MotoGP
15 out
Evento encerrado
18 out
Evento encerrado
25 out
Evento encerrado
R
GP da Austrália
23 out
Canceled
08 nov
Evento encerrado
22 nov
Evento encerrado

MotoGP: Ducati e Dovizioso vão decidir futuro após a Áustria; Lorenzo é opção

compartilhar
comentários
MotoGP: Ducati e Dovizioso vão decidir futuro após a Áustria; Lorenzo é opção
Por:

Tricampeão mundial da MotoGP, espanhol pode ocupar a vaga do ex-companheiro italiano em 2021

Uma das principais equipes da MotoGP, a Ducati esclareceu que vai definir o futuro de seu piloto Andrea Dovizioso somente após as duas corridas da categoria rainha da motovelocidade mundial na Áustria.

O competidor italiano se juntou à marca de seu país em 2013 e desde então venceu 13 GPs com a equipe vermelha, tendo sido vice-campeão da MotoGP nas últimas três temporadas da categoria. Entretanto, o contrato de ‘Dovi’ com a Ducati termina no fim deste ano e ainda não há uma definição quanto ao futuro da piloto na escuderia. Ou fora dela. Como se não bastasse, a crise causada pela pandemia do novo coronavírus atrapalha as negociações.

Leia também:

Em função dos impactos da Covid-19, a Ducati passou a cortar gastos. Com a nova política, as conversas que visam à renovação contratual de Dovizioso pararam. O empresário do piloto, inclusive, chegou a cogitar um ano sabático para o italiano em 2021.

De todo modo, de acordo com a equipe, deve haver uma definição após as corridas da Áustria, realizadas neste e no próximo fim de semana em Spielberg, no Red Bull. Foi o que disse um dos chefes da marca, Davide Tardozzi.

“Vamos tomar uma decisão [sobre o futuro de Dovizioso] após as corridas austríacas”, afirmou o dirigente ao DAZN. A declaração do italiano vem após ele mesmo confirmar que o espanhol Jorge Lorenzo, tricampeão da MotoGP, se ofereceu para correr pela equipe em 2021.

“É óbvio que o Jorge tem uma relação muito boa com Gigi [Dall'Igna, director-geral da Ducati] e eles tiveram uma conversa. Foi uma conversa amigável e vamos tomar a decisão apenas depois das corridas de agosto”, disse Tardozzi ao BT Sport em Jerez de la Frontera. Questionado pelo DAZN sobre Lorenzo, o dirigente respondeu: “Jorge é um piloto importante que venceu com a Ducati. Nós o temos em nossos corações, mas vamos ver. ”

Dovi vive 2020 difícil

Apesar de ter ficado em segundo no somatório dos tempos dos dois primeiros treinos livres para o GP da Áustria, Dovizioso vive um começo de temporada complicado em 2020, com muitos dos seus problemas decorrentes do novo pneu traseiro da Michelin.

No GP da República Tcheca, no último fim de semana, o italiano teve sua pior posição de largada na MotoGP (18º) e terminou apenas em 11º. Já o francês Johann Zarco, da equipe cliente Avintia, fez a pole position e terminou em terceiro.

Todas as notícias sobre o GP da Áustria da MotoGP você acompanha no site do Motorsport.com. Fique por dentro de todas as novidades e análises, além de conferir nosso canal no YouTube!

Segunda posição de Dovi nos treinos austríacos foram destaque no SEXTA-LIVRE; veja:

MotoGP: Pol Espargaró é o mais rápido da sexta-feira na Áustria

Artigo anterior

MotoGP: Pol Espargaró é o mais rápido da sexta-feira na Áustria

Próximo artigo

MotoGP: Empresário confirma saída de Dovizioso da Ducati no final de 2020

MotoGP: Empresário confirma saída de Dovizioso da Ducati no final de 2020
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria MotoGP
Pilotos Andrea Dovizioso
Autor Lewis Duncan