Problemas de Hamilton com imprensa não preocupam Lauda

Presidente não-executivo da Mercedes chama de caso recente de inglês de "conversa fiada"

Problemas de Hamilton com imprensa não preocupam Lauda
Lewis Hamilton, Mercedes AMG F1 in the FIA Press Conference
FIA Press Conference: Max Verstappen, Red Bull Racing, second; Nico Rosberg, Mercedes AMG F1, race winner; Lewis Hamilton, Mercedes AMG F1, third
Lewis Hamilton, Mercedes AMG F1 on the podium
Lewis Hamilton, Mercedes AMG F1 in parc ferme
Lewis Hamilton, Mercedes AMG F1 celebrates the Constructors' title with Niki Lauda, Mercedes Non-Executive Chairman; Toto Wolff, Mercedes AMG F1 Shareholder and Executive Director and the team
Lewis Hamilton, Mercedes AMG F1 celebrates his third position on the podium
Lewis Hamilton, Mercedes AMG F1 W07 Hybrid
Lewis Hamilton, Mercedes AMG F1 W07 Hybrid
Carregar reprodutor de áudio

Após ser criticado por utilizar o Snapchat durante a coletiva de imprensa da FIA, Lewis Hamilton decidiu abandonar uma conferência organizada por sua equipe, alegando que sentiu que a cobertura do caso foi desrespeitosa.

No domingo, o britânico usou o Twitter para criticar um "idiota" que noticiou que a Mercedes havia apresentado um protesto contra Max Verstappen, mas deletou a postagem mais tarde.

No entanto, Niki Lauda não considera o assunto tão grave.

"Lewis não está pressionado pela mídia", disse o austríaco ao Motorsport.com. "Às vezes você não quer falar, o que acho bom."

"Às vezes você fala demais. Acho que é normal para qualquer um. Até mesmo vocês, jornalistas, não querem falar todos os dias."

"Podemos resolver isso tudo, não estou preocupado. Ganhamos um campeonato, que é a coisa mais importante e que vai superar tudo isso. Vamos chamar isso de conversa fiada."

Enquanto isso, Lauda ficou encantado ao ver o time garantir o terceiro título de construtores em Suzuka.

"Estou muito feliz, especialmente pelas pessoas em Brixworth e Brackley, porque eles são os verdadeiros vencedores destes campeonatos, não eu. Fizemos um trabalho perfeito este ano novamente para ganhar o campeonato."

"Nico foi perfeito, mas Lewis cometeu um erro na largada, o que lhe custou pelo menos o segundo lugar. Mas essas coisas podem acontecer. Lewis pisou fundo em toda a corrida. A Red Bull e a Ferrari foram rápidas, fizemos a coisa certa e ganhamos, graças a Deus."

Em relação às perspectivas da batalha pelo título de pilotos, ele disse: "espere e veja. Temos que ter certeza de que ambos os carros funcionem perfeitamente para quatro corridas. Este é o meu trabalho e vou colocar todos os esforços nisso."

compartilhar
comentários
Querendo ficar, Nasr confia em Sauber “diferente” em 2017
Artigo anterior

Querendo ficar, Nasr confia em Sauber “diferente” em 2017

Próximo artigo

Bottas reclama de tática após ficar atrás de Massa no Japão

Bottas reclama de tática após ficar atrás de Massa no Japão