Fórmula 1 Testes de fevereiro no Bahrein

F1: Mercedes faz investigação noite adentro por causa de mau desempenho no Bahrein

Russell e dirigentes da equipe se mostraram preocupados com o rendimento desta sexta-feira nos testes de Sakhir; saiba mais

Lewis Hamilton, Mercedes F1 W14

Após mau desempenho no segundo dia de testes da pré-temporada 2023 da Fórmula 1 em Sakhir, a Mercedes está entrando noite adentro nesta sexta-feira no Bahrein para investigar os problemas do W14, carro deste ano.

O editor recomenda:

Depois de um primeiro dia encorajador na quinta, a equipe alemã sofreu para encontrar equilíbrio no modelo nesta sexta, com o jovem britânico George Russell terminando o dia em 13º, a dois segundos do tempo mais rápido, estabelecido pela ítalo-suíça Alfa Romeo do chinês Zhou Guanyu. Compatriota e companheiro do piloto da Mercedes, o veterano heptacampeão mundial Lewis Hamilton ficou ainda mais para trás, a três décimos do outro carro do time germânico.

Além disso, a escuderia da Alemanha ainda teve de lidar com um problema hidráulico que fez com que Russell causasse uma bandeira vermelha na sessão da tarde desta sexta, o que encerrou prematuramente o dia para George e companhia.

A Mercedes admitiu estar confusa com relação ao motivo pelo qual as coisas mudaram tão estranhamente do primeiro para o segundo dia de testes. Além disso, há urgência para encontrar respostas antes do terceiro e último dia da pré-temporada no Circuito Internacional do Bahrein.

Diretor de engenharia de pista, Andrew Shovlin, que foi visto em profundas discussões com o chefe Toto Wolff após o teste desta sexta, disse: "Não tivemos um segundo dia forte. Parar na pista por problemas de confiabilidade não foi bom e sofremos com o equilíbrio do carro em meio a condições que variavam. Temos investigações em andamento para entender hoje foi tão desafiador depois de um dia de ontem que foi bastante 'pra frente'. Esse trabalho (de investigação) continua à noite".

"Não tenho dúvidas de que vamos entender mais coisas até a manhã. Temos de ver se até lá vamos entender a queda de performance e, a partir disso, mitigar o tempo de pista que perdemos nesta quinta."

Toto Wolff, Team Principal and CEO, Mercedes-AMG

Toto Wolff, Team Principal and CEO, Mercedes-AMG

Photo by: Mark Sutton / Motorsport Images

Mais cedo, Wolff havia dito à F1TV que o W14 não tinha se comportado tão bem quanto equipe e pilotos gostariam: "O carro esteve desequilibrado nesta manhã. Você nota quando ele está sendo pilotado, ficando marcas nos pneus durante a aceleração. Está quente e não conseguimos achar a configuração correta para a condição, o que também faz parte do processo de aprendizagem com um novo carro, suponho". 

Questionado sobre se tal situação representa uma preocupação, o chefe de equipe da Mercedes: "Sim, definitivamente é porque não se trata de erro de pilotagem que desgasta pneus, por exemplo. É o carro que não proporciona aderência traseira suficiente. É algo que teremos de resolver".

Por sua vez, Russell disse que o time está trabalhando duro para encontrar respostas na telemetria, com foco no que deu errado. "Ainda que não tenhamos completado nosso cronograma completo, descobrimos coisas interessantes com base nos dados ao fim do dia", afirmou o inglês.

"Isso é positivo e vamos analisar tudo durante a noite com o objetivo de 'achar' tempo de volta. Ainda não 'desbloqueamos' tudo no W14 e todos estão trabalhando duro para fazê-lo a fim de maximizar nosso último dia de testes amanhã", completou Russell.

Alpine AZUL, Alfa Romeo, McLaren e cia: MELHORES e PIORES pinturas da F1 2023; assista ao DEBATE

Quer fazer parte de um seleto grupo de amantes de corridas, associado ao maior grupo de comunicação de esporte a motor do mundo? CLIQUE AQUI e confira o Clube de Membros do Motorsport.com no YouTube. Nele, você terá acesso a materiais inéditos e exclusivos, lives especiais, além de preferência de leitura de comentários durante nossos programas. Não perca, assine já!

Podcast #Boletim – Detalhes sobre Stroll e Drugovich com boa chance para o GP do Bahrein

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

Faça parte da comunidade Motorsport

Join the conversation
Artigo anterior F1: Haas economiza R$1,3 milhão com redução no pitwall
Próximo artigo F1: Leclerc lidera manhã do último dia da pré-temporada com Drugovich em terceiro

Principais comentários

Ainda não há comentários. Seja o primeiro a comentar.

Cadastre-se gratuitamente

  • Tenha acesso rápido aos seus artigos favoritos

  • Gerencie alertas sobre as últimas notícias e pilotos favoritos

  • Faça sua voz ser ouvida com comentários em nossos artigos.

Motorsport prime

Descubra conteúdo premium
Assinar

Edição

Brasil