Chefe da Yamaha explica sucesso: “evolução ao invés de revolução”

Com títulos definidos, Lin Jarvis espera apenas a decisão entre Rossi e Lorenzo para comemorar ano perfeito

Chefe da Yamaha explica sucesso: “evolução ao invés de revolução”
Valentino Rossi, Yamaha Factory Racing
Marc Marquez, Repsol Honda Team, Valentino Rossi, Yamaha Factory Racing, Andrea Iannone, Ducati Team
Jorge Lorenzo, Yamaha Factory Racing
Marc Marquez, Repsol Honda Team e Jorge Lorenzo, Yamaha Factory Racing
Valentino Rossi, Yamaha Factory Racing
Jorge Lorenzo, Yamaha Factory Racing
Valentino Rossi, Yamaha Factory Racing
Carregar reprodutor de áudio

A MotoGP tem enchido os olhos dos fãs nesta temporada com os duelos memoráveis dentro da pista de Jorge Lorenzo e Valentino Rossi. Mas o que ficou em segundo plano foi a evolução da YZR-M1 da Yamaha. Ofuscada pela Honda em 2014, a moto melhorou bastante em 2015.

Para o diretor da Yamaha Motor Racing, Lin Jarvis, o trabalho em conjunto dos pilotos e uma política de evolução acertada ajudaram o time.

"Eu diria que Jorge e Vale tem trabalhando lado a lado. Isso é provavelmente uma descrição melhor do que trabalhar juntos", explicou Jarvis.

"Eles trabalham lado a lado, em conjunto com os engenheiros, e os engenheiros sempre ouvem estes dois pilotos incríveis de estilos de pilotagem diferentes. Assim avançamos passo a passo.”

"Este sucesso começou no meio da última temporada, depois que fomos destruídos por Marc Marquez nas primeiras dez corridas. Nossos engenheiros tiveram de melhorar muito a moto, e já fizeram isso no segundo semestre do ano passado.”

"Felizmente, nossa abordagem de evolução ao invés de revolução foi recompensada neste ano. A Honda claramente desenvolveu uma moto que é mais difícil de pilotar que a nossa. Não há dúvida. Temos isso como vantagem também.”

"Isso tudo é parte do jogo. Não é apenas um esporte de pilotos, é também um esporte onde a equipe não pode cometer erros e as fabricantes têm de desenvolver uma grande moto.”

"Ganhamos os títulos de construtores e equipes. O de pilotos está garantido. A única coisa que resta saber é se o campeão será o 46 ou o 99."

compartilhar
comentários
Para Barros, Rossi será campeão: “está com fome de garoto”
Artigo anterior

Para Barros, Rossi será campeão: “está com fome de garoto”

Próximo artigo

Rossi acusa Marquez de ajudar Lorenzo na Austrália

Rossi acusa Marquez de ajudar Lorenzo na Austrália
Carregar comentários