MotoGP GP da Grã-Bretanha

MotoGP - Quartararo dispara contra Yamaha e Honda: envergonhando seus pilotos

Depois de se classificar em último, o piloto não conseguiu mais do que o 21º lugar na corrida sprint no sábado

Fabio Quartararo, Yamaha Factory Racing

Fabio Quartararo admitiu que os pilotos da MotoGP com motos japonesas estão sendo envergonhados por sua má forma, depois de um resultado ruim na sprint no GP da Grã-Bretanha.

Depois de se classificar em último, o piloto da Yamaha, Quartararo, não conseguiu mais do que o 21º lugar na corrida de 10 voltas no sábado em Silverstone.

Leia também:

Durante a maior parte da competição, todos os seis pilotos com motos japonesas ocuparam as seis últimas posições, com apenas Franco Morbidelli poupando um pouco as atenções ao receber a bandeira quadriculada em 15º.

Isso deu continuidade à escassez de resultados que as montadoras japoneses tiveram durante grande parte de 2023.

Questionado pela Autosport se ele achava que os pilotos da Yamaha e da Honda estavam sendo envergonhados pelos fabricantes japoneses no momento, Quartararo respondeu: "Bem, é claro."

"Quero dizer, se você for ver, agora são mais as motos europeias do que as japonesas, mas não há um [piloto da fabricante japonesa] no topo e os outros embaixo."

"Todos nós estamos em baixo, então com certeza estamos fazendo algo errado."

"Mas, especialmente do meu lado, começando tão abaixo, teremos de fazer algo totalmente diferente amanhã."

"Não temos nada a perder e minha prioridade agora é tentar melhorar, estar mais na frente e dar um passo adiante nas próximas corridas, onde normalmente na segunda metade da temporada é onde caímos."

Joan Mir, Repsol Honda

Joan Mir, Repsol Honda

Foto de: Repsol Media

Quartararo explicou que seu lugar mais baixo no grid se deveu a um "mal-entendido" no Q1, quando ele foi para o box e "o mecânico estava na parte de trás [da garagem]" quando ele precisou de manutenção, deixando-o com tempo para apenas uma volta.

Depois de admitir que manter a motivação durante os tempos difíceis estava ficando mais difícil, Quartararo disse que sua temporada de 2023 é pior do que seus anos sem brilho na Moto2 em 2017 e 2018.

"Sim, porque na Moto2 eu sempre fui uma merda", disse ele quando a Autosport perguntou se esse era o pior momento de sua carreira.

"É verdade, para ser honesto, não fiz nada na Moto2. Fiz algumas corridas, conquistei minha vitória no melhor momento.

"Mas na Moto2 eu nunca estive lutando pelos três primeiros no campeonato. Não me adaptei bem à Moto2, mas na MotoGP não é o caso."

Morbidelli observou que o abismo entre as marcas japonesa e europeia já era "grande" na segunda metade da temporada passada, com a "incrível força de vontade" de Quartararo mascarando os problemas da Yamaha.

Takaaki Nakagami, da LCR Honda, que estava um ponto à frente de Quartararo na sprint, disse que o desempenho das motos japonesas "foi um choque".

Takaaki Nakagami, Team LCR Honda

Takaaki Nakagami, Equipe LCR Honda

Foto de: Gold and Goose / Motorsport Images

"Nós [Honda] estamos lutando, a moto não tem reação, não tem tração", disse Nakagami.

"Então, foi um grande choque o fato de que foram apenas 10 voltas e terminamos 30s atrás. Isso é algo que eles precisam consertar, porque não é apenas um problema do piloto."

"Todos os pilotos da Honda estavam lá. Estou muito triste com o desempenho e o resultado de hoje.

"Era muito difícil se adaptar às condições de hoje, mas estávamos muito lentos e o desempenho não foi bom."

VÍDEO: Max Wilson compara auges de Verstappen, Hamilton e Alonso

Quer fazer parte de um seleto grupo de amantes de corridas, associado ao maior grupo de comunicação de esporte a motor do mundo? CLIQUE AQUI e confira o Clube de Membros do Motorsport.com no YouTube. Nele, você terá acesso a materiais inéditos e exclusivos, lives especiais, além de preferência de leitura de comentários durante nossos programas. Não perca, assine já!

Podcast Motorsport.com debate se Red Bull de 2023 pode ser comparada à McLaren de 1988

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

Faça parte da comunidade Motorsport

Join the conversation
Artigo anterior MotoGP: Bagnaia se mantém na liderança; veja situação do Mundial após GP da Grã-Bretanha 
Próximo artigo MotoGP - Frustrado, Quartararo decidirá futuro com Yamaha em setembro: "Já dei uma chance, não haverá outra"

Principais comentários

Cadastre-se gratuitamente

  • Tenha acesso rápido aos seus artigos favoritos

  • Gerencie alertas sobre as últimas notícias e pilotos favoritos

  • Faça sua voz ser ouvida com comentários em nossos artigos.

Motorsport prime

Descubra conteúdo premium
Assinar

Edição

Brasil Brasil