Acionista da montadora, Wolff afirma que não está envolvido nas negociações entre Vettel e Aston Martin

O chefe da Mercedes afirmou que é acionista apenas da montadora, e que a decisão final sobre Vettel será de Lawrence Stroll

Acionista da montadora, Wolff afirma que não está envolvido nas negociações entre Vettel e Aston Martin
Carregar reprodutor de áudio

Apesar de ser acionista da Aston Martin, o chefe da Mercedes na Fórmula 1, Toto Wolff, tratou de deixar claro que ele não está envolvido na negociação que pode levar à contratação de Sebastian Vettel para correr pela nova equipe na próxima temporada.

Wolff também é um amigo próximo do dono da Racing Point e presidente executivo da Aston Martin, Lawrence Stroll. Além disso, a Mercedes é a fornecedora de unidades de potência e caixa de câmbio da equipe britânica.

Leia também:

Em abril, Wolff adquiriu 5% de ações da Aston Martin, mas, em meio a rumores de uma possível saída da Mercedes no final do ano, reforçou que se tratava apenas de um investimento pessoal.

O tetracampeão Sebastian Vettel está negociando com a Racing Point por uma vaga em 2021 após o anúncio de que não seguiria na Ferrari após o final da temporada atual. Em coletiva durante o GP da Hungria, Vettel confirmou que está conversando com a equipe, mas que ainda não assinou nada.

"Minha participação na montadora não tem relacionamento nenhum com a equipe de F1", disse Wolff ao Motorsport.com. "Não estou envolvido nas discussões entre Lawrence Stroll, Otmar [Szafnauer] e Sebastian".

"Obviamente eu conheço Sebastian muito bem, e fui parte de alguns, eventos sociais, por assim dizer, mas nada além disso".

Wolff reconheceu que Vettel pode trazer muitos benefícios para a Aston Martin caso ele venha a substituir Sergio Pérez.

"Acho que Checo é uma parte valiosa da equipe, ele é um bom piloto, e tem valor para a Racing Point. Enquanto isso, Sebastian é um tetracampeão mundial que traz muita velocidade, muito conhecimento de engenharia e é uma peça importante para o marketing".

"Mas, no final, a decisão será de Lawrence, que vai montar o line up que ele julgar melhor para a equipe".

‘Deu ruim’! Bruno Senna relata acidente “tenso” do tio Ayrton com buggy em fazenda da família

PODCAST #059: O debate de fãs e haters sobre Hamilton com presença de Eric Granado

 

SIGA NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

 

compartilhar
comentários
ANÁLISE: Por que 22 de julho é um dia importante para a disputa da temporada 2021 da F1
Artigo anterior

ANÁLISE: Por que 22 de julho é um dia importante para a disputa da temporada 2021 da F1

Próximo artigo

Inspecionada pela FIA, Ímola fica próxima de retornar ao calendário da F1

Inspecionada pela FIA, Ímola fica próxima de retornar ao calendário da F1