MotoGP
18 out
-
20 out
Evento encerrado
25 out
-
27 out
Evento encerrado
01 nov
-
03 nov
Evento encerrado
15 nov
-
17 nov
Evento encerrado

MotoGP: Quartararo atribui erro no Catar à "pressão"

compartilhar
comentários
MotoGP: Quartararo atribui erro no Catar à "pressão"
Por:
Co-autor: Léna Buffa
20 de mar de 2019 12:03

Piloto francês da Petronas Yamaha se classificou em quinto para a corrida, mas sua moto apagou antes da largada e ele teve de sair dos boxes

Estreante da temporada 2019 da MotoGP, Fabio Quartararo admitiu que estava pressionado antes da largada do GP do Catar, que abriu a temporada da categoria máxima da motovelocidade mundial no dia 10 de março. “Duas horas antes da corrida, eu senti como se tivesse uma dor de estômago, eu tentei comer um pouco antes da corrida e não consegui entrar”, disse o francês.

O piloto da nova equipe Petronas Yamaha foi um dos destaques dos testes de pré-temporada no circuito de Losail. Contando todas as sessões, Quartararo fez o segundo tempo mais rápida, atrás apenas de Maverick Viñales, da Yamaha. No treino classificatório para a corrida do Catar, o francês deu prosseguimento à boa forma e conseguiu o quinto lugar.

Leia também:


O jovem de 19 anos, porém, teve problemas antes da largada. Ele acabou permitindo um apagão de sua Yamaha e teve de sair dos boxes, evitando um resultado mais significativo em sua estreia. Quartararo terminou apenas em 16º, embora tenha feito a volta mais rápida da prova.

Ao Motorsport.com, o francês falou sobre o GP do Catar: “Comecei a ficar pressionado. O gerente da equipe [Wilco Zeelenberg] veio me ver e ele percebeu que eu não estava bem. Ele me disse: 'Fique calmo porque a primeira volta será super-perigosa. Então você ganhará confiança e, pouco a pouco, será mais rápido nas voltas seguintes, mas mantenha a calma nas primeiras voltas’. É claro que eu estava nervoso”.

"Quando estava pronto para começar, sabia que precisava realmente fazer as primeiras curvas com delicadeza. Se eu caísse na primeira volta, teria sido um pouco ridículo! Especialmente nas primeiras seis curvas eu sabia que tinha que andar muito devagar”.

Quartararo sente, no entanto, que o erro não mancha o que foi um forte primeiro fim de semana no mais alto nível: "É claro que fiquei um pouco frustrado ao começar no pitlane, mas, fora isso, tudo bem. Estou satisfeito por ter feito uma boa corrida. Infelizmente, o resultado não estava lá, mas eu fiz um final de semana muito bom”.

Fabio Quartararo, Petronas Yamaha SRT

Fabio Quartararo, Petronas Yamaha SRT

Photo by: Gold and Goose / LAT Images

Próximo artigo
Márquez: Honda não tolerava ser mais lenta que a Ducati em reta

Artigo anterior

Márquez: Honda não tolerava ser mais lenta que a Ducati em reta

Próximo artigo

Rossi: Suzuki foi equipe que mais melhorou para 2019

Rossi: Suzuki foi equipe que mais melhorou para 2019
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria MotoGP
Evento GP do Catar
Pilotos Fabio Quartararo
Equipes Drive M7 SIC Racing Team
Autor Jamie Klein