F1: Alonso diz que comentários em rádio não são frustrações, mas pedidos de justiça

Espanhol negou que esteja apenas colocando suas frustrações durante as corridas e usou o futebol para explicar os motivos de suas falas

F1: Alonso diz que comentários em rádio não são frustrações, mas pedidos de justiça
Carregar reprodutor de áudio

Fernando Alonso insiste que seus comentários no rádio sobre incidentes polêmicos na temporada de 2021 da Fórmula 1 - incluindo seus confrontos com a Alfa Romeo em Austin - não são "frustrações", mas sobre as coisas serem "justas".

Desde que retornou à F1 no início de 2021, Alonso disse várias mensagens inflamadas durante as corridas sobre manobras que ele não gostou ou sobre as decisões dos comissários das quais discordava.

Leia também:

Isso inclui comentários sobre pilotos que saíram da pista logo no início das corridas da Áustria, além de ele também sugerir que a reação à sua saída pela área de escape da curva 2 de Sochi indicava que há "regras diferentes para pessoas diferentes" na F1 - e os resultados dos incidentes envolvendo Kimi Raikkonen e Antonio Giovinazzi nos EUA.

No incidente no Circuito das Américas, Raikkonen não foi obrigado a devolver uma posição a Alonso porque o diretor de corridas da FIA, Michael Masi, sentiu que era uma decisão "marginal" que também considerou o quão longe o piloto da Alpine tinha empurrado o da Alfa.

Mais tarde, Alonso e Giovinazzi saíram da pista para completar as ultrapassagens e foram obrigados a devolver as posições em incidentes separados.

Quando questionado sobre a conversa com Masi na coletiva de imprensa no Autódromo Hermanos Rodriguez, Alonso disse que estava "aberto a ouvir o que eles quiserem dizer", após ter dito anteriormente que "não tocará no assunto".

Ele acrescentou: “As respostas são sempre muito construtivas e muito positivas porque todos queremos correr o mais justo possível e tentamos resolver todos os problemas.”

“Porque às vezes não é apenas a contribuição dos pilotos ou a corrida em si, é apenas a natureza do circuito.”

“Em Sochi, você sempre terá mais problemas do que Silverstone ou circuitos diferentes. Tentamos trabalhar juntos para uma solução melhor. Então, sim, vamos ver.”

“Por outro lado, não é frustração. Não se confunda. É apenas tentar uma corrida justa e fazer um bom show para as pessoas nas arquibancadas e na TV.”

“Temos muitos fãs ao redor do mundo e vimos a corrida em Austin como foi fantástica testemunhar as arquibancadas cheias de pessoas. Então, tentamos fazer um show justo para todos”.

Fernando Alonso, Alpine F1

Fernando Alonso, Alpine F1

Photo by: Mark Sutton / Motorsport Images

Alonso disse que não tocaria no assunto porque “se trouxermos esse assunto para a reunião de pilotos, teremos a mesma resposta [da FIA]”.

Ele continuou: “Se você está falando de futebol e toca na bola dentro da área com as mãos, será um pênalti. Então, você não precisa trazer isso para todas as partidas.”

“Cada vez que você toca a bola com as mãos na área, será um pênalti - todas as partidas que você fizer.”

Alonso disse que focar em ultrapassagens fora da pista na reunião de pilotos “é exatamente o que eu não quero que aconteça” porque “acho que há muitas outras coisas que devemos discutir nessa reunião”.

F1 2021: JOGO DE EQUIPE da Red Bull, VEREDITO de Marko, DESABAFO de Andretti e + do GP do México | DIRETO DO PADDOCK

Assine o canal do Motorsport.com no YouTube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like ('joinha') nos vídeos e ative as notificações, para sempre ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

Podcast #143 – TELEMETRIA: O que Mercedes e Hamilton têm que fazer para vencer no México

 

SIGA NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

 

 

compartilhar
comentários
F1: Saiba em detalhes como foi primeiro treino livre do GP do México
Artigo anterior

F1: Saiba em detalhes como foi primeiro treino livre do GP do México

Próximo artigo

F1: Hamilton será investigado por limites de pista no México; entenda

F1: Hamilton será investigado por limites de pista no México; entenda
Carregar comentários