Fórmula 1
03 jul
-
05 jul
Evento encerrado
10 jul
-
12 jul
Treino Livre 3 em
14 Horas
:
19 Minutos
:
43 Segundos
R
GP da Hungria
17 jul
-
19 jul
Próximo evento em
6 dias
31 jul
-
02 ago
Próximo evento em
20 dias
R
GP de 70º aniversário
07 ago
-
09 ago
Próximo evento em
27 dias
28 ago
-
30 ago
Próximo evento em
48 dias
04 set
-
06 set
Próximo evento em
55 dias
R
GP de Singapura
17 set
-
20 set
Canceled
25 set
-
27 set
Próximo evento em
76 dias
08 out
-
11 out
Canceled
R
GP dos Estados Unidos
23 out
-
25 out
Próximo evento em
104 dias
R
GP do México
30 out
-
01 nov
Próximo evento em
111 dias
13 nov
-
15 nov
Próximo evento em
125 dias
R
GP de Abu Dhabi
27 nov
-
29 nov
Próximo evento em
139 dias
Análise técnica de Giorgio Piola
Assunto

Análise técnica de Giorgio Piola

Análise técnica: atualizações antes das férias de verão

compartilhar
comentários
Análise técnica: atualizações antes das férias de verão
Por:
, Especialista
Co-autor: Matt Somerfield
26 de jul de 2016 16:25

Na primeira parte da análise técnica do GP da Hungria, Giorgio Piola e Matt Somerfield falam das atualizações feitas por Ferrari, Mercedes e Red Bull

Ferrari

A Ferrari continua a procurar formas de melhorar o SF16-H para lutar com a Red Bull pelo segundo lugar no campeonato.

Ferrari SF16-H rear wing detail
Ferrari SF16-H detalhe asa traseira

Foto: Giorgio Piola

Na Hungria, isso levou os italianos à adoção de um novo projeto de monkey seat, muito semelhante ao que já havia sido usado nesta temporada, mas um pouco diferente.

A ponta da asa menor é menos inclinada do que a usada em Mônaco, mas mais fluída em seu caminho até a placa lateral, enquanto elas (destacadas em verde) também foram revistas, já que a Ferrari procurou melhorar a forma do fluxo de ar para que ele funcione em uníssono com a asa traseira e o difusor para melhorar o downforce total.

Ferrari SF16H diffuser, Hungarian GP
Ferrari SF16H difusor, Hungria

Foto: Giorgio Piola

A superfície do difusor se tornou cada vez mais complexa, pois a equipe montou uma asa ali na Espanha em 2015 (detalhe), com numerosas alterações de perfil no difusor desde então.

No entanto, na Hungria, uma aba estendida apareceu para esticar para frente o apêndice a partir do conjunto de aletas em direção ao duto de freio da frente (em amarelo) atraindo o fluxo de ar para interagir.

Esta é uma área particularmente sensível do carro com a deformação do pneu e o movimento das peças suspensas em constante mudança como o fluxo de ar se move.

Esta nova asa deve comprimir o fluxo de ar e forçá-lo a acelerar em direção ao difusor, melhorando não só o desempenho do canal externo do difusor, mas também proporcionando uma estrutura de fluxo mais eficiente também.

Isso deve melhorar o desempenho geral do difusor bem como a consistência do fluxo através da placa.

Williams FW38 diffuser, Hungarian GP
Williams FW38 difusor, Hungria

Foto: Giorgio Piola

A Ferrari não é o único exemplo de equipe concentrando seus esforços nesta área para obter ganhos aerodinâmicos. Como se pode ver na ilustração acima, a Williams também colocou uma aleta na direção oposta ao fluxo de ar na Áustria em 2015, tendo provavelmente estudado o efeito da aleta da Ferrari no desempenho do difusor.

Mercedes

Depois de uma unidade de desenvolvimento implacável até agora nesta temporada, as atualizações diminuíram um pouco na Hungria para a Mercedes, com o painel do cockpit sendo a única peça de destaque do W07 que não havíamos visto antes.

Mas isso não quer dizer que não pudemos encontrar coisas interessantes. Muitas peças usadas nas corridas anteriores retornam para melhorar o downforce e a estabilidade.

Mantendo a temperatura

Mercedes W07 top exits, Hungarian GP
Mercedes W07 saídas externas, Hungria

Foto: Giorgio Piola

O painel que fica ao lado do cockpit é alterado a cada circuito a fim de manter a janela operacional térmica.

Na Hungria, o painel foi aumentado em altura. Ele é usado para dissipar o calor nas laterais dos carros, de modo a que não afetem o desempenho interno e externo aerodinamicamente.

Mercedes AMG F1 W07 Hybrid rear detail
Mercedes AMG F1 W07 Hybrid detalhe traseiro

Foto: Giorgio Piola

Na parte traseira do sidepod, a carenagem foi aberta na parte superior traseira da suspensão para dissipar o calor gerado no interior.

Esta não é a primeira vez que vemos a equipe empregar essa configuração. Eles fizeram algo semelhante em outros circuitos com altas demandas termodinâmicas.

Asas

Mercedes W07 monkey seats comparison, Hungarian GP
Mercedes W07 monkey seat, Hungria

Foto: Giorgio Piola

Tendo usado o monkey seat elevado desde sua introdução no Azerbaijão, a Mercedes voltou ao design quadrado visto pela última vez em Mônaco.

Esta alteração destaca a ênfase das equipes em garantir que a asa traseira e as estruturas de fluxo de ar do difusor interagem para melhorar o desempenho, com o monkey seat melhorando a distribuição de ar do escapamento.

Mercedes W07 rear wing, Hungarian GP
Mercedes W07 asa traseira, Hungria

Foto: Giorgio Piola

A equipe também manteve a asa traseira, que foi introduzida em Silverstone, que apresenta as placas laterais com espaços, algo que a Toro Rosso começou no início desta temporada. Aletas também foram adicionadas à placa terminal para ajudar a romper a pressão em toda a superfície e ajudar a conectar as estruturas das asas com o fluxo de ar guiado para cima.

Red Bull

Hungaroring sempre foi um local que jogaria a favor dos pontos fortes do RB12, mas a equipe fez mudanças na parte traseira do carro a fim de aumentar a downforce ainda mais.

Divisões que foram adicionadas na placa lateral da asa traseira na Rússia para aumentar a pressão aerodinâmica reapareceram para melhorar a ligação aerodinâmica entre a asa traseira e difusor.

Isso foi acompanhado por um novo monkey seat, pela primeira vez utilizado pela Red Bull em um final de semana de corrida.

Como podemos ver na animação 2D acima, a Red Bull avaliou diversas configurações durante os treinos livres para determinar o que daria o melhor desempenho em seus carros na corrida. No final, ambos os pilotos correram tanto com as laterais da asa traseira divididas quanto com o monkey seat na qualificação e na corrida.

Próximo artigo
Pirelli revela escolhas de pneus para o GP do Brasil

Artigo anterior

Pirelli revela escolhas de pneus para o GP do Brasil

Próximo artigo

Equipes pedem mais clareza na aplicação das regras

Equipes pedem mais clareza na aplicação das regras
Carregar comentários