Fórmula E
22 nov
-
22 nov
Evento encerrado
R
ePrix de Santiago
17 jan
-
18 jan
Próximo evento em
37 dias
R
ePrix da Cidade do México
14 fev
-
15 fev
Próximo evento em
65 dias
R
ePrix de Marraquexe
27 fev
-
29 fev
Próximo evento em
78 dias
R
ePrix de Sanya
20 mar
-
21 mar
Próximo evento em
100 dias
R
ePrix de Roma
03 abr
-
04 abr
Próximo evento em
114 dias
R
ePrix de Paris
17 abr
-
18 abr
Próximo evento em
128 dias
R
ePrix de Seul
02 mai
-
03 mai
Próximo evento em
143 dias
R
ePrix de Jacarta
05 jun
-
06 jun
Próximo evento em
177 dias
R
ePrix de Berlim
20 jun
-
21 jun
Próximo evento em
192 dias
R
ePrix de Nova York
10 jul
-
11 jul
Próximo evento em
212 dias
R
ePrix de Londres
25 jul
-
25 jul
Próximo evento em
227 dias

Massa ficou sem energia a 150m do fim do ePrix de Mônaco da F-E

compartilhar
comentários
Massa ficou sem energia a 150m do fim do ePrix de Mônaco da F-E
Por:
13 de mai de 2019 12:19

Piloto brasileiro da Venturi sofria forte ataque do alemão Pascal Werhlein, da Mahindra, na última volta, mas conseguiu sustentar posição

Depois de conquistar seu primeiro pódio na Fórmula E ao chegar em terceiro no ePrix de Mônaco (veja abaixo 20 curiosidades sobre a carreira do brasileiro), Felipe Massa disse que ficou sem energia utilizável a 150 metros do fim a caminho da linha de chegada no Principado. 

Leia também:


O piloto da Venturi entrou na passagem final do complexo da Piscina com apenas dois por cento de energia útil restante e com Pascal Wehrlein em sua cola. Massa eventualmente cruzou a linha 0s178 à frente de seu oponente alemão da Mahindra. O brasileiro admitiu ainda que também ficou sem energia nas duas simulações virtuais que fez em Mônaco (veja abaixo):

O brasileiro disse: "Consegui administrar muito bem o consumo durante toda a corrida, diminuindo a velocidade na hora certa atrás do carro [da Nissan] e.dams [de Oliver Rowland]. Mas na última volta eu tive que usar muita energia e [Wehrlein] conseguiu economizar mais, acho que 1% a mais”.

"Na última volta, eu não consegui administrar o tanto que queria, não podia deixá-lo passar do lado de fora. Então foi bastante complicado e ele me tocou algumas vezes, mas consegui terminar a corrida mesmo sem bateria. Nos últimos 150 metros perdi toda a potência, mas não houve tempo suficiente para ele me ultrapassar", revelou.

Felipe Massa, Venturi Formula E, Venturi VFE05

Felipe Massa, Venturi Formula E, Venturi VFE05

Photo by: Sam Bloxham / LAT Images

Perguntado pelo Motorsport.com se ele esperava ficar sem energia, Massa respondeu: "Eu sabia que estaria no limite, mas foi mais do que eu esperava”. Massa disse na coletiva de imprensa depois da corrida que ele "nunca teve dúvidas" sobre sua competitividade na F-E em sua primeira temporada. Entretanto, o piloto admitiu: "o pódio foi um pouco mais tarde do que eu esperava".

Ele acrescentou: "Você às vezes coloca coisas estúpidas na sua mente. Você vê que você é rápido, mas acontece muita coisa e você fica se perguntando 'por quê? Mas sei que posso obter um resultado bom, nunca duvidei. Eu sei o que posso fazer e não estou aqui por sorte, estou aqui pelo que fiz na minha carreira e tenho certeza que há mais coisas pela frente".

O companheiro de Massa na Venturi, Edoardo Mortara, disse que o pódio do brasileiro era importante após a recente forma irregular da equipe. Depois que Mortara herdou a vitória em Hong Kong há quatro rodadas, a Venturi teve quatro abandonos e três corridas entre os dez primeiros considerando seus dois carros.

Mortara disse ao Motorsport.com: "Isso traz um pouco de positividade para a equipe e eu acho que eles precisavam. Temos lutado por várias razões nos últimos quatro finais de semana, mas sempre fomos competitivos. É uma pena que tivemos esses quatro abandonos, mas é muito bom que Felipe tenha feito um pódio”.

