F1: Produtor de Drive To Survive atribui sucesso da série a Ricciardo

Com ausência do australiano, Paul Martin coloca expectativa em outro piloto: Pierre Gasly

ricciardodrivetosurvive

Nos Estados Unidos, a Fórmula 1 está se tornando cada vez mais popular, em parte graças à série documental da Netflix: Drive To Survive. A produção que mostra os bastidores da categoria revelou-se particularmente espetacular e a estreia da nova temporada é aguardada com ansiedade em todo o mundo.

Leia também:

A quinta temporada será lançada pouco antes do início do calendário F1 em 2023 e parece certo que se a sexta temporada também for filmada, Daniel Ricciardo poderá retornar às telas no máximo como coadjuvante - uma vez que o australiano não estará no grid neste ano por não ter um assento como titular, mas apenas um papel de reserva na Red Bull.

“Sem Daniel, provavelmente não haveria Drive to Survive”, disse Paul Martin, principal produtor da série, ao The Post. “Ele foi o primeiro piloto com quem conversamos sobre isso, o primeiro piloto que nos convidou para sua casa na Austrália. Fiquei muito emocionado quando ele decidiu se afastar.”

Além de Ricciardo, é claro, havia alguns 'atores' que fizeram muito para tornar popular a série documental da Netflix. Tanto Valtteri Bottas quanto Guenther Steiner, chefe de equipe da Haas, proporcionaram aos fãs vários momentos inesquecíveis, mas Martin mencionou outra pessoa.

“Para mim, [Pierre] Gasly sempre gostou desse papel (como Ricciardo). Pierre também participou dessa maravilhosa jornada da série, estou apegado emocionalmente a ele. Nós o vimos passar por alguns pontos baixos incríveis: a temporada em que foi rebaixado [pela Red Bull] e a morte de Anthoine [Hubert]. Então será ótimo vê-lo finalmente ter outra chance em um carro competitivo”.

“Ele cresceu muito como competidor e como pessoa na tela, então acho que será ele quem realmente preencherá o vazio que Daniel deixou para trás”, acrescentou o produtor de forma um tanto surpreendente.

Alpine AZUL, Alfa Romeo, McLaren e cia: MELHORES e PIORES pinturas da F1 2023; assista ao DEBATE

Quer fazer parte de um seleto grupo de amantes de corridas, associado ao maior grupo de comunicação de esporte a motor do mundo? CLIQUE AQUI e confira o Clube de Membros do Motorsport.com no YouTube. Nele, você terá acesso a materiais inéditos e exclusivos, lives especiais, além de preferência de leitura de comentários durante nossos programas. Não perca, assine já!

Podcast #217 – Como serão as batalhas internas das equipes na F1 2023?

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

Faça parte da comunidade Motorsport

Join the conversation
Artigo anterior F1: Sainz revela que "não estava pronto" para lutar por título de 2022
Próximo artigo F1: Falta de "arrogância técnica" é a grande fortaleza de Newey

Principais comentários

Cadastre-se gratuitamente

  • Tenha acesso rápido aos seus artigos favoritos

  • Gerencie alertas sobre as últimas notícias e pilotos favoritos

  • Faça sua voz ser ouvida com comentários em nossos artigos.

Motorsport prime

Descubra conteúdo premium
Assinar

Edição

Brasil Brasil