Fórmula 1
R
GP da Austrália
12 mar
-
15 mar
Próximo evento em
44 dias
19 mar
-
22 mar
Próximo evento em
51 dias
02 abr
-
05 abr
Próximo evento em
65 dias
16 abr
-
19 abr
Próximo evento em
79 dias
30 abr
-
03 mai
Próximo evento em
93 dias
07 mai
-
10 mai
Próximo evento em
100 dias
21 mai
-
24 mai
Próximo evento em
114 dias
R
GP do Azerbaijão
04 jun
-
07 jun
Próximo evento em
128 dias
11 jun
-
14 jun
Próximo evento em
135 dias
25 jun
-
28 jun
Próximo evento em
149 dias
R
GP da Áustria
02 jul
-
05 jul
Próximo evento em
156 dias
R
GP da Grã-Bretanha
16 jul
-
19 jul
Próximo evento em
170 dias
30 jul
-
02 ago
Próximo evento em
184 dias
R
GP da Bélgica
27 ago
-
30 ago
Próximo evento em
212 dias
03 set
-
06 set
Próximo evento em
219 dias
R
GP de Singapura
17 set
-
20 set
Próximo evento em
233 dias
24 set
-
27 set
Próximo evento em
240 dias
08 out
-
11 out
Próximo evento em
254 dias
R
GP dos Estados Unidos
22 out
-
25 out
Próximo evento em
268 dias
29 out
-
01 nov
Próximo evento em
275 dias
12 nov
-
15 nov
Próximo evento em
289 dias
R
GP de Abu Dhabi
26 nov
-
29 nov
Próximo evento em
303 dias

Leclerc vê Red Bull mais forte que o esperado na China

compartilhar
comentários
Leclerc vê Red Bull mais forte que o esperado na China
Por:
12 de abr de 2019 12:08

Monegasco exalta boa sexta-feira de Max Verstappen e coloca time austríaco na briga por lugares de destaque no grid em Xangai

Piloto da Ferrari, Charles Leclerc diz que "definitivamente não esperava" o desempenho obtido pela Red Bull nos treinos para o GP da China desta sexta. O piloto da Red Bull, Max Verstappen, superou a Ferrari em Melbourne, mas estava bem longe da ponta no Bahrein.

Mas apesar da forma irregular do novo chassi RB15, assim como as duas longas retas em Xangai que podem expor o déficit de potência da Honda, Verstappen encerrou o treino de sexta-feira na China a apenas 0s221 do líder.

Leia também:

Leclerc, que foi apenas o sétimo mais rápido depois de simulação de qualificação ter sido comprometida pelo tráfego, disse: "acho que será muito próximo, Mercedes e também Red Bull estão realmente muito próximas. Por isso será uma batalha interessante”.

“A Red Bull está definitivamente mais perto do que esperávamos, então é bom ver isso. Será uma boa luta entre as três equipes, eu acho.”

Verstappen, que atribuiu o ritmo decepcionante da Red Bull no Bahrein a um erro de preparação, disse que uma exibição muito mais forte na China é uma forte possibilidade, uma vez que o problema foi identificado e resolvido.

“Estamos definitivamente mais próximos e também hoje fiquei muito feliz com o carro. Então, não há muito a reclamar”, disse Verstappen.

“É muito cedo para dizer se a Red Bull pode lutar pela vitória, mas parece melhor do que o Bahrain, então com certeza ficamos felizes por isso”.

“Encontramos um problema por lá, então naturalmente esperamos que seja melhor aqui. Hoje tivemos um bom equilíbrio no carro. ”

Perguntado se a recuperação nesta sexta-feira veio como um alívio, ele disse: “é claro que é sempre um ponto de interrogação, mas estávamos confiantes de que se resolvêssemos esse problema tudo ficaria muito melhor. Eu acho que mostramos hoje. Não foi nada mal."

Seu companheiro de equipe, Pierre Gasly, que passa por um início difícil de temporada na Red Bull, esteve consistentemente atrás de Verstappen ao longo das duas sessões de treinos de sexta-feira no circuito de Xangai.

O francês, que terminou o dia 0s9 atrás de seu companheiro de equipe, disse que a diferença se deve aos programas distintos que os dois carros estavam fazendo. Ele diz que “testou várias peças nas duas sessões”.

"Basicamente nós testamos coisas diferentes e agora precisamos analisar com clareza", explicou ele. "Eles encontraram algumas boas direções e vamos colocar as melhores peças no carro amanhã”.

“Foram muitos testes o dia todo, tentando melhorar o desenvolvimento o máximo que podemos.”

Reportagem adicional por Edd Straw

Pierre Gasly, Red Bull Racing RB15

Pierre Gasly, Red Bull Racing RB15

Photo by: Zak Mauger / LAT Images

Próximo artigo
Monza diz precisar “urgente” de 60 milhões de euros para se garantir na F1

Artigo anterior

Monza diz precisar “urgente” de 60 milhões de euros para se garantir na F1

Próximo artigo

Ferrari diz que ainda priorizará Vettel frente a Leclerc mesmo após Bahrein

Ferrari diz que ainda priorizará Vettel frente a Leclerc mesmo após Bahrein
Carregar comentários