FIA nomeia ex-jornalista para novo cargo de comissário da F1

Segundo apurado pela equipe do Motorsport.com, Dieter Rencken será a ponte entre Federação e categoria, com papel importante para novo Pacto de Concórdia

Mohammed bin Sulayem, President, FIA

A FIA nomeou um comissário de Fórmula 1 para ajudar com suas estratégias e melhorias nas corridas, conforme apurado pelo Motorsport.com.

O ex-jornalista de F1 Dieter Rencken, que trabalha como conselheiro do presidente da FIA, Mohammed Ben Sulayem há vários meses, assumirá o cargo com efeito imediato.

Leia também:

Entende-se que Rencken se reportará diretamente a Ben Sulayem, e ele foi encarregado de auxiliar na formulação e implementação de melhorias para a F1 em nome do órgão dirigente. A FIA é uma organização separada da FOM, detentora dos direitos comerciais da F1.

Além disso, ele ajudará nas discussões sobre a elaboração do novo Pacto de Concordia, documento pelo qual a F1 é administrada, que deverá entrar em vigor em 2026.

A ideia de a FIA ter um comissário dedicado para a F1 foi algo que foi falado várias vezes no passado, com o anterior presidente da FIA, Jean Todt, fazendo parte do seu manifesto quando assumiu o cargo pela primeira vez em 2009.

No entanto, os planos foram posteriormente abandonados com base em dois motivos distintos.

Primeiro, Todt achou impossível encontrar o candidato certo porque, sendo uma organização sem fins lucrativos, a FIA não tinha condições de pagar o suficiente pelos melhores candidatos.

Carlos Sainz Jr driving for Renault Sport F1 Team in 2017 alongside Dieter Rencken, Journalist

Photo by: Sutton Images

Carlos Sainz Jr driving for Renault Sport F1 Team in 2017 alongside Dieter Rencken, Journalist

Falando naquele momento, Todt disse: “Precisamos encontrar alguém que esteja disposto a dar o seu tempo, com a sua capacidade, quase de graça.

“É algo que dificulta a escolha, mas estamos num bom momento e para mim prefiro esperar alguns meses e ter o perfil que quero encontrar do que correr para preencher a vaga.”

No final, Todt abandonou completamente a ideia porque sentiu que o papel do comissário não era necessário, enquanto o supremo da F1, Bernie Ecclestone, era muito forte na gestão da Comissão da F1.

Porém, no mês passado, o sucessor de Todt, Ben Sulayem, falou sobre a necessidade de ter mais pessoas trabalhando ao seu redor, ao declarar confiança naqueles que iriam liderar as negociações para o Pacto de Concordia.

“Não é um show de um homem só”, disse ele. “Se você me perguntasse há seis meses, eu diria que não tenho uma equipe boa o suficiente para negociar isso.

“Temos um bom [departamento técnico] de monoposto, temos tudo isso. Mas quando se trata de negociação, a negociação não envolve pessoas técnicas: pessoas técnicas tratam de restritores, de som, de unidades de potência. Não é isso que existe com o lado comercial.

“Então hoje tenho uma boa equipe. É bom começar agora. Mas nossa casa não está pegando fogo. E o novo Pacto deve ser justo para todas as três partes interessadas: FIA, FOM e as 10 equipes, se ainda lá estiverem. É aí que acho que nos sentiremos bem.”

Motorsport Business #5 – GERALDO RODRIGUES: relação com pilotos, experiência com RUBINHO e F1 atual

Quer fazer parte de um seleto grupo de amantes de corridas, associado ao maior grupo de comunicação de esporte a motor do mundo? CLIQUE AQUI e confira o Clube de Membros do Motorsport.com no YouTube. Nele, você terá acesso a materiais inéditos e exclusivos, lives especiais, além de preferência de leitura de comentários durante nossos programas. Não perca, assine já!

 

Podcast #255 – Qual a nota do GP de São Paulo de 2023, em Interlagos?

 


ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

 

Faça parte da comunidade Motorsport

Join the conversation
Artigo anterior F1: Horner esclarece ‘palavra misteriosa’ sobre futuro de Pérez na equipe
Próximo artigo F1: Red Bull discorda de avaliação de Hamilton sobre futuro

Principais comentários

Ainda não há comentários. Seja o primeiro a comentar.

Cadastre-se gratuitamente

  • Tenha acesso rápido aos seus artigos favoritos

  • Gerencie alertas sobre as últimas notícias e pilotos favoritos

  • Faça sua voz ser ouvida com comentários em nossos artigos.

Motorsport prime

Descubra conteúdo premium
Assinar

Edição

Brasil