F1: Verstappen explica como sua mão ficou presa no cockpit durante o Q1

Holandês teve um problema "incomum" durante o treino oficial para o GP de Abu Dhabi que arruinou uma volta no início da qualificação

F1: Verstappen explica como sua mão ficou presa no cockpit durante o Q1

Max Verstappen conquistou sua terceira pole position na F1 na última sessão de qualificação da temporada de 2020, neste sábado (12), no circuito Yas Marina, ao superar a dupla Valtteri Bottas e Lewis Hamilton da Mercedes.

O holandês teve um breve susto no Q1 quando entrou na Curva 6 e teve que pilotar o carro com uma das mãos depois que sua mão esquerda ficou presa no cockpit.

Leia também:

Ele foi rápido em informar a Red Bull sobre o que causou o erro, mas passou com segurança para o Q2 depois de considerar um início "complicado".

“Fiquei preso, acho que foi entre o volante e o joelho. Nunca me aconteceu antes. Eu literalmente estava indo em direção à parede. Foi uma ação infeliz."

Verstappen não se sentiu totalmente confiante durante a sua volta com pneus médios no Q2, mas ficou contente pela forma como a qualificação terminou com a pole position.

Foi a primeira vez em 2020 que um carro não motorizado pela Mercedes cravou a primeira colocação, e a terceira equipe a conseguir o feito, após a pole de Lance Stroll pela Racing Point na Turquia. É a primeira de Verstappen desde o GP do Brasil de 2019.

"Estávamos perto o ano todo, eu perdi por pouco algumas vezes", disse Verstappen. "Finalmente, estar aqui pelo menos uma vez depois do domínio que [a Mercedes] teve ao longo do ano é muito bom para nós e para toda a equipe também."

“Tem sido uma temporada muito longa em um curto período de tempo, muitas corridas. Eu acho que todos querem a pausa, mas ter a pole position aqui é uma boa motivação para todos na equipe tentarem ganhar amanhã . "

Questionado sobre o quão confiante ele estava no ritmo de corrida da Red Bull em Abu Dhabi, Verstappen se sentiu inseguro devido ao cenário indefinido do TL2 após uma longa bandeira vermelha.

"Vou dar uma olhada no que podemos fazer, mas acho que muitas pessoas não tiveram um bom desempenho por causa da bandeira vermelha que tivemos", disse Verstappen. "Então vai ser interessante amanhã. Vou dar o meu melhor. Parece que nossa velocidade máxima neste fim de semana não é tão ruim. Isso é sempre bom. Com certeza Valtteri e Lewis estarão muito próximos, e será uma boa batalha, espero."

Nova parceria com ThePlayer.com, a melhor opção para apostas e diversão no Brasil

Registre-se gratuitamente no ThePlayer.com e acompanhe tudo sobre Fórmula 1 e outros esportes! Você confere o melhor conteúdo sobre o mundo das apostas e fica por dentro das dicas que vão te render muita diversão e também promoções exclusivas. Venha com a gente!

F1 2020: Assista ao debate sobre o treino classificatório para o GP de Abu Dhabi de Fórmula 1

PODCAST: "Show" de Russell pode gerar problema para Mercedes?

 

compartilhar
comentários
Fittipaldi: "Poderíamos ter melhorado a classificação um pouco mais"

Artigo anterior

Fittipaldi: "Poderíamos ter melhorado a classificação um pouco mais"

Próximo artigo

Leclerc: "Sofremos com o superaquecimento dos macios no último setor"

Leclerc: "Sofremos com o superaquecimento dos macios no último setor"
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Evento GP de Abu Dhabi
Pilotos Max Verstappen
Autor Pablo Elizalde