F-E: Di Grassi fala sobre relacionamento com Abt e defende que ex-companheiro merece continuar no grid

compartilhar
comentários
F-E: Di Grassi fala sobre relacionamento com Abt e defende que ex-companheiro merece continuar no grid
Por:

O brasileiro disse que sentirá falta de Abt na equipe Audi na F-E e defende que o alemão merece uma vaga na categoria

No mês passado, o piloto da Fórmula E Daniel Abt teve seu contrato com a Audi rescindido após uma polêmica no torneio virtual da categoria, ao colocar um piloto profissional de eSport em seu lugar. O grid da F-E reagiu contra a decisão da montadora, falando que houve exagero e, segundo seu companheiro de equipe na Audi, Lucas di Grassi, o Abt merece mais uma chance.

Em um comunicado divulgado após a descoberta, Abt explicou que não houve movimentação financeira nesse acordo, e defendeu que seu "grande erro" não tinha como intenção fazer com que ele ficasse com uma imagem melhor na disputa de eSport.

Leia também:

Foi apurado que Abt tinha um contrato de 12 meses e que a saída da Audi da DTM teria aumentado a disputa entre os pilotos para a vaga.

A melhor temporada de Abt na F-E foi a de 2017/18, a última com a primeira geração de carros, quando ele conquistou duas vitórias, no México e em Berlim, terminando em quinto na classificação de pilotos.

Na temporada atual, ele pontuou apenas uma vez, na segunda etapa em Diriyah, na Arábia Saudita, quando terminou em sexto.

Di Grassi e Abt foram companheiros de equipe desde o início da categoria, na temporada 2014/15, quando corriam na Audi Abt, antes da montadora oficializar a equipe como oficial, em 2017/18. Até a saída de Abt no mês passado, a dupla era a única na categoria que nunca havia sido modificada.

Em conversa com o Autosport / Motorsport.com, o brasileiro, que foi campeão da temporada 2016/17 da F-E descreveu Abt como um piloto "subestimado" e merecedor de uma vaga no campeonato.

"Eu realmente vou sentir falta de Daniel na equipe, e acredito que ele tem o talento e a capacidade para estar no grid da Fórmula E e ter bons resultados", disse. "Nós estávamos em momentos diferentes de nossas carreiras quando nos conhecemos e começamos a correr juntos".

"O Daniel estava vindo da Fórmula 2, e eu vinha de uma temporada em carros esportivos após passar pela F1. Eu sou sete anos mais velho, então tinha mais experiência, e ele aprendeu muito comigo".

"Ele se tornou um grande piloto correndo com a gente, e definitivamente merece estar no grid da Fórmula E como piloto. Acredito que as pessoas subestimam suas habilidades".

"Ele é talentoso, tem boa velocidade e nos últimos anos do campeonato acredito que ele era muito competitivo, então ele definitivamente precisa estar ali".

Di Grassi acrescentou que ao longo de seus seis anos juntos, eles tiveram "altos e baixos assim como qualquer casamento", mas explicou que eles "desenvolveram um bom relacionamento", apesar de preocupações iniciais de que seu companheiro de equipe teria tratamento preferencial.

"Quando eu assinei com a equipe eu fiquei um pouco preocupado por causa de seu sobrenome, que ele teria preferência na equipe", admitiu di Grassi. "Mas mesmo quando as operações eram da Abt, a equipe tinha um gerenciamento muito profissional e o objetivo era vencer, independente de ser comigo ou com Daniel".

"Ele era um bom companheiro de equipe. Nunca tivemos grandes discussões dentro da equipe". 

#8 Audi Sport Team WRT Audi R8 LMS: Rene Rast

#8 Audi Sport Team WRT Audi R8 LMS: Rene Rast

Photo by: Gruppe C GmbH

Bicampeão do DTM vai testar carro da Audi

A Audi já está em busca do possível substituto de Abt e um deles é René Rast, bicampeão do DTM com a montadora, que vai participar de um teste com o carro da F-E em julho.

Rast, que vai ficar sem uma vaga no final do ano devido à saída da Audi do DTM, é visto como o principal candidato. O alemão tem uma pequena experiência com a F-E, tendo corrido com a equipe Aguri no eP de Berlim de 2016, mas abandonou a prova a seis voltas do final.

O piloto confirmou a informação e divulgou que o teste será realizado no circuito de Lausitzring, na Alemanha.

"Para mim, o único plano é o teste em Lausitzring no início de julho", disse Rast ao Motorsport.com quando perguntado se tinha algum interesse em correr na F-E.

"Enquanto a Fórmula E não tiver um calendário, não posso planejar se poderei correr ou não. Se tiver choque entre a Fórmula E e o DTM, não poderei correr lá porque o DTM é a minha prioridade no momento. Tudo depende do calendário".

"Mas eu tenho interesse em correr na Fórmula E. É um dos melhores campeonatos que temos no momento e, com a saída da Audi do DTM, é a minha única opção para seguir como piloto da Audi".

Tony Kanaan se emociona ao lembrar como Piquet e Senna mudaram os rumos da sua vida

PODCAST: Entrevista com Rubens Barrichello: os bastidores da carreira do recordista de provas da F1 

 

Fórmula E: Werhlein anuncia saída imediata da equipe Mahindra

Artigo anterior

Fórmula E: Werhlein anuncia saída imediata da equipe Mahindra

Próximo artigo

Fórmula E anuncia retomada da temporada com maratona de seis provas em nove dias em Berlim

Fórmula E anuncia retomada da temporada com maratona de seis provas em nove dias em Berlim
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula E
Autor James Newbold