Fórmula 1
06 mai
Próximo evento em
61 dias
20 mai
Próximo evento em
75 dias
R
GP do Azerbaijão
03 jun
Próximo evento em
89 dias
10 jun
Próximo evento em
96 dias
24 jun
Próximo evento em
110 dias
R
GP da Áustria
01 jul
Próximo evento em
117 dias
R
GP da Grã-Bretanha
15 jul
Próximo evento em
131 dias
29 jul
Próximo evento em
145 dias
R
GP da Bélgica
26 ago
Próximo evento em
173 dias
02 set
Próximo evento em
180 dias
09 set
Próximo evento em
187 dias
23 set
Próximo evento em
201 dias
R
GP de Singapura
30 set
Próximo evento em
208 dias
07 out
Próximo evento em
215 dias
21 out
Próximo evento em
229 dias
28 out
Próximo evento em
236 dias
R
GP da Arábia Saudita
03 dez
Próximo evento em
272 dias
R
GP de Abu Dhabi
12 dez
Próximo evento em
281 dias

F1: Entenda por que Vettel ainda não conseguiu testar carro da Aston Martin

Alemão deve assumir o volante da equipe apenas na pré-temporada no Bahrein

compartilhar
comentários
F1: Entenda por que Vettel ainda não conseguiu testar carro da Aston Martin

O chefe da Aston Martin, Otmar Szafnauer, explicou por que Sebastian Vettel ainda não foi capaz de testar carro da equipe na preparação para a temporada de 2021 da Fórmula 1.

Embora as escuderias da categoria não possam testar livremente os modelos atuais, elas podem testar carros com pelo menos dois anos, como a Ferrari fez com Carlos Sainz a fim de permitir que o espanhol se acostume a trabalhar com a equipe Maranello antes de guiar o novo carro.

O editor recomenda:

No entanto, isso não vai acontecer com a Aston Martin e Vettel, que se junta ao time de Silverstone após seis temporadas com a Ferrari.

"Alugamos nossos motores e caixas de câmbio. Não os possuímos. Temos que devolvê-los após a temporada", disse Szafnauer em entrevista à agência alemã Auto Motor Und Sport

"É por isso que não temos um carro velho com capacidade de pista para fornecer (para Sebastian Vettel)."

Isso significa que o tetracampeão mundial não poderá se familiarizar com o carro de corrida de sua nova equipe até o teste oficial da pré-temporada, quando então terá apenas um dia e meio assumindo o cockpit no Bahrein.

Nessa situação, tudo o que pode ser feito na fábrica é bem-vindo, mas nem isso está sendo fácil atualmente.

“O plano é que ele venha nos ver (na sede da equipe na Inglaterra) novamente antes dos testes”, disse o chefe da Aston Martin antes de esclarecer: “tudo depende de como eles irão permitir que você viaje”.

Além disso, a escuderia britânica ainda precisa adaptar seu simulador aos padrões atuais "para que (Vettel) possa conduzir as especificações de desenvolvimento mais recentes", acrescentou Szafnauer.

Terceiro lugar, a grande meta da Aston Martin

No ano passado a equipe, então conhecida como Racing Point, somou pontos em 16 das 17 corridas do campeonato, mas falhou algumas vezes em maximizar seu próprio potencial e terminou em quarto lugar na competição de construtores.

Szafnauer disse que este ano deve ser diferente: "Precisamos de mais consistência quando se trata de marcar pontos. Se conseguirmos, podemos terminar em terceiro. Esse deve ser nosso objetivo realista”, finalizou.

Nova parceria com ThePlayer.com, a melhor opção para apostas e diversão no Brasil

Registre-se gratuitamente no ThePlayer.com e acompanhe tudo sobre Fórmula 1 e outros esportes! Você confere o melhor conteúdo sobre o mundo das apostas e fica por dentro das dicas que vão te render muita diversão e também promoções exclusivas. Venha com a gente!

ALFA ROMEO 2021: Veja carro com "PINTURA INVERTIDA" e como equipe busca SAIR do FUNDO do grid

PODCAST - Como congelamento de motores impacta mercado da F1?

 

Austrália considera trocar datas dos GPs de F1 e MotoGP a partir de 2022

Artigo anterior

Austrália considera trocar datas dos GPs de F1 e MotoGP a partir de 2022

Próximo artigo

F1: Wolff mostra interesse em Alonso e 'teme' Red Bull e Aston Martin

F1: Wolff mostra interesse em Alonso e 'teme' Red Bull e Aston Martin
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Pilotos Sebastian Vettel
Equipes Aston Martin Racing
Autor Stefan Ehlen