F-E: Di Grassi é oficialmente desclassificado do ePrix II de Londres após polêmica; brasileiro aceita punição

Brasileiro confirmou ainda que somente foi informado sobre a punição após o fim da prova

F-E: Di Grassi é oficialmente desclassificado do ePrix II de Londres após polêmica; brasileiro aceita punição

O brasileiro Lucas di Grassi foi oficialmente desclassificado do ePrix II de Londres da Fórmula E realizado neste domingo (25), enquanto a Audi foi multada em 50 mil euros (R$306 mil) por não cumprir a punição determinada pelos comissários após a manobra controversa no pitlane que o levou à liderança da prova.

Di Grassi era o oitavo colocado durante a segunda entrada do safety car, causada pelo abandono de António Félix da Costa após o toque com a Porsche de Andre Lotterer na chegada à curva um.

Leia também:

Com o safety car reduzindo a velocidade ao se aproximar do carro de Da Costa, di Grassi entrou no pitlane, que tinha uma velocidade maior no momento, e tentou parar no box da Audi antes de voltar à pista, mas agora na liderança da prova.

Ele seguiu na ponta até o fim da prova, cruzando a linha de chegada em primeiro. Mas por não ter cumprido a punição de drive through, ele recebeu uma bandeira preta no início da última volta. Mesmo assim, Di Grassi aparecia em oitavo no resultado provisório.

Porém, Di Grassi não chegou a ser informado pela equipe que havia recebido um drive through por não parar completamente nos boxes, tendo mexido com os pneus na superfície lisa da pista do ExCel Centre.

Agora, o brasileiro foi oficialmente desclassificado, enquanto a Audi recebeu uma multa de 50 mil euros, sendo que apenas cinco destes devem ser pagos imediatamente, por não informar o piloto da punição.

Em uma publicação nas redes sociais, Di Grassi seguiu a mesma linha de Allan McNish, chefe da Audi, que defendeu que não há nada no regulamento que proíba o ato, mas o brasileiro aceitou a punição.

"Tudo que fizemos hoje era claramente permitido pelo regulamento do campeonato. Só poderíamos fazer isso se o safety car estivesse em uma velocidade mais baixa que o limite do pitlane, se não perderia posições".

"Foi um movimento ousado, arriscado, mas dei todo o apoio à minha equipe quando a decisão foi tomada. A penalização foi corretamente aplicada, porque o veículo (as rodas atingiram 0) não chegou a 0km/h após uma análise profunda dos dados, já que era algo marginal".

"Somente fui informado sobre a punição após a bandeira quadriculada, através do rádio".

CLIMA DE GUERRA: Max Wilson teme CONSEQUÊNCIA do acidente de Hamilton e Verstappen para F1; entenda

Assine o canal do Motorsport.com no Youtube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like (joinha) nos vídeos e ative as notificações, para sempre ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

PODCAST: Como fica o campeonato após guerra declarada entre Verstappen e Hamilton?

 

SIGA NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

compartilhar
comentários
VÍDEO: Veja a polêmica parada de Di Grassi que rendeu a bandeira preta no ePrix II de Londres da F-E
Artigo anterior

VÍDEO: Veja a polêmica parada de Di Grassi que rendeu a bandeira preta no ePrix II de Londres da F-E

Próximo artigo

F-E - Di Grassi: Erro que levou a desclassificação em Londres "ficará na minha cabeça"

F-E - Di Grassi: Erro que levou a desclassificação em Londres "ficará na minha cabeça"
Carregar comentários