Fórmula 1 GP da Espanha

F1: Fora da briga pelo título, Horner quer Pérez mais "relaxado" nas corridas

Chefe da Red Bull acredita que mexicano se beneficiará da redução da pressão depois de perder terreno para Max Verstappen na batalha pelo mundial

Sergio Perez, Red Bull Racing

Sergio Pérez venceu duas das quatros corridas de abertura da temporada 2023 da Fórmula 1 e, após sua vitória no GP do Azerbaijão, estava apenas seis pontos atrás de Max Verstappen e, por conta disso, era apontado como um possível postulante ao título.  

Leia também:

A diferença foi ampliada quando o holandês liderou uma dobradinha da Red Bull em Miami, e em seguida, o mexicano teve um fim de semana desastroso em Mônaco, batendo no Q1 e terminando bem longe da zona de pontuação após uma corrida agitada.

Na Espanha, Pérez teve mais uma vez uma classificação ruim, largando apenas em 11º lugar, o que o deixou em desvantagem. Na corrida, ele ficou fora do pódio, chegando em P4 ficando atrás das duas Mercedes que subiram ao pódio.

Verstappen venceu as provas de Mônaco e da Espanha, ampliando ainda mais sua liderança, com a diferença entre os pilotos da Red Bull agora em 53 pontos. Para o chefe da Red Bull, Christian Horner, com o desafio pelo título parecendo menos realista, Pérez poderá relaxar. 

"Acho que, olhando para a diferença agora entre os dois pilotos, que é bastante significativa, em muitos aspectos isso vai tirar a pressão de seus ombros, e acho que isso vai permitir que ele relaxe, não coloque pressão sobre si mesmo e apenas reencontre a forma que tinha nas primeiras corridas."

Sergio Perez, Red Bull Racing, Max Verstappen, Red Bull Racing, 1st position, talk in Parc Ferme

Sergio Perez, Red Bull Racing, Max Verstappen, Red Bull Racing, 1st position, talk in Parc Ferme

Photo by: Mark Sutton / Motorsport Images

Ele acrescentou: "Acho que sabemos do que o Checo é capaz. Já vimos em corridas como a do Azerbaijão e a da Arábia Saudita este ano. Tenho certeza de que ele vai reencontrar essa forma em um futuro próximo."

As simulações da equipe previram que Pérez poderia subir do 11º para o quinto lugar na Espanha e ele acabou superou as expectativas.

"A simulação dizia que, em uma corrida limpa, ele seria o P5", disse Horner. "Ele fez melhor do que isso, em P4. Achamos que talvez a Ferrari tivesse um ritmo de corrida melhor do que tinha. Ele estava chegando a alguns segundos do pódio no final e perseguindo George [Russell]. Foi uma recuperação muito boa, especialmente na segunda metade da corrida."

Aston-Honda na F1 2026: Detalhes, impacto para RBR/Mercedes e o fator Alonso

Quer fazer parte de um seleto grupo de amantes de corridas, associado ao maior grupo de comunicação de esporte a motor do mundo? CLIQUE AQUI e confira o Clube de Membros do Motorsport.com no YouTube. Nele, você terá acesso a materiais inéditos e exclusivos, lives especiais, além de preferência de leitura de comentários durante nossos programas. Não perca, assine já!

Podcast #233 - Leclerc ou Pérez: quem passou mais vergonha nas últimas provas?

 

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

Faça parte da comunidade Motorsport

Join the conversation
Artigo anterior Ricciardo é contratado pela ESPN para cobertura 'alternativa' da F1
Próximo artigo F1: Shakira e Hamilton estão engatando namoro, diz revista People

Principais comentários

Cadastre-se gratuitamente

  • Tenha acesso rápido aos seus artigos favoritos

  • Gerencie alertas sobre as últimas notícias e pilotos favoritos

  • Faça sua voz ser ouvida com comentários em nossos artigos.

Motorsport prime

Descubra conteúdo premium
Assinar

Edição

Brasil Brasil