F1: Ocon 'bate no peito' e alega que além dele apenas Hamilton conseguiu fazer melhor trabalho como companheiro de Alonso

Francês não entende por que resultados conquistados ao lado do espanhol não são valorizados

Lewis Hamilton, McLaren and Fernando Alonso, McLaren

Esteban Ocon acha 'estranho' que nem todos apreciem a velocidade e os resultados que ele tem mostrado na Fórmula 1 - especialmente considerando que o francês está enfrentando Fernando Alonso como companheiro de equipe na Alpine.

Leia também:

Ocon parece pronto para liderar a equipe em 2023, após o anúncio da saída de Alonso para a Aston Martin na próxima temporada. Mas, enquanto jovem francês está comovido por sua equipe, que se comprometeu com ele até o final de 2024, Esteban está ciente de que aqueles que estão fora do plantel às vezes não reconhecem o trabalho que ele está fazendo.

Para ele, tendo se mostrado tão forte contra Alonso, que incluiu sua primeira vitória na Hungria no ano passado, apenas Lewis Hamilton se saiu melhor como companheiro de equipe do espanhol.

Falando ao Motorsport.com sobre sua reputação dentro do paddock, Ocon disse: “Eu não leio tudo o que é dito sobre mim, mas espero que quando eu fizer algo bom, seja relatado como tal, e que outros possam obter uma ideia.

“Mas é verdade que tem gente que me diz 'ah, não percebi sua classificação em Spa', ou 'esqueci que você ganhou no ano passado'. Confesso que achei meio estranho.

“No final da classificação, em comparação com Fernando, é 9/7 para ele, mas tenho mais alguns pontos na classificação (Ocon tem 66 contra 59 de Alonso). No ano passado, se falarmos de classificação, terminamos a temporada empatados: 11 a 11.

“Se eu olhar para a carreira de Fernando, o único companheiro de equipe em seu nível foi Lewis. Todo mundo não fez melhor do que eu.

“Pessoalmente, sinto que estou fazendo um bom trabalho, sim. Então é um pouco estranho às vezes ver que do lado de fora existem aqueles que percebem de uma maneira um pouco diferente.”

Esteban Ocon, Alpine F1 Team, Fernando Alonso, Alpine F1 Team,

Esteban Ocon, Alpine F1 Team, Fernando Alonso, Alpine F1 Team,

Photo by: Mark Sutton / Motorsport Images

Ocon diz que agora sorri quando se lembra do número de vezes que lhe disseram que sua carreira na F1 seria morta com a chegada de Alonso – o que o deixa especialmente orgulhoso por ter saído de seu tempo juntos com uma aparência tão boa.

Questionado sobre as previsões do fim do mundo, Ocon disse: “Sim, eu também ouvi, mas ainda estou aqui, certo?

“É uma boa comparação de onde começamos no ano passado, tanto na classificação quanto nas corridas. Fernando é muito, muito rápido. Acho que ele não tem nada para dar a ninguém. Aos que dizem se aprendi com Fernando, respondo 'certamente'. Mas espero que ele também possa ter aprendido algo comigo.”

Enquanto Ocon está feliz com sua progressão na carreira na F1 e animado com os próximos dois anos na Alpine, ele sabe que não pode se dar ao luxo de ficar sentado e acreditar que seu lugar no grid está garantido.

Ele cita o exemplo de Daniel Ricciardo, que pode enfrentar um ano de afastamento em 2023 após duas temporadas difíceis na McLaren.

“Entendo que não há nada garantido na Fórmula 1”, disse ele. “Mesmo que você tenha vencido uma corrida, mesmo que tenha enfrentado um bicampeão mundial como Fernando, você não tem certeza de ter um futuro garantido.

“Temos o exemplo de Daniel. Há dois anos, ele estava no grupo de melhores pilotos e hoje não tem a garantia de vaga para a próxima temporada. Você deve estar sempre no topo e ter certeza de nunca desistir.”

BEBEDEIRA e ZOEIRA: Rubinho e Massa citam Kimi, Schumi e Alonso como PARÇAS. Mas quem são os CHATOS?

Podcast #196 - Após recorde, qual Alonso ficará para a história da F1?

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

Faça parte da comunidade Motorsport

Join the conversation
Artigo anterior F1: Ex-presidente da Ferrari elogia Binotto, mas diz que dirigir a Ferrari é "uma história diferente"
Próximo artigo ANÁLISE: A Ferrari demitirá funcionários por congelamento de motores na F1?

Principais comentários

Ainda não há comentários. Seja o primeiro a comentar.

Cadastre-se gratuitamente

  • Tenha acesso rápido aos seus artigos favoritos

  • Gerencie alertas sobre as últimas notícias e pilotos favoritos

  • Faça sua voz ser ouvida com comentários em nossos artigos.

Motorsport prime

Descubra conteúdo premium
Assinar

Edição

Brasil