Fórmula 1
25 mar
Próximo evento em
67 dias
06 mai
Próximo evento em
109 dias
20 mai
Próximo evento em
123 dias
R
GP do Azerbaijão
03 jun
Próximo evento em
137 dias
10 jun
Próximo evento em
144 dias
24 jun
Próximo evento em
158 dias
R
GP da Áustria
01 jul
Próximo evento em
165 dias
R
GP da Grã-Bretanha
15 jul
Próximo evento em
179 dias
29 jul
Próximo evento em
193 dias
R
GP da Bélgica
26 ago
Próximo evento em
221 dias
02 set
Próximo evento em
228 dias
09 set
Próximo evento em
235 dias
23 set
Próximo evento em
249 dias
R
GP de Singapura
30 set
Próximo evento em
256 dias
07 out
Próximo evento em
263 dias
21 out
Próximo evento em
277 dias
28 out
Próximo evento em
284 dias
05 nov
Próximo evento em
292 dias
R
GP da Austrália
18 nov
Próximo evento em
305 dias
R
GP da Arábia Saudita
03 dez
Próximo evento em
320 dias
R
GP de Abu Dhabi
12 dez
Próximo evento em
329 dias

F1: Red Bull culpa "anomalias" por comportamento irregular do carro de 2020

compartilhar
comentários
F1: Red Bull culpa "anomalias" por comportamento irregular do carro de 2020
Por:

Christian Horner falou que o foco da equipe antes do próximo GP é tentar descobrir a origem desse problema

Antes do início da temporada 2020 da Fórmula 1, a Red Bull tinha a esperança de que finalmente poderia desafiar a Mercedes. Mas o que se viu até agora foi uma campanha mais tímida, ocupando isoladamente o segundo lugar no Mundial, com Max Verstappen e Alex Albon sofrendo com o carro. E a equipe quer descobrir a origem desses problemas.

Apesar de Verstappen ter uma ótima performance no GP da Hungria, terminando em segundo, seus chefes na Red Bull estão cientes que ainda há muito para melhorar.

Leia também:

"Temos anomalias no carro, que não está se comportando como esperávamos", disse Christian Horner, chefe da equipe. "Estamos focanos nossos esforços para entender e resolver isso para as próximas provas. Então a recuperação de Verstappen foi muito forte, mas ainda estamos bem atrás do ritmo da Mercedes".

A luta da Red Bull para entender o RB16 se manifestou quando a equipe fez mudanças profundas no ajuste do carro para tentar compreender os problemas. Ambos os piloto sofreram com rodadas nas primeiras etapas devido ao fato do carro ser difícil de ser comandado sob limite.

Horner disse que o foco da Red Bull é compreender porque, sob certas condições, o carro tem ritmo forte, enquanto em outras ele se torna imprevisível. 

"Acho que temos algo se comportando mal aerodinamicamente", disse. "Obviamente é uma questão de compreender antes de resolver. Sob certas condições, o carro vai bem. Mas recebemos bons dados do final de semana. Então a equipe vai trabalhar em cima disso para resolver o mais rápido possível".

Com a Mercedes bem a frente de todos no grid, muitos sugerem que há pouca esperança da Red Bull bater de frente com a Mercedes pelo título de 2020. Perguntado pelo Motorsport.com se ele sentia que seria possível, Horner disse: "É uma diferença significativa, mas depende de quanta performance conseguiremos tirar do RB16".

"Sabemos que temos o básico de um carro decente. Ele só não está se comportando como nossas simulações mostravam. Precisamos entender isso e garantir que vamos obter o que estava nas previsões, o que não vem acontecendo".

PÓDIO: Os bastidores do GP da Hungria com Lucas di Grassi e Rico Penteado

PODCAST: Guerra de bastidores na F1 e entrevista exclusiva com Igor Fraga

 

F1: Binotto admite que Ferrari considera mudanças organizacionais após início ruim de temporada

Artigo anterior

F1: Binotto admite que Ferrari considera mudanças organizacionais após início ruim de temporada

Próximo artigo

Norris ajuda mecânicos da McLaren a desmontar carro após GP da Hungria: "É um jeito de cuidar deles"

Norris ajuda mecânicos da McLaren a desmontar carro após GP da Hungria: "É um jeito de cuidar deles"
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Evento GP da Hungria
Equipes Red Bull Racing
Autor Jonathan Noble