Fórmula 1
19 mar
-
22 mar
Próximo evento em
24 dias
02 abr
-
05 abr
Próximo evento em
38 dias
30 abr
-
03 mai
Próximo evento em
66 dias
07 mai
-
10 mai
Próximo evento em
73 dias
21 mai
-
24 mai
Próximo evento em
87 dias
R
GP do Azerbaijão
04 jun
-
07 jun
Próximo evento em
101 dias
11 jun
-
14 jun
Próximo evento em
108 dias
25 jun
-
28 jun
Próximo evento em
122 dias
R
GP da Áustria
02 jul
-
05 jul
Próximo evento em
129 dias
R
GP da Grã-Bretanha
16 jul
-
19 jul
Próximo evento em
143 dias
30 jul
-
02 ago
Próximo evento em
157 dias
R
GP da Bélgica
27 ago
-
30 ago
Próximo evento em
185 dias
03 set
-
06 set
Próximo evento em
192 dias
R
GP de Singapura
17 set
-
20 set
Próximo evento em
206 dias
24 set
-
27 set
Próximo evento em
213 dias
08 out
-
11 out
Próximo evento em
227 dias
R
GP dos Estados Unidos
22 out
-
25 out
Próximo evento em
241 dias
29 out
-
01 nov
Próximo evento em
248 dias
12 nov
-
15 nov
Próximo evento em
262 dias
R
GP de Abu Dhabi
26 nov
-
29 nov
Próximo evento em
276 dias

Alonso pode ter cometido erro em abandono na Espanha

compartilhar
comentários
Alonso pode ter cometido erro em abandono na Espanha
Por:
18 de mai de 2016 14:10

Motor Honda de sua McLaren entrou em configuração de corte de combustível, o que fez seu carro parar

Fernando Alonso, McLaren MP4-31
Fernando Alonso, McLaren MP4-31
Fernando Alonso, McLaren MP4-31
Fernando Alonso, McLaren MP4-31
Fernando Alonso, McLaren retired from the race
Fernando Alonso, McLaren MP4-31
Fernando Alonso, McLaren MP4-31

Fernando Alonso tinha esperança de conquistar mais pontos no mundial após conseguir um décimo lugar no grid. Mesmo com uma largada ruim, ele estava nos pontos até que um problema de motor o tirou do GP da Espanha na volta 47.

Após a corrida, a Honda não tinha certeza sobre o que havia acontecido, mas a análise do problema disse que unidade de potência do espanhol foi colocada em modo de corte de combustível, o que fez o carro parar.

No entanto, ainda não há uma resposta para o que fez o motor mudar para essa configuração, já que não houve nenhuma evidência de sensor nem falha mecânica com a unidade de alimentação. Além disso, não houveram avisos de qualquer tipo.

Uma possibilidade é um erro de Fernando Alonso, que pode ter colocado o motor em uma configuração errada sozinho enquanto trabalhava para resolver outros problemas de sensor que aconteceram durante a corrida, mas isso não foi confirmado.

Além disso, não está claro se as alterações de configuração que ele fez nos sensores aconteceram antes ou depois de o carro parar, já que a imagem onboard mostra ele mexendo nos controles.

A causa ser o modo de combustível pelo menos significa para a equipe que não há nenhuma razão mecânica para o motor não ser usado no GP de Mônaco. Por precaução, o time fará uma vistoria até lá.

Próximo artigo
Kvyat crê que poderia vencer no lugar de Verstappen

Artigo anterior

Kvyat crê que poderia vencer no lugar de Verstappen

Próximo artigo

Análise técnica: novidades da Ferrari para a SF16-H

Análise técnica: novidades da Ferrari para a SF16-H
Carregar comentários