Fórmula E: di Grassi é anunciado na Venturi como companheiro de Mortara

Piloto brasileiro vai para equipe de Mônaco após saída da Audi da categoria

Fórmula E: di Grassi é anunciado na Venturi como companheiro de Mortara

Campeão mundial da Fórmula E, Lucas di Grassi será piloto da equipe Venturi na categoria de monopostos elétricos na próxima temporada, tendo sido anunciado pelo time monegasco na manhã desta quarta-feira como novo companheiro do ítalo-suíço Edoardo Mortara.

O editor recomenda:

É a primeira mudança de equipe de di Grassi na F-E desde o começo da categoria, na qual esteve envolvido desde o começo. Até então, o brasileiro correu pela Audi, mas a marca alemã saiu da competição após o fim da última temporada.

Com a ida de di Grassi para a equipe que usa trem de força da Mercedes, o francês Norman Nato, que guiou pelo time chefiado por Susie Wolff em 2021, fica sem vaga na F-E. Já Mortara, que também foi parceiro de Felipe Massa na Venturi, segue na escuderia.

O ítalo-suíço, aliás, foi o vice-campeão da última temporada, que coroou o holandês Nyck de Vries, da Mercedes, como vencedor. De todo modo, com a ida para a Venturi, di Grassi seguirá como um dos dois pilotos presentes na F-E desde o começo da categoria.

 

Além dele, o britânico Sam Bird, hoje na Jaguar. Após a anúncio de que a Audi sairia da F-E, di Grassi afirmou que seguiria na categoria, tendo negociado com a Andretti Autosport. Agora, vem o anúncio na Venturi.

O brasileiro disse: “Quem me conhece sabe como sou competitivo. Guiar por uma equipe que sei que pode lutar na frente e realmente brigar pelo campeonato é essencial para mim. [A Venturi] teve um desempenho muito, muito bom na temporada passada. Dá para perceber que a equipe avançou muito nos últimos anos. O ímpeto realmente existe e eles mostraram melhorias claras em todas as áreas."

Lucas di Grassi, Venturi Racing

Lucas di Grassi, Venturi Racing

Photo by: Venturi

“Edoardo teve uma temporada fantástica, muito forte, lutou pelo título até o final e muitas vezes ao longo da temporada eu corri com os dois carros da Venturi e pude ver o quão competitivos eles eram.”

Embora nenhum detalhe tenha sido divulgado publicamente sobre a duração do contrato de di Grassi, o Motorsport.com apurou que é provável que inicialmente o vínculo seja de apenas uma temporada.

A chefe de equipe da Venturi, Susie Wolff, afirmou: “Na temporada passada, demonstramos que temos um pacote forte. Houve muitos destaques ao longo da campannha, começando com um pódio e terminando com uma vitória."

“Edo mostrou a todos o que sempre soubemos - que ele é um candidato ao campeonato mundial. [Ele e Lucas] irão empurrar um ao outro e nos levar adiante como uma equipe", destacou Susie, que é casada com Toto Wolff, chefe da Mercedes na Fórmula 1.

“Ter os dois carros marcando pontos em todas as corridas é essencial para nós para o campeonato das equipes e, com nossa nova linha de pilotos, há muito com que se sentir otimista", completou.

RETA FINAL: Caótica F1 na Itália, escalada da rivalidade Verstappen x Hamilton e glória de Ricciardo

Assine o canal do Motorsport.com no YouTube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like ('joinha') nos vídeos e ative as notificações, para sempre ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

PODCAST - Bottas: piloto que deixou a desejar ou talento 'sacrificado'?

 

SIGA NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

compartilhar
comentários
F-E: Rowland é confirmado na Mahindra como substituto de Lynn

Artigo anterior

F-E: Rowland é confirmado na Mahindra como substituto de Lynn

Carregar comentários