MotoGP: Emocionado, Rossi diz que Misano foi "o melhor modo de dizer adeus" aos fãs italianos

Doutor elogiou título de Quartararo e afirmou que, junto de Morbidelli, Yamaha terá trabalho com dupla em 2022

MotoGP: Emocionado, Rossi diz que Misano foi "o melhor modo de dizer adeus" aos fãs italianos

Valentino Rossi aproveitou ao máximo a grande festa feita para a sua última corrida pela MotoGP em solo italiano. Além do calor do público, o italiano levou pra casa um de seus melhores resultados do ano, com um décimo lugar após largar da 23ª e última posição.

Entre outras coisas, no início do fim de semana, ele disse que seria bom se despedir dos fãs em Misano terminando no top 10. Após o golpe da classificação, isso parecia quase impossível, mas o Doutor fez valer sua experiência, escalando com sua Petronas SRT Yamaha.

Leia também:

"Estou feliz. Foi uma boa corrida e a melhor maneira de dizer adeus. Não queria fazer uma corrida ruim, ficando para trás. Então tentei manter o foco, porque saindo do fundo é sempre difícil. Me sentia bem com a moto e os pneus. Sabia que no seco teria um potencial melhor".

"Consegui travar algumas batalhas, fazer algumas ultrapassagens e, com isso, terminei no top 10. Como disse, é a melhor forma de dizer adeus aos fãs, porque o clima era muito bom no circuito. Muita gente, um dia lindo de sol. Foi muito emocionante".

O final de semana foi marcado por muitas homenagens a Rossi, que ficou tocado por tudo que viu na etapa.

"Gostei muito do especial que a Sky fez na quinta, entrevistando meu pai, minha mãe e os pilotos da Academia. Foi muito bom. Mas esse dia é inesquecível, porque foi o último em Misano".

"Ter as motos da Academia amarelas com a frase 'Obrigado Vale', ver meus amigos com camisetas amarelas. Foi uma bela surpresa, porque eu não sabia. Na volta pós-chegada, parei embaixo da arquibancada com meus fãs e joguei meu capacete para eles. São coisas que me lembrarei pra sempre".

Um fotógrafo presente em Misano jurou que viu Rossi chorando debaixo do capacete no fim, mas o italiano negou: "É mentira. Mas não sou contra a ideia de chorar, só que isso não vem pra mim. Chorei porque ia largar em último", brincou.

Rossi ainda parabenizou o novo campeão mundial, Fabio Quartararo, quem, segundo ele, pode abrir um novo ciclo vitorioso para a Yamaha.

"Quartararo mereceu muito esse mundial, porque veio muito rápido. Ele conseguiu grandes resultados mesmo em pistas onde a Yamaha tinha desvantagens. Por isso é o campeão certo. Ele sempre foi rápido sem nunca errar, então ele merece os elogios".

"Acho que a Yamaha, com ele e Morbidelli, é uma das mais fortes no próximo ano. Fabio pode iniciar um ciclo, mas Franco também mostrou que pode vencer, então eles se esforçarão e acho que darão trabalho para Lin Jarvis. Mas a Yamaha sempre busca ter dois pilotos fortes, e acho que eles encontraram".

Sua despedida oficial da MotoGP acontecerá em Valência, em três semanas, mas isso não significa que sua paixão pelas motos diminuirá.

Ele seguirá como um 'grande chefe' da Academia de Pilotos VR46 e já deixou claro que seguirá andando de moto com frequência e de boa vontade. Mas sobre a possibilidade de um retorno à MotoGP, mesmo que como piloto de testes, ele ainda demonstra relutância.

"Ando de moto duas vezes por semanas, porque aos sábados vamos ao Rancho e treinamos com o pessoal da Academia. Então quero continuar andando, com eles. Isso não vai mudar, mas vamos ver o quanto sentirei falta da MotoGP, porque é uma emoção incrível".

"Mas acho que não serei piloto de testes. Testar é uma das coisas mais chatas e cansativas do nosso trabalho. Mas talvez faça alguma coisa algum dia".

F1 2021: Verstappen SEGURA Hamilton após GUERRA ESTRATÉGICA e vence em Austin; veja análise do GP | PÓDIO

Assine o canal do Motorsport.com no YouTube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like ('joinha') nos vídeos e ative as notificações, para sempre ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

Podcast #139 – Qual o campeonato da F1 mais emocionante do século?

 

SIGA NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

compartilhar
comentários
MotoGP: Com Quartararo campeão, confira a situação do Mundial após o GP da Emilia Romagna
Artigo anterior

MotoGP: Com Quartararo campeão, confira a situação do Mundial após o GP da Emilia Romagna

Próximo artigo

MotoGP: Márquez diz que "capacidade de sofrer" foi chave no título de Quartararo

MotoGP: Márquez diz que "capacidade de sofrer" foi chave no título de Quartararo
Carregar comentários