teste da F1 com os novos pneus de 18 polegadas?

Próximo artigo

F1: Ricciardo "claramente" precisa dar passo adiante em 2022

F1: Ricciardo "claramente" precisa dar passo adiante em 2022