Fórmula 1
10 out
-
13 out
Evento encerrado
24 out
-
27 out
Evento encerrado
01 nov
-
03 nov
Evento encerrado
14 nov
-
17 nov
Evento encerrado
28 nov
-
01 dez
Evento encerrado

Ferrari: "Era a melhor estratégia para a dobradinha, fim da história"

compartilhar
comentários
Ferrari: "Era a melhor estratégia para a dobradinha, fim da história"
Por:
Traduzido por: Daniel Betting
22 de set de 2019 16:45

Mattia Binotto apoiou a decisão da equipe italiana de chamar Vettel aos boxes antes de Leclerc, que liderava em Singapura

O GP de Singapura foi a primeira dobradinha da Ferrari desde a Hungria em 2017. Mas nem todos sorriram quando cruzaram a linha de chegada. Charles Leclerc parabenizou Vettel, vencedor pela quinta vez no evento asiático, mas seu rosto mostrou seu descontentamento.

O Monegasco liderou durante as primeiras 21 voltas, antes do início das paradas para troca de pneus. A Ferrari decidiu Vettel uma volta antes para tentar arrancar o segundo lugar de Lewis Hamilton e se proteger do ataque de Max Verstappen.

O alemão completou uma volta de saída dos boxes cinematográfica e, quando Leclerc parou na volta seguinte, voltou logo atrás de seu companheiro de equipe. O monegasco mostrou seu descontentamento no rádio e depois de terminar a corrida, mas a Ferrari revelou que era a única maneira de selar a dpbradinha.

“Acho que foi a melhor estratégia para conseguir a dobradinha, fim da história. Tivemos que parar Sebastian antes, porque Verstappen estava pronto para fazê-lo e tivemos que proteger essa posição ", disse Mattia Binotto, chefe da Ferrari, no final da corrida.

Leia também:

"Foi a melhor oportunidade para ultrapassar Hamilton. Sabíamos que pararíamos Leclerc nas próximas voltas e estávamos prontos. Foi a decisão certa. Acho que Vettel pilotou muito rápido, muito bem na primeira volta. Faz parte das corridas e mereceu a vitória", completou.

Perguntado se ele estava consciente do mal-estar que causaria em Leclerc, Binotto foi claro em sua resposta: "Entendo que é frustrante, mas quando entender todo o cenário, tudo o que aconteceu, entenderá rapidamente que foi a decisão certa".

Vettel não sabia o que é vencer desde o GP da Bélgica de 2018 e o triunfo em Singapura, além de colocá-lo como piloto que venceu mais vezes na pista asiática, representa uma bomba de oxigênio após as duas vitórias consecutivas de Leclerc e seu fracasso em Monza.

"Seb sempre foi muito calmo e positivo, ele estava procurando a primeira vitória que lhe daria um impulso, mas não acho que seja um ponto de virada. Em Monza ele pilotava muito bem, tinha ritmo, apesar do erro, e também em Spa. Seu ritmo era o certo, era uma questão de estratégia. A vitória é muito importante para ele e, assim, ele mostrou a todos que ainda pode fazer isso", comentou Binotto.

"Perdemos oportunidades na primeira metade da temporada, poderíamos ter conseguido mais e talvez agora estamos conseguindo mais do que esperávamos. Mas o carro está funcionando bem e estamos muito felizes com essas três vitórias e essa dobradinha ainda mais", concluiu.

Veja como terminou o GP de Singapura de Fórmula 1

Galeria
Lista

1 - Sebastian Vettel, Ferrari SF90

1 - Sebastian Vettel, Ferrari SF90
1/20

Foto de: Sam Bloxham / Motorsport Images

2 - Charles Leclerc, Ferrari SF90

2 - Charles Leclerc, Ferrari SF90
2/20

Foto de: Lionel Ng / Motorsport Images

3 - Max Verstappen, Red Bull Racing RB15

3 - Max Verstappen, Red Bull Racing RB15
3/20

Foto de: Jerry Andre / Motorsport Images

4 - Lewis Hamilton, Mercedes AMG F1 W10

4 - Lewis Hamilton, Mercedes AMG F1 W10
4/20

Foto de: Lionel Ng / Motorsport Images

5 - Valtteri Bottas, Mercedes AMG W10

5 - Valtteri Bottas, Mercedes AMG W10
5/20

Foto de: Joe Portlock / Motorsport Images

6 - Alexander Albon, Red Bull Racing RB15

6 - Alexander Albon, Red Bull Racing RB15
6/20

Foto de: Simon Galloway / Motorsport Images

7 - Lando Norris, McLaren MCL34

7 - Lando Norris, McLaren MCL34
7/20

Foto de: Mark Sutton / Motorsport Images

8 - Pierre Gasly, Toro Rosso STR14

8 - Pierre Gasly, Toro Rosso STR14
8/20

Foto de: Jerry Andre / Motorsport Images

9 - Nico Hulkenberg, Renault F1 Team R.S. 19

9 - Nico Hulkenberg, Renault F1 Team R.S. 19
9/20

Foto de: Mark Sutton / Motorsport Images

10 - Antonio Giovinazzi, Alfa Romeo Racing C38

10 - Antonio Giovinazzi, Alfa Romeo Racing C38
10/20

Foto de: Lionel Ng / Motorsport Images

11 - Romain Grosjean, Haas VF-19

11 - Romain Grosjean, Haas VF-19
11/20

Foto de: Jerry Andre / Motorsport Images

12 - Carlos Sainz Jr., McLaren MCL34

12 - Carlos Sainz Jr., McLaren MCL34
12/20

Foto de: Joe Portlock / Motorsport Images

13 - Lance Stroll, Racing Point RP19

13 - Lance Stroll, Racing Point RP19
13/20

Foto de: Mark Sutton / Motorsport Images

14 - Daniel Ricciardo, Renault R.S.19

14 - Daniel Ricciardo, Renault R.S.19
14/20

Foto de: Jerry Andre / Motorsport Images

15 - Daniil Kvyat, Toro Rosso STR14

15 - Daniil Kvyat, Toro Rosso STR14
15/20

Foto de: Simon Galloway / Motorsport Images

16 - Robert Kubica, Williams FW42

16 - Robert Kubica, Williams FW42
16/20

Foto de: Jerry Andre / Motorsport Images

17 - Kevin Magnussen, Haas F1 Team VF-19

17 - Kevin Magnussen, Haas F1 Team VF-19
17/20

Foto de: Sam Bloxham / Motorsport Images

Kimi Raikkonen, Alfa Romeo Racing C38 (não terminou)

Kimi Raikkonen, Alfa Romeo Racing C38 (não terminou)
18/20

Foto de: Joe Portlock / Motorsport Images

Sergio Perez, Racing Point RP19 (não terminou)

Sergio Perez, Racing Point RP19 (não terminou)
19/20

Foto de: Jerry Andre / Motorsport Images

George Russell, Williams Racing FW42 (não terminou)

George Russell, Williams Racing FW42 (não terminou)
20/20

Foto de: Jerry Andre / Motorsport Images

Próximo artigo
Hamilton explica estratégia da Mercedes que o tirou do pódio do GP de Singapura

Artigo anterior

Hamilton explica estratégia da Mercedes que o tirou do pódio do GP de Singapura

Próximo artigo

Veja como foi o GP de Singapura pela linha do tempo do Motorsport.com

Veja como foi o GP de Singapura pela linha do tempo do Motorsport.com
Carregar comentários