Hamilton diz que não perderia prova de F1 por Indy 500

Britânico espera que compatriota Button substitua Fernando Alonso no GP de Mônaco pela McLaren

Hamilton diz que não perderia prova de F1 por Indy 500
Jenson Button, David Coulthard
Lewis Hamilton, Mercedes AMG
Jenson Button
Lewis Hamilton, Mercedes AMG, Andrew Shovlin, Chief Race Engineer, Mercedes AMG
Lewis Hamilton, Mercedes AMG, is interviewed after the race by David Coulthard, Commentator and Presenter, Channel 4 F1
Fernando Alonso talks to the media after announcing his deal to race in the 2017 Indianapolis 500 in an Andretti Autosport run McLaren Honda car
Carregar reprodutor de áudio

Nesta quinta-feira (13) a decisão de Fernando Alonso de correr na Indy 500 repercutiu dentro do paddock da Fórmula 1 no Bahrein, onde neste final de semana ocorre a terceira etapa do campeonato mundial.

O tricampeão Lewis Hamilton disse que adoraria que Jenson Button substituisse Alonso no GP de Mônaco.

"Espero que Jenson volte, seria ótimo para o esporte ter Jenson de volta", disse Hamilton, que correu ao lado de Button na McLaren de 2010 a 2012.

"Eu ainda acho que ele é um dos melhores pilotos. Sua técnica é muito alta e ele é experiente."

Hamilton acrescentou que nunca pularia um GP para correr em outros lugares, mas apoiou a decisão de Alonso e acredita que os pilotos da F1 devem participar de outros eventos sempre que possível.

"Em primeiro lugar, é ótimo que um piloto possa fazer isso. Deveríamos ser autorizados a fazer mais de um campeonato", acrescentou.

"Houve uma época em que os pilotos podiam fazer vários campeonatos, por isso é muito legal. Eu não quero perder nenhuma corrida na F1, você precisa fazer todas as corridas.”

"Eu gostaria de correr na MotoGP, eu adoraria andar em uma moto da MotoGP. Ou então faria uma corrida de NASCAR, como a Daytona 500."

Hamilton disse que vai assistir as 500 Milhas de Indianápolis com interesse para ver como Alonso irá lidar com o desafio de aprender a guiar em ovais no curto tempo de preparação que terá.

"É um estilo completamente diferente de corrida, é muito, muito diferente", disse ele. "O acerto, a inclinação, o quanto você usa os pneus. É definitivamente muito para aprender em um curto espaço de tempo.”

"Mas Fernando é um dos melhores pilotos do mundo, ele será o melhor piloto do paddock da Indy, mas ele não tem experiência. Será interessante ver como ele lida sem essa experiência."

compartilhar
comentários
Apesar de início fraco, Red Bull ainda crê em carro de 2017
Artigo anterior

Apesar de início fraco, Red Bull ainda crê em carro de 2017

Próximo artigo

GALERIA: Todos os vencedores do GP do Bahrein

GALERIA: Todos os vencedores do GP do Bahrein
Carregar comentários