Últimas notícias

F1: Entenda como escolha da Haas por Hulkenberg é indício da possível saída de Binotto da Ferrari

Alemão teria sido 'indicação' do nome mais cotado para assumir a chefia do time em Maranello

Frederic Vasseur, Team Principal, Alfa Romeo Racing, Guenther Steiner, Team Principal, Haas F1, Mario Isola, Racing Manager, Pirelli Motorsport, in the team principals Press Conference

Ao que tudo indica, o retorno de Nico Hulkenberg a Fórmula 1 como titular na Haas teve um incentivo que indica uma movimentação bastante apontada nas últimas semanas: a equipe norte-americana teria recusado os pilotos da Ferrari (Antonio Giovinazzi e Robert Shwartzman) e aceitado o alemão 'a pedido' do atual chefe da Alfa Romeo, Fred Vasseur, sabendo que o francês chega a Maranello no lugar de Mattia Binotto.

Leia também:

Não é um raio caindo repentinamente, embora nada tenha sido planejado. Os tempos e métodos são típicos da Ferrari, que parece despreparada nas difíceis fases de transição. Maranello concede a Mattia Binotto a saída da Ferrari com as honras das armas, ou seja, com a renúncia acordada, mas ainda não há nada oficial. Desta vez, o silêncio não vem acompanhado de um pronunciamento à imprensa.

O encontro com a alta direção da escuderia - John Elkann e Benedetto Vigna - aconteceu logo após o retorno de Abu Dhabi, epílogo de uma temporada que rendeu à equipe italiana o bicampeonato de Construtores e o papel de vice-campeão mundial de Charles Leclerc. Mattia Binotto sai derrotado, depois de ter a ilusão de que a Ferrari poderia lutar pelos dois títulos até ao fim, podendo contar com um início de campeonato muito competitivo.

Charles Leclerc, Ferrari F1-75

Charles Leclerc, Ferrari F1-75

Photo by: Mark Sutton / Motorsport Images

O F1-75 já estava maduro. Resultado de dois anos de estudo, enquanto as adversárias Red Bull e Mercedes travavam uma exaustiva batalha pela 'coroa' de 2021. O bom início do carro em 2022 deu a entender que poderia ser a temporada certa. Então a Ferrari esvaziou como um suflê: problemas de confiabilidade, erros graves de estratégia associados a erros do piloto e paradas lentas nos boxes arruinaram o quadro.

E se somarmos a isso uma mudança nas regras de corrida ditada pela Mercedes e assinada pela FIA sob o pretexto de segurança que obrigou os monolugares a serem levantados do solo, penalizando o F1-75 em particular. Uma fraqueza política da Ferrari também surge na mesa de decisões.

A escuderia foi culpada de ter sofrido uma descida para a qual até o lugar de honra no campeonato do mundo foi julgado por Benedetto Vigna como uma derrota.

Nico Hulkenberg, Haas F1 Team

Nico Hulkenberg, Haas F1 Team

Photo by: Mark Sutton / Motorsport Images

O jornal italiano Corriere dello Sport, assinado por Fulvio Solms, saiu hoje com um histórico interessante que mostra como a deslegitimação de Mattia Binotto já estava em andamento. Gunther Steiner, chefe da equipe Haas, escolheu Nico Hulkenberg como segundo piloto em vez do exultante Mick Schumacher, dizendo não a Antonio Giovinazzi e Robert Shwartzman, os dois candidatos propostos pela Ferrari para o que parecia ser uma vaga no time 'cliente' da Ferrari.

Haas escolheu Hulkenberg, um piloto que coincidentemente cai sob a influência de Frederic Vasseur. Segundo o Corriere dello Sport, Steiner não criou problemas ao ir contra a vontade da esuceria, pois o chefe da equipe Alfa Romeo já teria chegado a Maranello como chefe da Ferrari e não teria rompido os laços estreitos com a equipe americana tão enraizada na Itália.

E nada acontecerá, acrescentamos, se Simone Resta, atual diretor técnico da Haas, uma vez finalizado o monoposto de 2023, retornar à Ferrari do “empréstimo” para assumir a responsabilidade técnica da escuderia. Os peões de um jogo que ainda está em andamento movem-se lentamente…

VÍDEO: Ricciardo será sombra para Pérez na Red Bull?

Faça parte do Clube de Membros do Motorsport.com no YouTube

Quer fazer parte de um seleto grupo de amantes de corridas, associado ao maior grupo de comunicação de esporte a motor do mundo? CLIQUE AQUI e confira o Clube de Membros do Motorsport.com no YouTube. Nele, você terá acesso a materiais inéditos e exclusivos, lives especiais, além de preferência de leitura de comentários durante nossos programas. Não perca, assine já!

Podcast Motorsport.com debate 'treta' entre Verstappen e Pérez no GP de São Paulo

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

Faça parte da comunidade Motorsport

Join the conversation
Artigo anterior Verstappen 'dá recado' sobre competitividade na F1: "Se não estiver preparado é melhor parar"
Próximo artigo F1: Para Norris, P5 era o máximo que McLaren poderia conseguir no campeonato

Principais comentários

Cadastre-se gratuitamente

  • Tenha acesso rápido aos seus artigos favoritos

  • Gerencie alertas sobre as últimas notícias e pilotos favoritos

  • Faça sua voz ser ouvida com comentários em nossos artigos.

Motorsport prime

Descubra conteúdo premium
Assinar

Edição

Brasil Brasil