VOCÊ CONHECE A CARREIRA DE MASSA NA FÓRMULA 1? 

Massa completou 38 anos no mês passado. O Motorsport.com preparou uma galeria com curiosidades sobre a carreira do brasileiro. 

Galeria
Lista

Massa conquistou seu primeiro ponto na F1 logo em sua segunda corrida no mundial, na Malásia em 2002. Um sexto posto.

Massa conquistou seu primeiro ponto na F1 logo em sua segunda corrida no mundial, na Malásia em 2002. Um sexto posto.
1/20

Foto de: Sauber Petronas

Em 2002, Massa foi ordenado a ceder posição para o parceiro Nick Heidfeld por duas vezes, no GP da Europa (onde não obedeceu) e no GP da Alemanha (quando acatou. Com clima ruim, ele saiu do time no fim do ano.

Em 2002, Massa foi ordenado a ceder posição para o parceiro Nick Heidfeld por duas vezes, no GP da Europa (onde não obedeceu) e no GP da Alemanha (quando acatou. Com clima ruim, ele saiu do time no fim do ano.
2/20

Foto de: Sauber Petronas

Massa liderou uma corrida pela primeira vez no GP do Brasil de 2004, por duas voltas.

Massa liderou uma corrida pela primeira vez no GP do Brasil de 2004, por duas voltas.
3/20

Foto de: Bridgestone Corporation

Conquistando um sexto lugar em sua despedida da Sauber na China em 2005 – naquela que foi a última corrida da Sauber após a entrada da BMW -, Felipe Massa ganhou de presente seu carro do chefe, Peter Sauber.

Conquistando um sexto lugar em sua despedida da Sauber na China em 2005 – naquela que foi a última corrida da Sauber após a entrada da BMW -, Felipe Massa ganhou de presente seu carro do chefe, Peter Sauber.
4/20

Foto de: XPB Images

Ele conquistou 41 pódios na carreira. O primeiro foi no GP da Europa de 2006.

Ele conquistou 41 pódios na carreira. O primeiro foi no GP da Europa de 2006.
5/20

Foto de: XPB Images

A 1ª vitória de Massa na F1 (Turquia/2006) foi possibilitada apenas devido a uma rodada de Vitantonio Liuzzi. Com um Safety Car, ele e Schumacher foram para o box ao mesmo tempo, com o alemão saindo em 3º, atrás de Alonso. A Ferrari não pôde inverter as posições.

A 1ª vitória de Massa na F1 (Turquia/2006) foi possibilitada apenas devido a uma rodada de Vitantonio Liuzzi. Com um Safety Car, ele e Schumacher foram para o box ao mesmo tempo, com o alemão saindo em 3º, atrás de Alonso. A Ferrari não pôde inverter as posições.
6/20

Foto de: XPB Images

De todas as 11 vitórias na F1, em nenhuma Felipe Massa saiu de uma posição pior que o segundo lugar no grid.

De todas as 11 vitórias na F1, em nenhuma Felipe Massa saiu de uma posição pior que o segundo lugar no grid.
7/20

Foto de: Steve Etherington / Motorsport Images

Em 2007, Massa dividiu o recorde de pole positions com Lewis Hamilton: seis para cada um.

Em 2007, Massa dividiu o recorde de pole positions com Lewis Hamilton: seis para cada um.
8/20

Foto de: Glenn Dunbar / Motorsport Images

Massa ficou a um ponto do título de 2008, mas foi quem mais venceu provas na temporada: seis contra cinco do campeão, Lewis Hamilton.

Massa ficou a um ponto do título de 2008, mas foi quem mais venceu provas na temporada: seis contra cinco do campeão, Lewis Hamilton.
9/20

Foto de: LAT Images

Massa liderou o mundial por duas vezes na carreira, se tornando o único brasileiro a conseguir a façanha após Ayrton Senna. Foi após os GPs da França de 2008 e da Malásia de 2010.

Massa liderou o mundial por duas vezes na carreira, se tornando o único brasileiro a conseguir a façanha após Ayrton Senna. Foi após os GPs da França de 2008 e da Malásia de 2010.
10/20

Foto de: Eric Gilbert

O acidente mais sério de sua carreira foi no GP da Hungria de 2009, quando uma mola se desprendeu do carro de Rubens Barrichello e acertou sua cabeça. Massa só voltou a correr em 2010.

