MotoGP: Quartararo negocia com rivais e A.Espargaró 'provoca'; entenda

O contrato do francês com a Yamaha termina no fim da atual temporada; saiba mais

MotoGP: Quartararo negocia com rivais e A.Espargaró 'provoca'; entenda
Carregar reprodutor de áudio

Atual campeão da MotoGP, Fabio Quartararo, da Yamaha, está negociando com rivais da fabricante japonesa, confirmou o agente do competidor francês, Eric Mahe. O contrato do piloto com sua atual equipe termina no fim da atual temporada. 

O editor recomenda:

Apesar do título em 2021, Quartararo está descontente com o desenvolvimento do time nipônico em 2022, especialmente no que tange à potência do motor da Yamaha. No começo deste ano, ele inclusive afirmou que seu futuro está em aberto.

Tendo isso em vista, rumores sobre o futuro de Fabio começam a surgir, com direito a especulações da ida do piloto para a Honda. De todo modo, Quartararo não dá pistas sobre qual pode ser o seu rumo.

De todo modo, em entrevista ao site da MotoGP, seu agente confirmou que está em negociações com outras equipes/fabricantes acerca do futuro do piloto francês. Mahe, porém, não citou nenhum nome.

"Estamos checando todos os parâmetros. Mas, no atual momento, temos que ver quais são os melhores resultados que Fabio pode alcançar [com a Yamaha em 2022]. No momento, não há pressa, então é uma boa situação. Estamos 'investigando' tudo e vamos ver o que vai acontecer", disse.

Fabio Quartararo, Yamaha Factory Racing

Fabio Quartararo, Yamaha Factory Racing

Photo by: Gold and Goose / Motorsport Images

Após primeira vitória sua e da Aprilia na Argentina, Aleix Espargaró 'provoca' jovens rivais

Veterano piloto do grid, o espanhol conquistou sua primeira vitória da carreira nos mundiais de motovelocidade, abrangendo todas as categorias. Além disso, foi o triunfo inaugural da Aprilia na era MotoGP -- também no GP da Argentina, a fabricante conquistou sua primeira pole 'moderna'.

“Lembro-me perfeitamente de quando estava na Suzuki com o Maverick [Viñales] e terminei minha passagem por lá porque eu não era suficientemente competitivo, então a Aprilia ligou e obviamente eu não estava no topo da lista de pilotos rápidos”, recordou.

“Mas ninguém ia para lá, os pilotos rápidos não queriam ir para lá, ninguém acreditava no projeto. Então, desde o primeiro dia, eu disse: ‘Vou tentar fazer essa moto brilhar, vou tentar levar essa moto ao topo’. Eu não esperava que demorasse tanto, mas finalmente estamos conseguindo", seguiu.

“Há três anos, tentamos convencer alguns jovens pilotos a vir e eles disseram: ‘Prefiro esperar por outra moto’. Isso me deixou com mais fome, me deu motivação extra, porque eu disse: ‘Ok, você vai se lembrar deste dia, quando você disse não à Aprilia’. Ainda assim, há muito trabalho a fazer, mas acho que as pessoas – especialmente os jovens pilotos – começam a ver o projeto Aprilia como algo mais sério, como uma opção para o futuro. Acho que isso é ótimo para o esporte”, completou Aleix.

SEXTA-LIVRE: Leclerc, Verstappen e Sainz travam novo duelo nos TLs australianos

Assine o canal do Motorsport.com no YouTube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like ('joinha') nos vídeos e ative as notificações para ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

 
 

Podcast #171 - Má fase da Mercedes indica fim de uma era na F1?

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

 

 

 

compartilhar
comentários
MotoGP: Zarco supera Miller e Quartararo e lidera sexta-feira em Austin
Artigo anterior

MotoGP: Zarco supera Miller e Quartararo e lidera sexta-feira em Austin

Próximo artigo

MotoGP: Quartararo lidera TL3 repleto de acidentes em Austin; líder, Espargaró disputará Q1 na classificação

MotoGP: Quartararo lidera TL3 repleto de acidentes em Austin; líder, Espargaró disputará Q1 na classificação