F1: Alonso vê progresso da Alpine como “bom demais para ser verdade”

Depois de um começo de temporada abaixo do esperado, equipe francesa mostrou evolução em uma pista onde sofreu ano passado

F1: Alonso vê progresso da Alpine como “bom demais para ser verdade”

 “Bom demais para ser verdade”. Foi assim que Fernando Alonso definiu o progresso da Alpine nas duas últimas corridas da temporada 2021 da Fórmula 1. A equipe francesa teve um início de temporada difícil, lutando para mostrar sua força nas duas primeiras corridas do ano, no Bahrein e na Emilia Romagna.

Mas também houve cautela quanto a evolução vista em Portugal no fim de semana passado, em meio a preocupações de que sua performance pudesse ter sido auxiliada pelas características da pista de baixa velocidade e pela pista de baixa aderência.

Leia também:

Mas em Barcelona, ​​uma pista que foi das mais difíceis para a quipe ano passado, seus carros passaram para o Q3 e o companheiro de equipe de Alonso, Esteban Ocon, saiu com o quinto tempo mais rápido na qualificação.

Embora Alonso saiba que a luta no meio do grid continua muito próxima, ele acha que a equipe mostrou nas ultimas duas corridas onde ela verdadeiramente esta.

"Provavelmente tendo a acreditar que a McLaren e a Ferrari são um pouco mais rápidas", disse o bi-campeão. "Pelo menos em quatro corridas, eles conseguiram ser mais consistentes no ritmo”.

“Mas é verdade que demos um passo muito grande em Portugal. Não sabíamos se era específico da pista ou se era real. Por isso foi muito bom confirmar aqui em Barcelona que era real e não so uma excecao por conta das caracteritcas em Portimão”.

“Acho que estamos juntos agora, com Ferrari e McLaren. Então essa é uma tendência muito positiva com o que vemos agora na equipe, e estamos muito, muito animados para as próximas corridas”.

“Mas precisamos ter os pes no chao. Porque, como eu disse, Bahrein e Ímola, comparados a Portugal e Barcelona, ​​parece bom demais para ser verdade”.

"Mas obviamente é verdade, porque os dois carros estiveram no Q3 e Esteban foi sexto em Portugal e quinto aqui, e isso são boas notícias”.

Ocon sente que a forte atuação da Alpine na Catalunha deu à equipe a prova que ela queria de que tem um bom carro.

Falando sobre sua performance, Ocon disse: "É muito encorajador. É a confirmação do que queríamos aqui”.

“No ano passado tivemos um final de semana complicado aqui. Depois vindo de Portimão onde o carro funcionou relativamente bem na semana passada, mas também é uma pista única, com a aderência bastante baixa e os pneus um pouco diferentes do restante do ano”.

“Então, vindo para Barcelona, ​​todo mundo conhece a pista muito bem e todas as equipes são rápidas. Então continuamos e descobrimos algumas coisinhas no carro durante a sexta e o sábado”.

"Estou muito satisfeito por termos a confirmação de que a evolução está funcionando como queremos e de que temos o ritmo para estarmos entre os cinco primeiros. É um ótimo trabalho de todos na fábrica, precisamos continuar procurando e aqui está valendo a pena de novo como Portimão, mas ainda melhor, eu diria”.

F1 2021: HAMILTON bate VERSTAPPEN em disputa na Espanha; Cacá Bueno e Rico Penteado analisam | PÓDIO

Assine o canal do Motorsport.com no Youtube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like (joinha) nos vídeos e ative as notificações, para sempre ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

PODCAST #103: TELEMETRIA - Tudo sobre o GP da Espanha com Rico Penteado

 

compartilhar
comentários
F1: Masi explica "raro" rádio de Wolff para direção de prova durante GP da Espanha

Artigo anterior

F1: Masi explica "raro" rádio de Wolff para direção de prova durante GP da Espanha

Próximo artigo

F1: Wolff diz que Ocon e Alpine precisam decidir futuro do piloto antes de Mercedes dar opinião

F1: Wolff diz que Ocon e Alpine precisam decidir futuro do piloto antes de Mercedes dar opinião
Carregar comentários