F1 - Verstappen ou Hamilton? Quem tem a vantagem para a grande final?

Analisamos como que as diferentes estratégias de pneus podem interferir na disputa

F1 - Verstappen ou Hamilton? Quem tem a vantagem para a grande final?
Carregar reprodutor de áudio

A batalha pelo título da Fórmula 1 entre Lewis Hamilton e Max Verstappen não poderia estar mais apertada nesta final, o GP de Abu Dhabi. Os dois estão na primeira fila do grid em Yas Marina, mas com estratégias diferentes.

A decisão de Verstappen de passar pelo Q2 com pneus macios, após uma travada forte em um jogo de médios, significa que ele iniciará a prova com o composto mais agressivo. Ao seu lado, Hamilton e a Mercedes optaram pelo mais tradicional, o médio, devendo ficar mais tempo na pista antes da parada.

Leia também:

Em um circuito de alta degradação, a opção de Verstappen poderia potencialmente colocá-lo em desvantagem. Mas a história em Abu Dhabi mostra que a pista não pune muito os pneus. De fato, o chefe da Red Bull, Christian Horner, acredita que não há uma desvantagem por sair de macios.

"Não estamos muito irritados por sair de macios. O médio é um pouco mais robusto, mas a degradação na corrida é algo interessante de acompanhar. Mas a posição de pista é crucial também".

Toto Wolff, da Mercedes, vê as coisas de modo diferente, reconhecendo que o pneu macio não é ideal. Mas, igualmente, a situação não é tão clara assim.

"Espero, acredito que sair de macio seja uma desvantagem. Mas pode não ser. Você pode abrir com o macio no começo e manter a posição . Mas, por outro lado, pode ter degradação. Então a verdade é que não sei qual é o plano e não tem como prever o resultado".

O que o pneu macio pode fazer é dar a Verstappen uma saída melhor que a de Hamilton, dando a ele o ar livre necessário para explorar a vantagem do composto.

"Você larga do lado limpo, com um pneu melhor", disse Horner. "É importante focar em nossa corrida e vamos focar em nós, sem nos preocuparmos com eles".

Max Verstappen, Red Bull Racing RB16B

Max Verstappen, Red Bull Racing RB16B

Photo by: Erik Junius

O que um primeiro stint pode dar a Verstappen é a vantagem para Hamilton para arriscar até mesmo duas paradas, tentando buscar os ganhos dos pneus mais novos. No passado, Abu Dhabi vinha sendo uma prova de um pit, mas a possibilidade de tentar algo diferente aumentou com as mudanças na pista.

"Duas paradas é sempre uma variável viável", disse Wolff. "Você acha que pode atacar com duas paradas, ou gerenciar com uma, o que pode ser complicado no fim. Precisamos ver. Vimos alguma degradação no macio nas simulações de corrida, menos com o médio, o que torna tudo emocionante nas estratégias. Uma parada parece bom e duas é uma possibilidade".

O que a Mercedes precisa manter na cabeça é que Hamilton pode ser atacado por trás no começo, com Lando Norris e Sergio Pérez saindo de macios na segunda fila. Se a dupla passar o britânico por causa do pneu, pode interromper o ritmo da Mercedes, dando à Verstappen a chance de abrir.

Enquanto Red Bull e Mercedes estão convencidas sobre suas chances na corrida, é Norris quem traz o ponto de vista mais independente de tudo isso.

"O ideal seria o médio. Acho que Max queria o médio. Nós queríamos o médio, mas não tínhamos ritmo para chegar ao Q3 com eles. Obviamente há a vantagem da largada e a primeira volta mas, claro, comparado ao médio no stint maior, provavelmente será forte, mas começará a morrer antes".

"É complicado. Será legal ver as pessoas com pneus diferentes. Há vantagens e desvantagens para ambos".

Para agora, parece que tudo está em jogo, e a luta pelo título da F1 não poderia estar mais equilibrada.

F1 AO VIVO: Verstappen CRAVA Hamilton e sai da pole na FINAL em ABU DHABI; assista debate do 'quali'

Assine o canal do Motorsport.com no YouTube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like ('joinha') nos vídeos e ative as notificações, para sempre ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

Podcast #151: Hamilton x Verstappen é a maior decisão da história da F1?

 

SIGA NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

compartilhar
comentários
VÍDEO: Emerson Fittipaldi completa 75 anos; conheça histórias do 'pai de todos'
Artigo anterior

VÍDEO: Emerson Fittipaldi completa 75 anos; conheça histórias do 'pai de todos'

Próximo artigo

F1 - Verstappen critica direção de prova por não investigar manobra de Hamilton: "O que eles estão fazendo?"

F1 - Verstappen critica direção de prova por não investigar manobra de Hamilton: "O que eles estão fazendo?"
Carregar comentários