O acidente mais sério de sua carreira foi no GP da Hungria de 2009, quando uma mola se desprendeu do carro de Rubens Barrichello e acertou sua cabeça. Massa só voltou a correr em 2010.
11/20

Foto de: Sutton Motorsport Images

O polêmico GP da Alemanha de 2010 foi exatamente um ano depois do incidente na classificação para o GP da Hungria de 2009 (25 de julho).

O polêmico GP da Alemanha de 2010 foi exatamente um ano depois do incidente na classificação para o GP da Hungria de 2009 (25 de julho).
12/20

Foto de: Charles Coates / Motorsport Images

Massa não conseguiu chegar à frente do companheiro de Ferrari Fernando Alonso em uma corrida que ambos tivessem concluído entre os GPs da China de 2011 e da Índia de 2013 (52 provas).

Massa não conseguiu chegar à frente do companheiro de Ferrari Fernando Alonso em uma corrida que ambos tivessem concluído entre os GPs da China de 2011 e da Índia de 2013 (52 provas).
13/20

Foto de: Alastair Staley / Motorsport Images

O brasileiro também ficou sem se classificar à frente do espanhol entre os GPs do Canadá de 2011 e Malásia 2013 (34 provas).

O brasileiro também ficou sem se classificar à frente do espanhol entre os GPs do Canadá de 2011 e Malásia 2013 (34 provas).
14/20

Foto de: Charles Coates / Motorsport Images

Massa é o brasileiro que mais subiu ao pódio no GP do Brasil. Foram cinco vezes, duas como vencedor.

Massa é o brasileiro que mais subiu ao pódio no GP do Brasil. Foram cinco vezes, duas como vencedor.
15/20

Foto de: Glenn Dunbar / Motorsport Images

Sua última de 16 pole positions foi conquistada no GP da Áustria de 2014. Foi a única vez que um carro que não fosse Mercedes, Ferrari ou Red Bull largou em primeiro na era turbo-híbrida da F1.

Sua última de 16 pole positions foi conquistada no GP da Áustria de 2014. Foi a única vez que um carro que não fosse Mercedes, Ferrari ou Red Bull largou em primeiro na era turbo-híbrida da F1.
16/20

Foto de: Steve Etherington / Motorsport Images

O último pódio de Massa (e também ultimo do Brasil na F1) foi no GP da Itália de 2015.

O último pódio de Massa (e também ultimo do Brasil na F1) foi no GP da Itália de 2015.
17/20

Foto de: Mercedes AMG

Massa foi desclassificado em dois GPs: GP do Canadá 2007 (por sair do box com a luz vermelha acesa) e GP do Brasil 2015 (por seu pneu traseiro ultrapassar a temperatura limite durante a prova).

Massa foi desclassificado em dois GPs: GP do Canadá 2007 (por sair do box com a luz vermelha acesa) e GP do Brasil 2015 (por seu pneu traseiro ultrapassar a temperatura limite durante a prova).
18/20

Foto de: XPB Images

A última vez que Massa liderou uma corrida foi na Inglaterra, em 2015. Foi por 19 voltas. Ao todo ele liderou 936 voltas na carreira.

A última vez que Massa liderou uma corrida foi na Inglaterra, em 2015. Foi por 19 voltas. Ao todo ele liderou 936 voltas na carreira.
19/20

Foto de: XPB Images

Mesmo com grande carreira na F1, Massa superou o companheiro de equipe ao final do ano apenas em 2005 (na Sauber, com Jacques Villeneuve), em 2008 (na Ferrari, com Kimi Raikkonen) e em 2017 (na Williams, com Lance Stroll).

Mesmo com grande carreira na F1, Massa superou o companheiro de equipe ao final do ano apenas em 2005 (na Sauber, com Jacques Villeneuve), em 2008 (na Ferrari, com Kimi Raikkonen) e em 2017 (na Williams, com Lance Stroll).
20/20

Foto de: Sutton Motorsport Images

Próximo artigo
Vergne vence em Mônaco, e Massa consegue 1º pódio na Fórmula E

Artigo anterior

Vergne vence em Mônaco, e Massa consegue 1º pódio na Fórmula E

Próximo artigo

Radar verde-amarelo: Dobradinha de Cacá e Jimenez em Mônaco e primeiro pódio de Massa na F-E

Radar verde-amarelo: Dobradinha de Cacá e Jimenez em Mônaco e primeiro pódio de Massa na F-E
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula E
Evento ePrix de Mônaco
Pilotos Felipe Massa Compre Agora
Equipes Venturi
Autor Tom Errington