F1 - Ricciardo: "Já passou o tempo de ficar frustrado com ritmo"

Australiano da McLaren acredita que está encontrando o desempenho desejado e que não teve que se preocupar com concorrência em Silverstone

F1 - Ricciardo: "Já passou o tempo de ficar frustrado com ritmo"

Daniel Ricciardo diz que já passou do ponto de frustração ao tentar se adaptar ao carro de 2021 da McLaren e aceitou que é um desafio contínuo. O australiano lutou para se equiparar ao companheiro de equipe Lando Norris durante toda a temporada da Fórmula 1 e tem tentado ajustar seu estilo de direção ao MCL35M.

O piloto mostrou sinais consistentes de progresso e em Silverstone, onde terminou em quinto, uma posição atrás do britânico.

Leia também:

"Ainda é definitivamente frustrante às vezes", disse Ricciardo. “Provavelmente já se foi o tempo de ficar frustrado, acho que agora é uma espécie de realidade que ainda estou precisando encontrar um pouco mais e apenas estar de acordo com o carro. Essa é provavelmente a melhor maneira de colocar as coisas."

"Então eu acho que não é nada novo para mim agora. Eu sei e estou ciente de que ainda será um processo. Não entrei em pânico no início, mas estava ciente de que estava perdendo terreno. Queria entender onde e o que preciso para me ajudar a recuperar esses três ou quartos décimos."

Daniel comentou que seu sólido fim de semana em Silverstone foi um impulso, embora ele se sentisse mais forte em uma volta na qualificação do que em corrida.

"Estou definitivamente feliz no papel, ou mais, com o resultado inédito entre cinco primeiros no ano", disse ele quando questionado pelo Motorsport.com sobre seu fim de semana. "E Lando também ficou ali, então obviamente são bons pontos para a equipe. E eu sei que a Ferrari teve um GP forte."

"Acho que agora ainda há algum ritmo 'escondido'. É estranho porque você pensaria quqqe em uma volta é onde talvez eu estivesse devendo mais, quando realmente levamos o carro. Talvez na corrida, quando tudo se acalma, eu extraia um pouco mais."

"Nós meio que vimos o oposto neste fim de semana. Na corrida, quando o carro está com um pouco de combustível e começa a andar mais, é onde eu ainda tenho que ajustar um pouco. Acho que ainda não sou consistente em colocar no fio da navalha."

Ricciardo lembrou que ser pressionado pela Ferrari de Carlos Sainz na corrida o obrigou a testar os limites: "Acho que ter ele no final, ou durante a maior parte da prova, meio que me forçou a acelerar em algumas curvas."

“Me permitiu sentir um pouco mais onde essa vantagem está. Isso é definitivamente encorajador. Eu sei que Carlos foi definitivamente mais rápido, mas para conseguir um top 5 quando eu ainda estou assim, me motiva."

O australiano observou na Áustria que precisa se concentrar em si mesmo e não no ritmo de seu companheiro de equipe, e diz que está tentando seguir essa abordagem: "Com certeza ainda vou olhar os dados e ver onde posso melhorar, mas sim, durante a qualificação eu tive uma boa, digamos, confiança interior."

"Estava muito confortável com o carro e não senti a necessidade de me distrair com Lando ou os concorrentes. Então, acho que foi um bom fim de semana do ponto de vista da mentalidade."

Red Bull antecipa AÇÃO DRÁSTICA pós-BATIDA com Hamilton e clã Verstappen escancara REVOLTA com Wolff

Assine o canal do Motorsport.com no Youtube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like (joinha) nos vídeos e ative as notificações, para sempre ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

PODCAST: Como fica o campeonato após guerra declarada entre Verstappen e Hamilton?

 

SIGA NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

compartilhar
comentários
F1: Diretor de engenharia da Mercedes diz que colisão entre Hamilton e Verstappen era "inevitável"
Artigo anterior

F1: Diretor de engenharia da Mercedes diz que colisão entre Hamilton e Verstappen era "inevitável"

Próximo artigo

Entenda como pandemia ainda pode alterar planos da F1 para o GP de São Paulo

Entenda como pandemia ainda pode alterar planos da F1 para o GP de São Paulo
Carregar comentários