MotoGP: Márquez se sente “sortudo por escapar ileso” de grave acidente em Assen

Espanhol cobrou explicações da Honda, e ainda citou acidentes anteriores de Pol Espargaró e de Álex Márquez recentemente

MotoGP: Márquez se sente “sortudo por escapar ileso” de grave acidente em Assen

Marc Márquez admitiu que se sente "sortudo" por ter saído andando da forte queda no TL2 do GP da Holanda de MotoGP, enquanto configurava os novos elementos eletrônicos na sua Honda.

O hexacampeão de MotoGP foi arremessado de sua Honda de forma assustadora na curva Dulkersloot nos primeiros minutos do TL2 e caiu sobre os joelhos e cotovelo direito. O espanhol saiu sem qualquer lesão grave, mas não voltou a pista pelo resto do dia, terminando em sexto no geral.

Leia também:

O piloto da Honda disse que não estava acelerando quando caiu e pediu à equipe HRC que encontrasse uma solução para os problemas eletrônicos da moto, já que sente que “apenas os pilotos Honda têm esse tipo de pontos altos” - citando alguns acidentes semelhantes de Pol Espargaro e de seu irmão Alex Márquez em Portugal, além claro de sua própria  queda em que sofreu a fratura do braço em Jerez no ano passado.

“Basicamente, em primeiro lugar, sinto-me muito sortudo por escapar daquele acidente sem maiores lesões”, disse Márquez quando questionado pelo Motorsport.com sobre o incidente.

“É verdade que aqui em Assen me senti melhor do que esperava e no TL1 eu estava pilotando de forma fácil”.

“No TL2 eu saí e disse que era hora de apertar um pouco o ritmo, e eu estava confortável também”.

“É verdade que eu estava forçando em algumas partes dos circuitos, mas especificamente naquele ponto e naquele tipo de curva eu ​​não estava ultrapassando o limite, basicamente porque havia outro piloto na minha frente e eu estava fazendo exatamente o mesmo que ele fez ou até mais lento”.

“Mas já estou pressionando muito para que a Honda descubra o motivo. Não podemos ter esse tipo de travamento.”

“É verdade que nesse tipo de curva somos contra a eletrônica, mas a eletrônica está aí para impedir estes acidentes, o problema é que apenas os pilotos Honda têm este tipo de queda.”

“Em Portimão foi com o Álex [Márquez] e o Pol [Espargaró], comigo aqui, foi um acidente semelhante em 2020 em Jerez”.

“Precisamos entender. Verifiquei nos dados o que fiz, se fiz algo errado, mas desta vez eu estava andando do mesmo jeito que na volta anterior”.

“Mas apenas o controle de tração não manteve a derrapagem. É algo que devemos entender para o futuro. Para o futuro, não significa o próximo ano - significa este ano”.

“Precisamos de algo que seja mais seguro, porque senão é impossível ter confiança e ser rápido novamente”.

Antes da queda, Márquez estava testando um novo chassi Honda, que diz ter sido a primeira atualização que teve na moto deste ano que lhe deu uma “direção clara” para o futuro.

“Sim, sobre o chassi, estou muito feliz com o trabalho que a HRC fez, porque talvez seja a primeira coisa que sinto algum potencial para o futuro, alguma direção clara”, acrescentou.

“Eu sinto que estava funcionando bem. É verdade que preciso comparar mais profundamente em outras pistas, mas não me sinto mal”.

“Então, fiquei feliz, logo que experimentei vi algo diferente, estilo de pilotagem diferente, forma diferente de entender as coisas e, no geral, gosto disso. Mas, de qualquer forma, quero confirmar isso no futuro”.

Vazam fotos do carro de 2022 da F1! Confira análise de Rico Penteado

Assine o canal do Motorsport.com no Youtube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like (joinha) nos vídeos e ative as notificações, para sempre ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

Podcast #114 - TELEMETRIA: Rico Penteado é enfático sobre favorito na Áustria

 

 

SIGA NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

compartilhar
comentários
MotoGP: Viñales lidera treinos para o GP da Holanda; Márquez sofre forte queda

Artigo anterior

MotoGP: Viñales lidera treinos para o GP da Holanda; Márquez sofre forte queda

Próximo artigo

MotoGP: Morbidelli é dúvida para retorno na Áustria após férias da categoria

MotoGP: Morbidelli é dúvida para retorno na Áustria após férias da categoria
Carregar comentários