Frustrado, Verstappen critica estratégia da Toro Rosso

Holandês teve corrida atribulada, com toque em disputa com companheiro Carlos Sainz e discordância com a equipe

Frustrado, Verstappen critica estratégia da Toro Rosso

O piloto da Toro Rosso Max Verstappen disse que seu GP da Austrália - que incluiu um toque com seu companheiro de equipe Carlos Sainz Jr. - foi "muito frustrante e decepcionante" neste domingo.

A raiva de Verstappen com a corrida de estreia na Fórmula 1, extravasada através do rádio da equipe, teve como alvo um segundo pit stop que o colocou atrás de Sainz na pista.

Os dois ficaram presos atrás da Renault de Jolyon Palmer, e mais tarde  se envolveram em uma batalha pela nona colocação - que foi quando Verstappen bateu em Sainz e rodou.

"Muito frustrante e decepcionante, esperamos tentar fazer melhor na próxima corrida", disse Verstappen, que terminou em 10º.

"Eu acho que em toda a corrida, antes disso (pit stop), eu estava muito mais rápido e estava me afastando. Em seguida, ficamos presos atrás (de Sainz, que tinha a Williams de Valtteri Bottas na frente dele) e nenhuma chance de passar. "

Sobre chegar nos boxes e não encontrar a equipe pronta para ele, acrescentou: "foi uma falha de comunicação entre nós, uma má sorte."

O lado de Sainz na história

Quando questionado sobre seus pensamentos em relação ao rádio de Verstappen (abaixo), ele respondeu: "Eu não sei, eu não podia ouvir seu rádio, mas eu estou começando a saber agora que o rádio era muito interessante"

"Eu não tenho nenhum problema, eu fiz a minha corrida".

"Eu acho que ultrapassamos um monte de carros hoje e fizemos um bom show mesmo que o resultado não fosse o que nós merecíamos ou queríamos."

Sobre a estratégia de pneus da equipe, que obrigou os dois a irem aos boxes novamente, Sainz acrescentou:

"Não há dúvidas, porque estávamos no P6 e acabamos no P9. O carro tem o ritmo, talvez não a velocidade máxima para ultrapassar, nós definitivamente temos que olhar para o que podemos fazer melhor ".

Abaixo está uma transcrição de conversas de rádio entre Verstappen e engenheiro Xevi Pujolar, e Sainz e seu engenheiro Marco Matassa ...

Max Verstappen (atrás de Sainz e Palmer): "Posso tentar passar?"

Xevi Pujolar: "Sim"

MV: "Deixe-me tentar, porque isso está levando muito tempo"

XP: "Faça isso"

MV: "Nós temos que fazer alguma coisa"

Marco Matassa: "Carlos, force"

Carlos Sainz: "Eu estou forçando, eu estou forçando, não me diga para forçar"

MM: "Sim, caso contrário, vamos trocar de posições na volta seguinte"

MV [após sua disputa com Sainz ]: "Eu sempre disse que estava me afastando, e agora você não me deixa passar, é um (censurado) de piada. Sério"

compartilhar
comentários
Galeria: Veja como ficou o carro de Alonso após acidente
Artigo anterior

Galeria: Veja como ficou o carro de Alonso após acidente

Próximo artigo

Ferrari rebate críticas à estratégia e admite certa decepção

Ferrari rebate críticas à estratégia e admite certa decepção
Carregar comentários