Fórmula 1
06 mai
Próximo evento em
62 dias
20 mai
Próximo evento em
76 dias
R
GP do Azerbaijão
03 jun
Próximo evento em
90 dias
10 jun
Próximo evento em
97 dias
24 jun
Próximo evento em
111 dias
R
GP da Áustria
01 jul
Próximo evento em
118 dias
R
GP da Grã-Bretanha
15 jul
Próximo evento em
132 dias
29 jul
Próximo evento em
146 dias
R
GP da Bélgica
26 ago
Próximo evento em
174 dias
02 set
Próximo evento em
181 dias
09 set
Próximo evento em
188 dias
23 set
Próximo evento em
202 dias
R
GP de Singapura
30 set
Próximo evento em
209 dias
07 out
Próximo evento em
216 dias
21 out
Próximo evento em
230 dias
28 out
Próximo evento em
237 dias
R
GP da Arábia Saudita
03 dez
Próximo evento em
273 dias
R
GP de Abu Dhabi
12 dez
Próximo evento em
282 dias

Wolff: Títulos na Fórmula 1 esgotaram todos na Mercedes

Equipe alemã venceu o Mundial de Construtores em Ímola na semana passada o sétimo consecutivo

compartilhar
comentários
Wolff: Títulos na Fórmula 1 esgotaram todos na Mercedes

Toto Wolff, chefe da Mercedes, afirmou que a conquista do time alemão pelo sétimo título consecutivo na Fórmula 1 afetou todos na equipe, não apenas ele. A montadora alemã venceu o Mundial de Construtores em Ímola na semana passada, com Lewis Hamilton e Valtteri Bottas agora como os únicos dois candidatos ao título de pilotos.

Com Wolff procurando assumir um papel diferente depois de admitir que foi drenado pelo esforço que teve de fazer para alcançar a sequência de títulos, ele diz que não é o único a se sentir esgotado por tudo isso.

Leia também:

“Não apenas me afetou, mas afetou todos os que estão envolvidos no projeto”, disse Wolff. “Sangue, suor e lágrimas, isso acontece a portas fechadas, mas você nunca vê isso. Parece que estamos arrasando na pista e vencendo corridas, mas a verdade é que há muito sacrifício por trás disso em uma tarde como essa [quando você vence], isso compensa tudo”.

Wolff diz que uma das chaves para o sucesso contínuo da Mercedes em esticar sua série de títulos tem sido a maneira como a equipe tem se esforçado para melhorar.

Ele afirma que a meta inicial de ganhar um campeonato mundial, que foi traçada antes da campanha de 2014, foi revisada para impulsionar ainda mais - e tem ajudado a inspirar a equipe desde então.

“Você conhece a história de todos os nossos exercícios de abraço nas árvores em 2014, quando colocamos na parede o objetivo de que almejamos ganhar um campeonato mundial de pilotos e construtores”, disse ele.

“E [o ex-diretor de engenharia] Aldo Costa disse: 'Não acho que isso seja ambicioso o suficiente. Devemos escrever na parede: nosso objetivo é ganhar vários campeonatos mundiais de pilotos e construtores’”.

“Sentimos na época que era um pouco rebuscado. Mas graças a Deus nós o colocamos na parede, porque ele continua a nos inspirar. E a cada temporada isso nos inspirou”.

“Isso significa muitos pensamentos e sonhar muito sobre o que poderemos alcançar no futuro. Definir esses objetivos como uma equipe e objetivos pessoais é uma parte importante do nosso exercício".

Nova parceria com ThePlayer.com, a melhor opção para apostas e diversão no Brasil

Registre-se gratuitamente no ThePlayer.com e acompanhe tudo sobre Fórmula 1 e outros esportes! Você confere o melhor conteúdo sobre o mundo das apostas e fica por dentro das dicas que vão te render muita diversão e também promoções exclusivas. Venha com a gente!

Top-7: Veja os nomes mais importantes para a construção da dinastia Mercedes na F1

PODCAST: Hamilton blefa ou fala a verdade ao ameaçar deixar a F1?

 
 

F1: Hamilton, Wolff e Horner falam sobre inclusão da Arábia Saudita no calendário

Artigo anterior

F1: Hamilton, Wolff e Horner falam sobre inclusão da Arábia Saudita no calendário

Próximo artigo

F1: Tsunoda revela que foi orientado a recusar convite para Euroformula Open; entenda

F1: Tsunoda revela que foi orientado a recusar convite para Euroformula Open; entenda
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Equipes Mercedes
Autor Jonathan Noble