Por que a NASCAR em Indianápolis será imperdível para todos os fãs de corridas

Nada menos que sete pilotos de fora dos Estados Unidos se juntam a outros que vivem fase final da primeira parte do campeonato da maior categoria do automobilismo norte-americano

Shane van Gisbergen, Trackhouse Racing, Enhance Health Chevrolet Camaro celebrates his victory

Lesley Ann Miller / Motorsport Images

A corrida da NASCAR Cup Series deste fim de semana no Indianapolis Motor Speedway (IMS) contará com uma lista de estrelas internacionais de todos os cantos do mundo das corridas.

Com apenas três provas para os playoffs da Cup, a corrida de 82 voltas ao redor do misto de Indianápolis será repleta de ação com grande drama e apostas ainda mais altas para aqueles que ainda não conseguiram uma vaga.

Leia também:

Mas há outro elemento na corrida deste domingo. Um campeão mundial de F1, dois vencedores das 24 Horas de Le Mans, um campeão do DTM, um tricampeão da Supercars e o atual líder da Supercars também estarão na pista.

Jenson Button

Button fará sua terceira e última corrida pela Cup Series deste ano. Depois de terminar em 18º em sua estreia em Austin (COTA), ele se classificou em oitavo em Chicago e terminou na 21ª posição. Ele estará mais uma vez correndo no #15 da Rick Ware Racing.

O piloto britânico de 43 anos também pilotou um carro modificado da NASCAR em Le Mans este ano, conquistando corações e mentes quando ele e Jimmie Johnson e Mike Rockenfeller completaram o evento de 24 horas no programa Garage 56.

Ele disse depois de Chicago: "Acho que vai ser complicado em Indianápolis. Estou um pouco preocupado, mas vou esperar e fazer o melhor que puder."

 

Kamui Kobayashi

O astro dos carros esportivos de 36 anos e ex-piloto de F1 fará sua estreia na NASCAR Cup neste fim de semana, pilotando o #67 da 23XI Racing, equipe de Michael Jordan e Denny Hamlin.

Kobayashi se tornará o primeiro piloto japonês a iniciar uma corrida da Cup desde Hideo Fukuyama, há mais de 20 anos, no Sonoma Raceway.

Ele disse no início deste ano que "um dia correr na NASCAR era meu sonho" quando criança. Mesmo depois de largar em 75 corridas de F1 e vencer na geral em Le Mans em 2021, o sonho de competir na NASCAR permaneceu.

"A primeira corrida que vi na TV foi na verdade a NASCAR", disse ele no início deste ano. “Quando eu tinha uns quatro ou cinco anos, eu disse, 'uau, que legal!' E a primeira vez que corri de kart, honestamente, não conhecia a Fórmula 1."

Agora, ele finalmente terá a chance de viver aquele sonho de infância e poderá fazer isso em equipamentos vencedores de corridas. A 23XI venceu no início desta temporada no COTA, e Travis Pastrana terminou em 11º com o carro #67 na Daytona 500 deste ano.

 

Shane van Gisbergen

Este neozelandês pode ter precisado de uma apresentação para os fãs da NASCAR antes de Chicago, mas não mais. O tricampeão de Supercars (2016, 2021, 2022) se tornou o primeiro piloto em 60 anos a vencer na estreia, quando guiou de 18º para 1º na corrida inaugural de Chicago da NASCAR.

Ele deixou claro suas intenções de fazer uma mudança permanente para a NASCAR e terá outro gostinho neste fim de semana. Mais uma vez pelo Project91 da Trackhouse Racing, ele tentará manter vivo seu recorde de 100% de vitórias.

"Toda essa experiência na NASCAR foi um sonho que se tornou realidade", disse van Gisbergen esta semana, antes de sua segunda largada na Cup. "Mal posso esperar para chegar em Indianápolis. Certamente será diferente de Chicago. Vou precisar me atualizar rapidamente, mas planejamos muito tempo no simulador e eu sei que (chefe de equipe) Darian (Grubb) estará totalmente preparado para Indy”.

"Temos que entrar e fazer o nosso melhor, mas você também tem que correr com respeito. Esses caras estão lutando pelo campeonato toda semana, então tenho que entrar e ficar longe de problemas."

SVG também estará disputando a corrida da Truck Series no Lucas Oil Indianapolis Raceway Park neste fim de semana, fazendo sua estreia em oval na NASCAR com a Niece Motorsports.

