F1: Vettel não se arrepende de assinar com Aston Martin e elogia Pérez na Red Bull

Piloto alemão disse estar feliz por "Sergio ter encontrado um lugar tão competitivo"

F1: Vettel não se arrepende de assinar com Aston Martin e elogia Pérez na Red Bull

Sebastian Vettel disse antes do GP da Grã-Bretanha da Fórmula 1, que será realizado neste domingo (18), às 11h (confira os horários), que não se arrepende de assinar com a Aston Martin em 2021 e elogiou Sergio Pérez na Red Bull.

No início do ano passado, Vettel foi dispensado pela Ferrari, já que a aposta da equipe italiana era em Charles Leclerc e Carlos Sainz.

Quando o anúncio foi feito, o alemão deu a entender que ainda não havia terminado seu tempo na principal categoria do automobilismo, então procuraria um novo desafio. A Red Bull parecia o destino dos sonhos. No entanto, Helmut Marko informou Vettel na Áustria que o seu regresso à sua primeira casa não seria possível.

Leia também:

O tetracampeão mundial encontrou uma vaga na Aston Martin em 2021 ao assinar um contrato de vários anos. A equipe britânica lutou pelo terceiro lugar no campeonato de construtores de 2020 quando se chamava Racing Point, mas tem lutado para acompanhar o ritmo este ano.

Questionado se Vettel se arrependia de sua escolha, o alemão disse: "Não, certamente não me arrependo. Decidi [após o anúncio da Red Bull] ir em outra direção e escolher um novo time, que era a Aston Martin, onde começaram uma nova direção."

"Estou muito feliz aqui e continuo apoiando totalmente a minha escolha."

Elogios a Pérez: "Ele merece o lugar da Red Bull"

A mudança de Vettel para a Aston Martin deixou Sergio Pérez sem vaga em 2021. O mexicano tinha um contrato de três anos, a partir de 2020, com a equipe de Lawrence Stroll. No final, Checo conseguiu uma vaga na Red Bull, substituindo Alex Albon.

O piloto alemão disse estar feliz por "Sergio ter encontrado um lugar tão competitivo".

“Digo com toda a sinceridade - e digo isso de coração - que estou feliz por Sergio ter encontrado um lugar tão competitivo. Ele merece isso"

“Ele mostrou isso não só com aquela vitória em Baku, mas também nos últimos dez anos. Estou feliz que a Red Bull tenha um carro tão bom agora por duas razões diferentes. Em primeiro lugar, ainda conheço muita gente da equipe. Em segundo lugar, gosto que o Checo agora possa ir a uma corrida com a ideia de que tem um carro para vencer. Ele não teve esse luxo no passado, então é bem merecido", concluiu.

EXCLUSIVO: Mariana Becker vê Hamilton mais irritado, Verstappen maduro e detalha 'treta' com Alonso

Assine o canal do Motorsport.com no Youtube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like (joinha) nos vídeos e ative as notificações, para sempre ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

PODCAST: Qual é o tamanho da temporada de Norris até agora?

 

.

compartilhar
comentários
F1 - Horner: É "triste" ver as dificuldades de Ricciardo na McLaren
Artigo anterior

F1 - Horner: É "triste" ver as dificuldades de Ricciardo na McLaren

Próximo artigo

F1: Mariana Becker vê Hamilton mais irritado, Verstappen maduro e detalha 'treta' com Alonso

F1: Mariana Becker vê Hamilton mais irritado, Verstappen maduro e detalha 'treta' com Alonso
Carregar comentários