Fórmula 1
11 jun
-
14 jun
Próximo evento em
65 dias
25 jun
-
28 jun
Próximo evento em
79 dias
R
GP da Áustria
02 jul
-
05 jul
Próximo evento em
86 dias
30 jul
-
02 ago
Próximo evento em
114 dias
R
GP da Bélgica
27 ago
-
30 ago
Próximo evento em
142 dias
03 set
-
06 set
Próximo evento em
149 dias
R
GP de Singapura
17 set
-
20 set
Próximo evento em
163 dias
24 set
-
27 set
Próximo evento em
170 dias
08 out
-
11 out
Próximo evento em
184 dias
R
GP dos Estados Unidos
22 out
-
25 out
Próximo evento em
198 dias
29 out
-
01 nov
Próximo evento em
205 dias
12 nov
-
15 nov
Próximo evento em
219 dias
R
GP de Abu Dhabi
26 nov
-
29 nov
Próximo evento em
233 dias

Kubica: Mônaco evidencia problemas da Williams ainda mais

compartilhar
comentários
Kubica: Mônaco evidencia problemas da Williams ainda mais
Por:
23 de mai de 2019 17:02

Polonês diz que traçado de Principado está destacando deficiências "ainda mais" e tornando as coisas mais difíceis

Robert Kubica ficou a quatro segundos do líder do segundo treino livre desta quinta-feira, Lewis Hamilton, embora a menos de um décimo do companheiro de equipe, George Russell.

O polonês, que voltou ao local em que conseguiu dois pódios na primeira parte de sua carreira na Fórmula 1, disse que o principal ponto positivo é que as suas "voltas iniciais não foram muito ruins", apesar de não guiar no circuito por nove anos.

Leia também:

"Com a falta de aderência que temos, e lutando contra a força geral do carro, Mônaco não é o lugar mais fácil de se guiar", disse Kubica.

"Infelizmente o sentimento não é bom, o que já era previsto. Você espera por uma boa surpresa, mas não há milagres.”

"Quando você não tem aderência no geral, em Mônaco ele se destaca ainda mais, e isso torna ainda mais difícil guiar o carro e ter confiança suficiente para ser capaz de conseguir algo."

Russell disse que a Williams estava "provavelmente mais lenta do que queríamos, e talvez o que esperávamos" depois de parecer estar mais perto do resto do grid na corrida anterior na Espanha.

No entanto, assim como Kubica, o atual campeão da Fórmula 2 sugeriu que as limitações fundamentais da Williams dificultavam o andamento desta etapa.

"Em Mônaco, você precisa da confiança no carro, em um equipamento consistente e isso nos falta nesse momento", disse ele. "Eu não estou muito surpreso."

Russell tem como alvo "o melhor de uma situação ruim" e "continuar" aprendendo em seu primeiro GP de Mônaco.

Ele espera que a corrida seja uma exceção e que o ritmo da Williams em Barcelona seja o retrato fiel de progresso.

"Mônaco é um circuito muito específico e se dermos um passo atrás neste fim de semana, não ficaremos muito decepcionados, porque não é muito relevante para o resto do ano", disse Russell.

"O ritmo em Barcelona foi muito melhor, em um circuito representativo, então não vamos tirar muito disso."

Próximo artigo
Wolff diz que se sentiu "como zumbi" após morte de Lauda

Artigo anterior

Wolff diz que se sentiu "como zumbi" após morte de Lauda

Próximo artigo

Detritos causaram danos no radiador da Red Bull de Verstappen em treino

Detritos causaram danos no radiador da Red Bull de Verstappen em treino
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Evento GP de Mônaco
Pilotos Robert Kubica
Equipes Williams
Autor Scott Mitchell