Race winner Shane van Gisbergen, Trackhouse Racing, Chevrolet Camaro

Race winner Shane van Gisbergen, Trackhouse Racing, Chevrolet Camaro

Photo by: David Rosenblum / NKP / Motorsport Images

Aliás, ele não será o único piloto da Supercars no campo da Cup no domingo...

Brodie Kostecki

Natural de Perth, na Austrália, Kostecki atualmente lidera o campeonato doméstico e tem alguma experiência em dirigir stock cars nos EUA. Na verdade, ele correu 16 corridas da ARCA Leste entre 2013 e 2014.

Neste fim de semana, ele fará sua estreia na Cup pilotando o #33 da Richard Childress Racing.

A RCR é a atual vencedora da corrida em IMS, e Kostecki tem habilidade e carro para fazer barulho neste domingo.

“É uma honra competir em um local tão icônico e contra alguns dos maiores nomes do automobilismo", disse ele após o anúncio."

Brodie Kostecki, Erebus Motorsport Chevrolet Camaro ZL1

Brodie Kostecki, Erebus Motorsport Chevrolet Camaro ZL1

Photo by: Edge Photographics

Mike Rockenfeller

Sim, Kobayashi não será o único vencedor de Le Mans na pista. O piloto alemão venceu em 2010 e também conquistou uma vitória na classe em 2005. Além disso, ele ganhou um DTM em 2013.

E, como mencionado anteriormente, ele fazia parte do trio que pilotou o popular Garage 56 da NASCAR em Le Mans deste ano.

Ele estará correndo no #42 da Legacy Motor Club, uma equipe de copropriedade de seu amigo, Jimmie Johnson.

‘Rocky’ fez duas provas pela Cup no ano passado correndo pela Spire Motorsports. Ele terminou em 30º em Watkins Glen e 29º em Charlotte Roval.

“Depois de correr com Jimmie na IMSA por dois anos e no programa Garage 56, não éramos apenas companheiros de equipe, mas agora somos grandes amigos”, disse Rockenfeller no início desta semana.

“Para poder competir por ele na NASCAR Cup Series na Legacy é uma verdadeira honra. Vai ser um grande desafio porque nunca corri em Indy. Eu estava sonhando em estar em um carro da Cup Series novamente e sou grato pela oportunidade. Vou dar o meu melhor neste curto espaço de tempo para me juntar à equipe e fazer uma grande corrida.”

#24 Hendrick Motorsports Chevrolet Camaro ZL1 of Mike Rockenfeller

#24 Hendrick Motorsports Chevrolet Camaro ZL1 of Mike Rockenfeller

Photo by: Marc Fleury

Sete países de quatro continentes estarão representados na corrida, e não é sempre que você vê pilotos famosos com origens tão diversas se reunindo em um evento como este. Independentemente do que aconteça na pista, a corrida deste domingo em Indianápolis certamente será especial para qualquer fã de qualquer modalidade de automobilismo.  

Qual a DIFERENÇA entre o domínio de Max com a Red Bull e o pico de Hamilton/Mercedes? E a McLaren?

Faça parte do Clube de Membros do Motorsport.com no YouTube

Quer fazer parte de um seleto grupo de amantes de corridas, associado ao maior grupo de comunicação de esporte a motor do mundo? CLIQUE AQUI e confira o Clube de Membros do Motorsport.com no YouTube. Nele, você terá acesso a materiais inéditos e exclusivos, lives especiais, além de preferência de leitura de comentários durante nossos programas. Não perca, assine já!

Podcast #242 – O que a F1 2023 tem trazido de positivo, apesar da falta de vencedores diferentes?

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

 

Faça parte da comunidade Motorsport

Join the conversation
Artigo anterior NASCAR: Hamlin dá ‘chega pra lá’ em Larson, vence em Pocono e consegue recorde
Próximo artigo Netflix faz parceria com NASCAR para série sobre playoffs de 2023

Principais comentários

Ainda não há comentários. Seja o primeiro a comentar.

Cadastre-se gratuitamente

  • Tenha acesso rápido aos seus artigos favoritos

  • Gerencie alertas sobre as últimas notícias e pilotos favoritos

  • Faça sua voz ser ouvida com comentários em nossos artigos.

Motorsport prime

Descubra conteúdo premium
Assinar

Edição

Brasil