MotoGP - Confirmado: Viñales correrá pela Aprilia em 2022

Piloto espanhol fecha acordo com equipe onde era especulado desde a etapa da Holanda, após ano desgastado com a Yamaha

MotoGP - Confirmado: Viñales correrá pela Aprilia em 2022

A Aprilia anunciou que assinou com Maverick Viñales para a temporada de 2022 da MotoGP, após ele deixar a Yamaha. A equipe japonesa confirmou na etapa de Assen em junho que, a pedido do espanhol, havia concordado em se separar do nove vezes vencedor da corridas na categoria ao final deste campeonato, um ano antes de seu contrato expirar.

O piloto chegou vindo da Suzuki em 2017 e teve uma relação fragmentada com o time, azedando com seu desempenho irregular desde a vitória na prova do Qatar, que atingiu o ponto mais baixo quando o fabricante o suspendeu e retirou do fim de semana na Áustria por tentar explodir o motor na Estíria.

Leia também:

Ainda não está claro se Viñales competirá novamente em 2021 com a Yamaha. Os relatos durante o GP da Holanda ligaram o espanhol a uma transferência para a Aprilia, embora ele e a marca italiana tenham negado na altura.

A equipe confirmou agora a nomeação do piloto para um contrato de um ano com opção de renovação. Ele substituirá o estreante Lorenzo Savadori.

"Estamos extremamente felizes em anunciar que contratamos Maverick Viñales, um piloto de altíssimo nível e um dos mais puros talentos da categoria rainha", disse Massimo Rivola, CEO da Aprilia.

"O nosso projeto foi agora enriquecido com o valor que ele traz: um campeão que confirmou o seu talento como piloto de topo na MotoGP. Numa altura de grandes mudanças, depois de trazer uma moto completamente renovada e de nos termos estabelecido de forma consistente entre os protagonistas, também estamos perante uma mudança de estatuto como equipe de fábrica para chegar ao sucesso."

"Ficamos honrados em poder colocar todas as nossas melhores habilidades à disposição de Viñales, juntamente com nosso entusiasmo e nossa paixão. Tenho certeza de que, como Aleix [Espargaró], ele irá abraçar este time de alto potencial.

"A chegada de Maverick em nada afasta Lorenzo Savadori, já que ele continuará sendo parte integrante da família Aprilia Racing", acrescentou.

Maverick Vinales, Yamaha Factory Racing

Maverick Vinales, Yamaha Factory Racing

Photo by: Yamaha MotoGP

O espanhol terá o compatriota Espargaró como companheiro no próximo ano. Os dois já fizeram parte da mesma equipe anteriormente: correram pela Suzuki nas temporadas de 2015 e 2016.

O anúncio de Viñales acaba com as esperanças de Andrea Dovizioso se juntar à marca em 2022. O italiano tornou-se piloto de testes da Aprilia em 2021 depois de recusar uma corrida para esta temporada no final de 2020, o que o levou a tirar uma licença sabática com vista ao regresso à categoria em 2022. No entanto, todas as portas parecem fechadas agora.

Andrea Dovizioso, Aprilia

Andrea Dovizioso, Aprilia

Photo by: Aprilia Racing

Franco Morbidelli deve deixar a Petronas SRT para ocupar o lugar de Vinales na equipe de fábrica da Yamaha.

Com o patrocinador terminando sua associação com a equipe malaia no final de 2021, as opções da SRT também são escassas. Seu piloto da Moto3 Darryn Binder está pronto para dar o salto diretamente à MotoGP, enquanto nomes como Jake Dixon e Xavi Vierge também foram especulados.

Entende-se que o acordo da SRT com a Yamaha também foi renegociado para que só haja Yamahas "B-spec" em 2022.

Marco Bezzecchi, protegido de Valentino Rossi, também tinha sido associado a um assento no time, mas agora parece certo na VR46 no próximo ano, enquanto o primeiro opcional da SRT, Raúl Fernández, fechou um contrato de dois anos com a KTM.

MAX WILSON vê colaboração "MARAVILHOSA" de BAND no automobilismo, com F1 "até no PROGRAMA DO NETO"

Assine o canal do Motorsport.com no Youtube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like (joinha) nos vídeos e ative as notificações, para sempre ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

PODCAST: Qual piloto merece uma segunda chance na F1?

 

SIGA NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

compartilhar
comentários
MotoGP: Rossi fica perto de 200º pódio da carreira na Áustria, mas comemora oitavo lugar

Artigo anterior

MotoGP: Rossi fica perto de 200º pódio da carreira na Áustria, mas comemora oitavo lugar

Próximo artigo

MotoGP- Martín mais feliz com 3º lugar na chuva do que com vitória

MotoGP- Martín mais feliz com 3º lugar na chuva do que com vitória
Carregar comentários