Ex-patrocinadora da Racing Point negocia com Williams e Haas para manter seu tradicional rosa na F1 em 2021

A BWT, empresa austríaca, negocia para seguir na F1 após a dissolução do contrato com a Aston Martin

Ex-patrocinadora da Racing Point negocia com Williams e Haas para manter seu tradicional rosa na F1 em 2021

Os carros rosa podem seguir na Fórmula 1 em 2021. Segundo apurado pelo Motorsport.com, a BWT, empresa austríaca do ramo de tratamento de água, que atuava como patrocinadora máster da Racing Point até o ano passado, está negociando com a Haas e a Williams para manter sua presença no Mundial.

A BWT era a patrocinadora máster da equipe de Silverstone desde 2017, quando ainda era conhecida como Force India.

Leia também:

Sua tradicional cor rosa se provou um dos destaques do esporte e, junto com a Racing Point, obteve bons resultados, incluindo a vitória de Sergio Pérez com pódio de Lance Stroll no GP de Sakhir do ano passado.

A parceria chegou ao fim com a chegada da Aston Martin, que deu preferência a uma pintura que focasse em seu tradicional verde britânico de corridas. Mas apesar de ainda não haver uma confirmação de que a BWT irá manter seu envolvimento com a F1, fontes confirmaram ao Motorsport.com que a companhia está negociando com duas equipes.

Uma das opções é a Haas, que está sem uma patrocinadora máster desde o meio de 2019, quando o acordo com a marca de bebidas energéticas chegou ao fim. Apesar da equipe e a BWT não responderem a pedidos de comentários, os rumores ganharam força nos últimos dias na imprensa alemã.

Com Mick Schumacher estreando na F1 com a Haas neste ano, seu tio Ralf sugeriu, em entrevista ao jornal alemão Express, que a equipe pode ganhar um novo patrocinador e novas cores.

O filho de Ralf, David (primo de Mick), competiu anteriormente com o rosa da BWT durante seu período na F4, onde correu com a US Racing Team.

Foi apurado, porém, que a Haas não deve ser a única opção da BWT, com fontes revelando também que a marca negocia com a Williams também. A equipe britânica está passando por uma reformulação total com a chegada da Dorilton Capital, e indícios mostram que o FW43B, que passou por um shakedown em Silverstone na quarta, tinha uma pintura azul, sem mais detalhes.

Apesar da saída precoce do carro, a equipe manteve a data de lançamento para 05 de março. O atraso na realização do evento pode estar ligado à finalização do novo acordo de patrocínio. A Williams se recusou a comentar sobre qualquer negociação com a BWT.

Um porta-voz disse: "A Williams está moldando uma nova direção para a marca, com uma nova estratégia comercial, e isso resulta em um interesse significativo enquanto começamos a nova era da equipe".

"Pela sua natureza, essas discussões são confidenciais como parte de nossa política. Então não comentamos sobre especulações ou detalhes específicos".

A BWT possui um nome forte no campo do tratamento de água, envolvendo-se em diversas áreas, incluindo sistemas de filtragem de água, a indústria farmacêutica, sistemas de aquecimento e de ar condicionados e piscinas.

O presidente e investidor majoritário é Andreas Weibenbacher, que é amigo pessoal do chefe da Mercedes, Toto Wolff. O interesse original da marca era de se associar à equipe alemã, mas tinha como contrapartida a adoção da cor rosa no carro todo.

A Mercedes não aceitou o acordo, preferindo manter sua cor prata. Com isso, a BWT fechou um acordo com a Force India para ser uma de suas patrocinadoras, evoluindo para patrocinadora máster em 2020.

Nova parceria com ThePlayer.com, a melhor opção para apostas e diversão no Brasil

Registre-se gratuitamente no ThePlayer.com e acompanhe tudo sobre Fórmula 1 e outros esportes! Você confere o melhor conteúdo sobre o mundo das apostas e fica por dentro das dicas que vão te render muita diversão e também promoções exclusivas. Venha com a gente!

F1: Saiba TUDO que envolve os LANÇAMENTOS dos CARROS da TEMPORADA 2021

Podcast #088 - F1 na Band e o 'fico' de Hamilton: o que esperar de 2021?

 

 

compartilhar
comentários
Análise técnica: Entenda como a Mercedes superou a última ameaça às regras na F1

Artigo anterior

Análise técnica: Entenda como a Mercedes superou a última ameaça às regras na F1

Próximo artigo

Red Bull espera que Pérez ajude a replicar boa fase vivida com Verstappen e Ricciardo

Red Bull espera que Pérez ajude a replicar boa fase vivida com Verstappen e Ricciardo
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Equipes Williams , Haas F1 Team
Autor Christian Nimmervoll