MotoGP: Rossi diz que não está "feliz" com ritmo; italiano terminou treino em Jerez em 21º

Piloto italiano terminou o dia 1s4 atrás do melhor tempo de Francesco Bagnaia

MotoGP: Rossi diz que não está "feliz" com ritmo; italiano terminou treino em Jerez em 21º

Valentino Rossi disse que não está "feliz" com ritmo com a sua Petronas SRT Yamaha na MotoGP em 2021, depois de terminar o treino do GP de Espanha nesta sexta-feira(30) em 21º lugar.

O nove vezes campeão mundial, que se juntou à equipe satélite em 2021 vindo da equipe de fábrica da Yamaha, somou apenas quatro pontos até agora na temporada.

Leia também:

As lutas de Rossi continuaram na sexta-feira em Jerez com ele terminando o dia 1s4 atrás do melhor ritmo de Francesco Bagnaia da Ducati, enquanto seus três companheiros da Yamaha completaram os cinco primeiros.

Questionado sobre os seus problemas em Jerez - onde o piloto conquistou o último pódio da MotoGP em 2020 - ele explicou que o habitual problema de aderência traseira na M1 foi o culpado por não deixá-lo “suficientemente rápido”.

“Dia difícil porque não sou rápido o suficiente”, disse.

“Meu ritmo também está um pouco melhor, mas não sou rápido o suficiente. Tenho problema semelhante porque sempre sofro muito com a aderência traseira, principalmente depois de algumas voltas."

“Para mim é difícil, o pneu traseiro, porque deslizo um pouco demais."

“Hoje tentamos coisas diferentes, duas motos diferentes, mas a sensação é muito semelhante. Portanto, não podemos resolver o problema no momento."

“Amanhã vamos tentar algo e espero que a condição da moto melhore.”

Questionado pelo Motorsport.com se o italiano estava se sentindo pressionado, uma vez que a decisão está se aproximando enquanto ele continua lutando, ele respondeu: “Não sei. Não me sinto com muita pressão, sinceramente."

“Fisicamente não sou tão ruim, o problema é que não sou rápido o suficiente. Portanto, não tenho outros problemas em particular. ”

Rossi também admitiu que “não está contente” com a velocidade atual, acrescentando: “Pilotar a moto e estar aqui e trabalhar é bom, é ótimo, mas os resultados são cruciais."

“Então, você precisa ser forte, talvez também não tenha que vencer sempre, mas sim lutar pelo pódio, lutar pelas posições importantes."

“Então, por isso não fico feliz porque não estou rápido e quando você é lento, não é muito divertido", concluiu. 

F1 AO VIVO: BRIGA de 'gato e rato' entre Mercedes e Red Bull nos treinos em Portugal | SEXTA-LIVRE

Assine o canal do Motorsport.com no Youtube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like (joinha) nos vídeos e ative as notificações, para sempre ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

PODCAST: Por que temporada de 2021 promete ser a mais equilibrada dos últimos anos?

 

compartilhar
comentários
MotoGP: Bagnaia supera Quartararo no TL2 e é o mais rápido do dia em Jerez; Márquez é 16º

Artigo anterior

MotoGP: Bagnaia supera Quartararo no TL2 e é o mais rápido do dia em Jerez; Márquez é 16º

Próximo artigo

MotoGP: Márquez diz que não teve barreiras mentais ao passar por curva de acidente em Jerez

MotoGP: Márquez diz que não teve barreiras mentais ao passar por curva de acidente em Jerez
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria MotoGP
Evento GP da Espanha
Pilotos Valentino Rossi
Equipes Petronas Sprinta Racing
Autor Lewis Duncan